Menu
2021-04-20T18:34:33-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Tecnologia na mira

Elon Musk defende piloto automático dos carros da Tesla após acidente fatal

Ações da Tesla caem com receio dos investidores, mas recuperam parte das perdas após o bilionário reafirmar confiança na tecnologia dos veículos elétricos

20 de abril de 2021
16:10 - atualizado às 18:34
Elon Musk Tesla
Imagem: Shutterstock

Um acidente fatal envolvendo um dos veículos do Model S da Tesla colocou em dúvida a moderna tecnologia embarcada nos carros elétricos da montadora. As ações da empresa de Elon Musk reagiram em queda expressiva no pregão de ontem, mas dão sinais de recuperação após o bilionário partir em defesa da companhia no Twitter.

Os papéis da empresa fecharam em alta de 0,61%, a US$ 718,99, no pregão de hoje. Já os BDRs, certificados de ações da empresa negociados na B3, também subiram 1,05%, a R$ 124,70.

O acidente em questão provocou a morte de dois homens em Houston, no estado norte-americano do Texas. Segundo informações das autoridades locais, ninguém ocupava o assento do piloto do carro, que saiu da pista ao fazer uma curva em alta velocidade e pegou fogo após bater em uma árvore.

As baterias de lítio do veículo também impediram que incêndio fosse facilmente extinguido e exigiram cerca de 32 mil galões de água e quatro horas de trabalho dos bombeiros.

Piloto automático sob desconfiança

Quando as chamas se apagaram, os policiais encontraram os corpos das vítimas no banco de trás e do passageiro. Para as autoridades, o cenário indica que o veículo estava rodando com o piloto automático ligado.

Os investidores não reagiram bem às dúvidas a respeito do acidente, que se somará a investigações sobre 27 outros casos envolvendo o piloto automático da Tesla na Administração Nacional de Segurança de Tráfego Rodoviário dos EUA (NHTSA).

As ações da companhia na Nasdaq chegaram a cair 6,5% na segunda e encerram o dia cotadas a US$ 714,63. O reflexo também foi sentido nos BDRs, que fecharam o pregão com um recuo de 3,64%, a R$ 123,34.

Musk se pronuncia

Os ativos recuperaram o fôlego nesta terça-feira (20) com a ajuda de Elon Musk. O CEO, que se autointitula o “rei da tecnologia” da Tesla, afirmou em um tuíte que dados recuperados do veículo indicam que o sistema não estava ativado no momento da batida.

Musk também contou que os donos do carro não haviam adquirido o pacote Full Self Driving (FSD), que dá mais recursos de autonomia ao condutor. Mesmo com esse recurso, a empresa alerta que é sempre necessária a presença humana no banco do motorista.

Antes mesmo do acidente mais recente, a Tesla já vinha sendo criticada por promover a ideia errada com o nome de seus produtos, que, apesar de servirem apenas de maneira assistencial, sugerem operações completamente autônomas aos usuários.

*Com informações do Business Insider

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

Mudanças

BB confirma Ieda Cagni para presidência do Conselho de Administração

Nesta quarta-feira, foi realizada a primeira reunião do novo Conselho do Banco do Brasil. Na ocasião, os membros eleitos na assembleia definiram os ocupantes dos cargos de presidente e vice-presidente do colegiado.

Seu Dinheiro na sua noite

A receita do dr. Copom: +0,75 ponto de Selic na veia

O Copom cumpriu as expectativas e aumentou a Selic ao nível de 3,5%. No entanto, o comunicado trouxe algumas surpresas

Ficou para 31 de maio

Bolsonaro veta novo adiamento de prazo para entrega do Imposto de Renda

O presidente aceitou a recomendação feita pelo Ministério da Economia, que previa um impacto negativo na arrecadação da União e estados com uma nova data

Mudança nos juros

COMPARATIVO: Veja o que mudou no novo comunicado do Copom

Veja o que ficou igual e o que mudou na decisão do Copom a respeito da taxa Selic, elevada ao patamar de 3,5% ao ano

CRYPTO NEWS

O mercado está cheio de bitcoin, mas as prateleiras estão vazias

O fluxo de saída da criptomoeda mais famosa das exchanges é algo inédito deste ciclo e pode representar a falta do ativo nas exchanges de cripto

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies