O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2022-03-24T17:02:44-03:00
Carolina Gama
FECHAMENTO DO DIA

Bons ventos da economia dos EUA ajudam S&P 500, Nasdaq e Dow Jones a fecharem com mais de 1% de elevação

O destaque do dia foi o setor de chips, que brilhou após a sinalização de um acordo entre Intel e Nvidia; mercados na Europa tropeçam na reunião da Otan sobre a guerra

24 de março de 2022
17:02
Touro símbolo do mercado financeiro em Nova York
Imagem: Shutterstock

A confiança no crescimento da economia dos Estados Unidos trouxe bons ventos a Wall Street nesta quinta-feira (24). O S&P 500, o Dow Jones e o Nasdaq terminaram o dia com mais de 1% de alta apoiados em dados que trouxeram esperança aos investidores.

O indicador em questão é o pedido de seguro-desemprego, que caiu para o menor nível em décadas e mostrou que a economia norte-americana poderia continuar em expansão em meio a ventos contrários da guerra entre Rússia e Ucrânia e da taxa de juros mais alta. 

Na semana passada, os pedidos iniciais de auxílio-desemprego totalizaram 187.000 — o nível mais baixo desde 1969, segundo dados desta quinta-feira do Departamento do Trabalho.

Com isso, as ações que têm mais a ganhar com uma economia em recuperação, incluindo chips e materiais, lideraram os ganhos em Nova York.

As fabricantes de chips chegaram a subir mais de 4%, lideradas por Intel e Nvidia, depois que o presidente-executivo desta última, Jensen Huang, disse que a empresa estaria interessada em usar a Intel para obter seus chips.

O setor de tecnologia mais amplo também foi ajudado pela Meta depois que a dona do Facebook confirmou  planos de construir um data center de grande escala na região norte de Kansas City.

  • IMPORTANTE: liberamos um guia gratuito com tudo que você precisa para declarar o Imposto de Renda 2022; acesse pelo link da bio do nosso Instagram e aproveite para nos seguir. Basta clicar aqui
  • Dow Jones: +1,01%, 34.707,15 pontos
  • S&P 500 +1,44%, 4.520,19 pontos
  • Nasdaq: +1,93%, 14,191,84 pontos

Nos últimos dias, os índices de ações oscilaram, alternando entre sessões em alta e em baixa. Ainda assim, S&P 500, Nasdaq e Dow Jones estão a caminho de fechar a semana com ganhos. 

S&P 500 embala, mas Europa não

O desempenho do S&P 500 e seus parceiros em Wall Street não conseguiu ser replicado na Europa. Fechando antes das bolsas norte-americanas, os mercados europeus terminaram a quinta-feira, em sua maioria, em queda. 

Os investidores no velho continente acompanharam de perto os desenvolvimentos na Ucrânia e as reuniões dos líderes da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan), da União Europeia (UE) e do G-7 — o grupo das setes maiores economias do mundo — em Bruxelas.

  • Londres: +0,09%
  • Paris: -0,39%
  • Frankfurt: -0,07%

O pan-europeu Stoxx 600 fechou em queda de 0,1%, devolvendo ganhos anteriores. As ações do varejo recuaram 1,4%, enquanto as de telecomunicações subiram 1%.

Os mercados globais acompanharam de perto os encontros de alto nível em Bruxelas assim como a série de novas sanções e outras medidas para conter o avanço das tropas russas na Ucrânia. 

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

MADE IN CHINA

Shopee, Shein e AliExpress livre de taxas? Bolsonaro diz que sim e Guedes diz que não!

Chefe do Executivo volta a contrariar o ministro da Economia, Paulo Guedes, que na última semana defendeu o digitax — um imposto que seria aplicado em compras online de fornecedores estrangeiros

BYE BYE GOVERNO!

Privatização vem aí: conselho do PPI altera regras da capitalização da Eletrobras (ELET3); saiba por que mudou

O TCU aprovou na sessão de quarta-feira (18) o processo de privatização da companhia — a proposta do relator venceu por 7 votos a favor e 1 contra

NOVO SHAPE

Da academia pra carteira: Smart Fit (SMFT3) tem potencial de alta de 34%, diz Itaú BBA — saiba se é hora de comprar

Depois do confinamento provocado pela covid-19, a indústria fitness enfrenta agora um cenário desafiador, com inflação alta, segundo o banco de investimentos

SEM LIMITE

STF nega impor prazo a Lira para análise de pedidos de impeachment de Bolsonaro

O chefe do Executivo é alvo de mais de 140 solicitações de impedimento; entenda a decisão da corte máxima

VAI TER DISNEY?

Dólar acumula desvalorização de 12,59% frente ao real no ano — veja o que mexe com o mercado de câmbio

A moeda norte-americana teve o pior desempenho semanal em quase dois meses, quando levou um tombo de mais de 5%

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies