O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2022-01-18T15:12:29-03:00
Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @RenanSSousa1
BITCOIN (BTC) HOJE

‘Freakconomics’ 2.0: atentado nos Emirados Árabes faz bitcoin (BTC) cair; entenda o que mais movimenta as criptomoedas hoje

Avanço do petróleo, valorização dos Treasuries, queda das bolsas e pressão no bitcoin: tudo está conectado ao atentado de hoje

18 de janeiro de 2022
12:54 - atualizado às 15:12
Maça cortada com um bitcoin e criptomoedas ao fundo
Confira como anda o mercado de criptomoedas e o preço do bitcoin (BTC) hoje. Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

Steven Levitt surpreendeu o mundo com o polêmico livro “Freakonomics: O Lado Oculto e Inesperado de Tudo que nos Afeta”, em que faz uma série de correlações, aparentemente distantes, mas que produzem resultados que afetam o dia a dia. É o que acontece com o mercado de bitcoin e criptomoedas hoje.

As moedas digitais recuam hoje com o aumento na percepção de risco dos investidores após um atentado nos Emirados Árabes Unidos (EAU). Por volta das 11h30, o bitcoin operava em queda de 3,05%, cotado a US$ 41.401,61 (R$ 229.688,39).

Uma segunda análise, contudo, revela que a correlação entre o desempenho da principal criptomoeda do mercado e as tensões no Oriente Médio não é assim tão absurda.

Afinal, o bitcoin acompanha a queda dos demais ativos de risco, como as bolsas internacionais. Na ponta contrária, o petróleo sobe para as máximas em oito anos.

Confira o desempenho de outras criptomoedas hoje, no mesmo horário:

#NamePrice24h %7d %
1Bitcoin (BTC)US$ 41.401,61-3,05%-0,05%
2Ethereum (ETH)US$ 3.114,89-4,59%0,69%
3Tether (USDT)US$ 1,000,01%0,01%
4BNB (BNB)US$ 461,46-2,98%3,20%
5Cardano (ADA)US$ 1,48-3,98%29,64%
6USD Coin (USDC)US$ 1,000,06%0,05%
7Solana (SOL)US$ 135,26-5,79%-0,52%
8XRP (XRP)US$ 0,7399-3,10%0,75%
9Terra (LUNA)US$ 75,26-8,25%7,36%
10Polkadot (DOT)US$ 24,45-7,64%1,98%
Fonte: Coin Market Cap

Por aqui, a bolsa brasileira ganhou mais um fundo de índice (ETF, em inglês) em criptomoedas para chamar de seu. O DEFI11 pretende garantir exposição ao ecossistema de finanças descentralizadas, as DeFi e deve chegar à B3 em fevereiro.

Confira o desempenho dele e de outros ETFs hoje:

TickerGestoraPreçoVariação (24h%)
HASH11HashdexR$ 43,96-1,88%
ETHE11HashdexR$ 53,90-1,55%
BITH11HashdexR$ 56,24-1,33%
QBTC11QR CapitalR$ 14,95-1,65%
QETH11QR CapitalR$ 13,22-2,07%
Fonte: TradeMap

Cenário macro pensa no bitcoin (BTC)

Tudo começou nos Emirados Árabes. O aeroporto de Abu Dhabi, capital do país, sofreu um atentado da minoria étnica houthis do Iêmen, que assumiu a autoria do ataque.

O aumento da tensão na região, principal produtora de petróleo no mundo, fez os preços da commodity dispararem pela manhã. O barril do Brent chegou a atingir os US$ 88, maior cotação desde 2014, e é negociado no patamar de US$ 87 no momento. 

Com os temores envolvendo o Oriente Médio e o petróleo, quem se beneficiou foram os títulos do Tesouro norte-americano, os chamados Treasuries. O retorno desses ativos cresceu pela manhã, o que retira o apetite de risco dos investidores. 

Chegamos ao BTC

O atentado aconteceu durante a madrugada no Brasil, o que fez a maior criptomoeda do mundo tocar os US$ 40 mil; o bitcoin conseguiu recuperar parte do terreno perdido e retomou o patamar dos US$ 41.500 hoje. 

Existe uma expectativa geral dos analistas e entusiastas do mercado de que qualquer “gatilho” seja suficiente para fazer o mercado de criptomoedas disparar. 

Crypto.com perdendo ethereum (ETH)

A corretora de criptomoedas (exchange) Crypto.com paralisou as atividades após uma série de negociações suspeitas dentro da plataforma.

“Um pequeno número de usuários relatou atividades suspeitas em suas contas. Vamos pausar os saques em breve, pois nossa equipe está investigando. Todas as reservas estão seguras”

Contudo, a empresa de segurança e análise de blockchain Peckshield afirmou, em sua conta no Twitter que a Crypto.com perdeu cerca de 4,6 mil unidades de ethereum (ETH), no valor de US$ 15 milhões (R$ 83,55 milhões).

Nós procuramos a Crypto.com para saber se clientes brasileiros também foram afetados pela atividade suspeita mas não obtivemos resposta até o fechamento desta matéria.

O CEO da Crypto.com, Kris Marszalek, também usou sua conta no twitter para comentar o ocorrido.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

CVM recua e libera distribuição de dividendos do fundo imobiliário Maxi Renda FII (MXRF11) com base no ‘lucro caixa’ — relembre o caso

A xerife do mercado de capitais reconheceu “a existência de obscuridade e contradição” na decisão original

Superou o trauma? Bitcoin (BTC) segue no patamar de US$ 30 mil; saiba se a maior criptomoeda do mundo sustentará esse nível

BTC terá também que superar os críticos às moedas digitais, que não pouparam esforços para injetar ainda mais medo nesse mercado já extremamente desorientado

CEO do JP Morgan leva cartão vermelho de acionistas e pode ficar sem bônus milionário, entenda a decisão rara

A desaprovação foi a primeira desde que o conselho do banco norte-americano enfrentou um voto negativo sobre compensações desde que as regras foram introduzidas, há mais de uma década

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Hapvida, Magazine Luiza e Nubank tombam, mas Ibovespa fecha o dia no azul; confira os destaques desta terça-feira

O maior apetite ao risco e a expectativa de manutenção no ritmo de alta no juro nos Estados Unidos ajudou o Ibovespa, que teve um dia de ganho

FECHAMENTO DO DIA

Ibovespa sustenta alta após susto inicial com Powell; dólar cai abaixo dos R$ 5

O Ibovespa fechou o dia longe das mínimas, mas o dólar caiu 2% com o apetite por risco no exterior

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies