2022-04-11T17:04:59-03:00
Carolina Gama
FECHAMENTO DO DIA

S&P 500 tem início de semana difícil em meio a onda de vendas de tecnologia; veja como bolsas nos EUA fecharam

Petróleo também fecha em queda, voltando a ser negociado abaixo dos US$ 100 o barril, em meio a temores dos investidores com a covid-19 na China

11 de abril de 2022
17:03 - atualizado às 17:04
Tinta vermelha simula sangue na palavra Wall Street
Imagem: Shutterstock

O S&P 500 sucumbiu às preocupações dos investidores com a desaceleração da economia norte-americana e em meio a uma onda de venda de ações de tecnologia. Junto com o Dow Jones e o Nasdaq, o índice mais amplo de Nova York terminou a segunda-feira (11) em queda. 

As ações de tecnologia, que fecharam uma sequência de três semanas de ganhos na semana passada, começaram a segunda-feira com o pé atrás, já que os investidores tendem a abandonar ativos mais arriscados com a perspectivas de taxas básicas mais elevadas.  

Os papéis da Microsoft chegaram a cair quase 4%. As ações de fabricantes de semicondutores, como Nvidia e Advanced Micro Devices, recuaram 5,2% e 3,59%, respectivamente.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente

Já os juros projetados pelos títulos do Tesouro dos EUA — considerados ativos seguros em tempos de incerteza — continuaram a acumular ganhos com as expectativas de um ritmo mais agressivo de aperto da política monetária do Federal Reserve (Fed) no próximo mês.

Os juros dos títulos do Tesouro dos EUA de 10 anos, considerados referência, saltaram acima de 2,78% hoje — níveis não vistos desde janeiro de 2019.

Os preços do petróleo também caíram nesta segunda-feira em meio a temores de que os bloqueios contra a covid-19 na China deprimiriam a demanda global. Tanto o Brent quanto o WTI foram negociados abaixo de US$ 100 o barril hoje. 

Confira o fechamento dos índices em Nova York:

  • Dow Jones: -1,19%, 34.309,07 pontos
  • S&P 500: -1,68%, 4.412,83 pontos
  • Nasdaq: -2,18%, 13.411,96 pontos

S&P 500 seguiu a Europa

O S&P 500 seguiu a trajetória das bolsas europeias que, em sua maioria, também fecharam em queda em meio à pressão da política monetária e da guerra na Ucrânia. 

O pan-europeu Stoxx 600 fechou em baixa de 0,7%, com as ações de tecnologia caindo 2% para liderar as perdas, já que a maioria dos setores e principais bolsas terminaram em território negativo.

  • Londres: -0,67%
  • Paris: +0,12%
  • Frankfurt: -0,64%

Além da guerra e da política monetária, as eleições na França também entraram no radar dos investidores europeus. 

O presidente francês, Emmanuel Macron, e a desafiante de extrema-direita Marine Le Pen avançaram no primeiro turno da eleição presidencial francesa e devem se enfrentar em um segundo turno em 24 de abril.

Uma vitória de Le Pen seria um choque para a França e a Europa como um todo, provavelmente oferecendo aos mercados mais motivos de preocupação.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente
Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

O SOL HÁ DE BRILHAR MAIS UMA VEZ

Cemig (CMIG4) amplia presença em energia solar em negócio milionário; confira os detalhes do negócio

A transação envolve três usinas fotovoltaicas e reforça a estratégia da companhia de crescimento sustentável no mercado de geração distribuída

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Ibovespa abaixo dos 100 mil novamente, presidente da Caixa pede demissão e o salvador do mundo cripto; confira os destaques do dia

As últimas semanas parecem ter inaugurado um novo modus operandi no mercado financeiro: não há boa notícia ao amanhecer que perdure até o anoitecer.  Alta de commodities, alívio no cenário fiscal, retomada econômica chinesa. Pode escolher a sua arma, nada parece forte o suficiente para enfrentar o temor de uma recessão global e de um […]

Nova aquisição

Ambipar (AMBP3) volta às compras e adquire a Bioenv, que desenvolve projetos de monitoramento do meio ambiente

Como a compra foi feita por meio da controlada Ambipar Response ES S.A., não precisará ser aprovada pelos acionistas da empresa mãe

FECHAMENTO DO DIA

Temor de recessão segue forte e Ibovespa volta a perder os 100 mil pontos; dólar cai com PEC melhor que o esperado

O Ibovespa chegou a amanhecer no azul, mas os temores que rondam o mercado falaram mais alto

CONTROLE DE DANOS

Pedro Guimarães entrega carta de demissão a Jair Bolsonaro e rebate acusações de assédio; veja quem o sucederá na presidência da Caixa

Guimarães deixa o cargo em meio a uma investigação do Ministério Público Federal por múltiplas denúncias de assédio sexual