🔴 5 MOEDAS PARA MULTIPLICAR SEU INVESTIMENTO EM ATÉ 400X – VEJA COMO ACESSAR LISTA

Ricardo Gozzi
Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Formado em jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @Renan_SanSousa
DE OLHO NA BOLSA

Esquenta dos mercados: Inflação derrete bolsas no exterior com perspectiva de juros elevados; Ibovespa aguarda dados de desemprego hoje

Na nova rodada da pesquisa Genial/Qaest, os candidatos Lula e Bolsonaro mantiveram suas posições, mesmo com o início da campanha

Renan Sousa
Ricardo Gozzi, Renan Sousa
31 de agosto de 2022
7:39
Confira o que movimenta a bolsa, o dólar e o Ibovespa hoje. Imagem: Pixabay

A quarta-feira (31) das bolsas internacionais começa ao som de Raul Seixas. Não, os investidores não estão marcando os 33 anos e 10 dias da partida do ícone da música brasileira. Estão apenas se inspirando na letra de ‘Tente Outra Vez’ para ver se agora vai.

Em queda desde a sexta-feira, as principais bolsas de valores estrangeiras começaram o dia em busca de recuperação.

Nada muito robusto, porém: os índices futuros de Nova York oscilam sem direção definida, enquanto a inflação na zona do euro voltou a bater recorde, lançando as bolsas da região em território claramente negativo.

O mais recente movimento de queda começou depois do esperado discurso do presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano), Jerome Powell, no simpósio de banqueiros centrais de Jackson Hole.

Na ocasião, ele sinalizou que o ambiente de taxas de juros mais elevadas provavelmente persistirá até que o Fed consiga domar o dragão da inflação.

Para completar um cenário externo nada favorável aos negócios, a Rússia interrompeu o fornecimento de gás do gasoduto Nord Stream 1 para a Europa no início desta quarta-feira, aumentando as perspectivas de recessão e racionamento de energia na região.

A interrupção para manutenção no Nord Stream 1 significa que nenhum gás fluirá para a Alemanha entre 31 de agosto e 3 de setembro, de acordo com a gigante estatal russa de energia Gazprom

Os números do operador do gasoduto — disponíveis no site da empresa — mostraram fluxos em zero nesta quarta-feira, com três horas consecutivas sem fluxos.

Por aqui, os investidores estão em busca de justificativas para descolar o Ibovespa de Wall Street. Na última sessão, o Ibovespa encerrou os negócios em queda de 1,68%, aos 110.430 pontos. Já o dólar à vista avançou 1,58%, a R$ 5,1130.  

Confira o que irá movimentar o dia das bolsas, do dólar e do Ibovespa:

Uma ponta de esperança para as bolsas

Mas como é de batalhas que se vive a vida, parte dos investidores se enche de otimismo na expectativa de que a alta dos juros nos EUA poderia estar próxima do fim.

Esse grupo otimista não se ilude ao ponto de imaginar que o Fed poderia simplesmente não subir novamente a taxa básica de juro em setembro — e também mais duas vezes ainda em 2022. Mas ainda haveria muitos indicadores econômicos à espera de cruzar a ponte.

Na balança

A inflação encontra-se ainda próxima de seus níveis mais elevados em mais de 40 anos nos EUA. Entretanto, a alta dos preços dos Estados Unidos tem mostrado sinais de desaceleração. E é nisso que essa turma mais otimista se escora.

Somado a isso, os números do PIB — que, na segunda revisão, ainda indicam recessão técnica — ainda tem alguma chance de virem melhores do que o esperado na terceira leitura, que deve acontecer mais adiante.

Por fim, os dados do payroll, a folha de pagamento dos EUA, também é um dado a ser levado em conta. 

Jogando contra as bolsas

Em contrapartida, um grupo mais pé-no-chão considera que a sinalização de Powell em Jackson Hole foi um golpe fatal no bear market rally que vinha se desenhando até a semana passada.

Para hoje, os investidores aguardam o relatório ADP de empregos privados, publicado ainda pela manhã, enquanto o exterior digere a inflação da Zona do Euro.

Brasil para acompanhar o Ibovespa

O mercado financeiro local tem grandes chances de encontrar gatilhos positivos para se descolar do exterior nos números do desemprego e do superávit fiscal, previstos para hoje.

Também nesta quarta-feira, o governo enviará ao Congresso o projeto de orçamento para 2023. Descolado da realidade ele virá. Só resta saber o quanto.

Contribuição Social Sobre Lucros

O Senado aprovou na última terça-feira (30) a Medida Provisória (MP) que eleva em 1 ponto porcentual a Contribuição Social sobre o Lucro Líquido (CSLL) de instituições bancárias e não bancárias até 31 de dezembro de 2022.

A medida elevou a CSLL dos bancos de 20% para 21%. Para instituições como corretoras e companhias de seguro a alíquota foi elevada de 15% para 16%. O texto segue agora para sanção presidencial. Dessa maneira, vale ficar de olho no setor financeiro da bolsa. 

Foco no Orçamento — e como isso afeta os negócios

O governo federal, encabeçado pelo presidente Jair Bolsonaro (PL), deve apresentar o projeto de Orçamento para 2023. Por mais um ano consecutivo desde 2015, a peça deve contar com déficit para o ano que vem. 

O ponto-chave, no entanto, é a manutenção do Auxílio Brasil em R$ 600 que não estava no texto original. Vale lembrar que o benefício terá esse valor só até o final deste ano. Ao mesmo tempo, o presidente tenta sua reeleição contra seu principal adversário, Luiz Inácio Lula da Silva (PT). 

De onde vem?

Lula também reforçou que, se for eleito, manterá o Auxílio com um bônus de R$ 150 por criança na família. Tanto Bolsonaro quanto o ex-presidente são os principais candidatos à frente nas pesquisas e não informaram como irão financiar o benefício. 

O descontrole das contas públicas é um motivo de preocupação para os investidores porque eleva o risco brasileiro e afasta investidores internacionais dos ativos domésticos. 

Genial/Quaest

Por fim, Lula continua liderando a corrida para o Palácio da Planalto, com 44% das intenções de voto contra 32% de Jair Bolsonaro (PL). A nova rodada da pesquisa Genial/Quaest divulgada há pouco mostra que, mesmo após as entrevistas dos candidatos ao Jornal Nacional, e o início da propaganda de rádio e TV, os candidatos permanecem estagnados em suas respectivas posições. 

Na contabilidade dos votos válidos, o ex-presidente ainda tem chance de ganhar no primeiro turno dentro da margem de erro. 

Bolsa hoje: agenda do dia

  • Zona do Euro: CPI e núcleo do CPI (6h)
  • IBGE: Pnad Contínua, taxa de desemprego até julho (9h)
  • Estados Unidos: Relatório ADP de empregos privados (9h15)
  • Banco Central: Setor Público consolidado em julho (9h30)
  • Banco Central: Fluxo cambial semanal (14h30)
  • China: PMI industrial, composto e de serviços (22h30)

Compartilhe

BRIGA PELO TRONO GRELHADO

Acionistas da Zamp (BKBR3) recusam-se a ceder a coroa do Burger King ao Mubadala; veja quem rejeitou a nova oferta

21 de setembro de 2022 - 8:01

Detentores de 22,5% do capital da Zamp (BKBR3) já rechaçaram a nova investida do Mubadala, fundo soberano dos Emirados Árabes Unidos

FECHAMENTO DO DIA

Inflação americana segue sendo o elefante na sala e Ibovespa cai abaixo dos 110 mil pontos; dólar vai a R$ 5,23

15 de setembro de 2022 - 19:12

O Ibovespa acompanhou o mau humor das bolsas internacionais e segue no aguardo dos próximos passos do Fed

De olho na bolsa

Esquenta dos mercados: Cautela prevalece e bolsas internacionais acompanham bateria de dados dos EUA hoje; Ibovespa aguarda prévia do PIB

15 de setembro de 2022 - 7:42

As bolsas no exterior tentam emplacar alta, mas os ganhos são limitados pela cautela internacional

FECHAMENTO DO DIA

Wall Street se recupera, mas Ibovespa cai com varejo fraco; dólar vai a R$ 5,17

14 de setembro de 2022 - 18:34

O Ibovespa não conseguiu acompanhar a recuperação das bolsas americanas. Isso porque dados do varejo e um desempenho negativo do setor de mineração e siderurgia pesaram sobre o índice.

De olho na bolsa

Esquenta dos mercados: Depois de dia ‘sangrento’, bolsas internacionais ampliam quedas e NY busca reverter prejuízo; Ibovespa acompanha dados do varejo

14 de setembro de 2022 - 7:44

Os futuros de Nova York são os únicos que tentam emplacar o tom positivo após registrarem quedas de até 5% no pregão de ontem

FECHAMENTO DO DIA

Inflação americana derruba Wall Street e Ibovespa cai mais de 2%; dólar vai a R$ 5,18 com pressão sobre o Fed

13 de setembro de 2022 - 19:01

Com o Nasdaq em queda de 5% e demais índices em Wall Street repercutindo negativamente dados de inflação, o Ibovespa não conseguiu sustentar o apetite por risco

De olho na bolsa

Esquenta dos mercados: Bolsas internacionais sobem em dia de inflação dos EUA; Ibovespa deve acompanhar cenário internacional e eleições

13 de setembro de 2022 - 7:37

Com o CPI dos EUA como o grande driver do dia, a direção das bolsas após a divulgação dos dados deve se manter até o encerramento do pregão

DANÇA DAS CADEIRAS

CCR (CCRO3) já tem novos conselheiros e Roberto Setubal está entre eles — conheça a nova configuração da empresa

12 de setembro de 2022 - 19:45

Além do novo conselho de administração, a Andrade Gutierrez informou a conclusão da venda da fatia de 14,86% do capital da CCR para a Itaúsa e a Votorantim

FECHAMENTO DO DIA

Expectativa por inflação mais branda nos Estados Unidos leva Ibovespa aos 113.406 pontos; dólar cai a R$ 5,09

12 de setembro de 2022 - 18:04

O Ibovespa acompanhou a tendência internacional, mas depois de sustentar alta de mais de 1% ao longo de toda a sessão, o índice encerrou a sessão em alta

novo rei?

O Mubadala quer mesmo ser o novo rei do Burger King; fundo surpreende mercado e aumenta oferta pela Zamp (BKBR3)

12 de setembro de 2022 - 11:12

Valor oferecido pelo fundo aumentou de R$ 7,55 para R$ 8,31 por ação da Zamp (BKBR3) — mercado não acreditava em oferta maior

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar