Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-07-13T15:01:05-03:00
Victor Aguiar
Victor Aguiar
Jornalista formado pela Faculdade Cásper Líbero e com MBA em Informações Econômico-Financeiras e Mercado de Capitais pelo Instituto Educacional BM&FBovespa. Trabalhou nas principais redações de economia do país, como Bloomberg, Agência Estado/Broadcast e Valor Econômico. Em 2020, foi eleito pela Jornalistas & Cia como um dos 10 profissionais de imprensa mais admirados no segmento de economia, negócios e finanças.
Setor aquecido

Direcional, Even, JHSF e Melnick: veja a reação dos analistas às prévias operacionais das empresas

Enquanto Direcional e JHSF tiveram um desempenho acima do esperado no trimestre, Even e Melnick mostraram tendências mais fracas

13 de julho de 2021
15:00 - atualizado às 15:01
Edifício em construção Moura Dubeux Cyrela Direcional EZTec Even JHSF Melnick
Imagem: Shutterstock

Sempre que uma temporada de balanços se aproxima, o mercado começa a ficar de orelhas em pé: antes dos resultados em si, as construtoras divulgam as prévias operacionais do trimestre. E nada menos que seis empresas reportaram esses números entre ontem e hoje: Cyrela, Moura Dubeux, Even, Direcional, JHSF e Melnick.

Os dados das duas primeiras da lista podem ser conferidos nesta matéria. Ambas surpreenderam os analistas, com destaque para a Cyrela — o mercado, que já projetava números fortes, encontrou dados ainda mais sólidos que o esperado.

Sendo assim, esse texto vai trazer os resultados das quatro construtoras restantes da lista, bem como a reação dos analistas de bancos e casas de investimento. Comecemos, então, pela estrela da lista: a Direcional.

Direcional

Direcional logo

Dados operacionais

  • Lançamentos: R$ 785 milhões (+123% a/a e +36% t/t)
  • Vendas líquidas: R$ 614 milhões (+53% a/a e +19% t/t)
  • Velocidade de vendas (VSO): 18%
  • Ações Direcional ON (DIRR3) hoje: R$ 13,70 (+1,86%)

XP: Desempenho recorde e sólido crescimento da Riva

  • Recomendação: compra
  • Preço-alvo: R$ 20,50
  • "A performance positiva reforça não só nossa visão de demanda resiliente no segmento de baixa renda (segmento core da Direcional), mas também o sólido crescimento da Riva (subsidiária no segmento de média renda)"

Credit Suisse: mais um trimestre forte

  • Recomendação: neutra
  • Preço-alvo: R$ 19,00
  • "A Direcional continua entregando números fortes repetidamente, reportando mais uma vez um conjunto recorde de lançamentos e vendas, além de mostrar sucesso na expansão da Riva".

BTG Pacutal: prévia operacional fantástica

  • Recomendação: compra
  • Preço-alvo: R$ 18,00
  • "Os resultados foram fortes, com lançamentos e vendas acima das nossas projeções e um desempenho muito bom na Riva, reforçando a ideia de que a empresa está no caminho certo para expandir suas operações no segmento de média renda"

Empiricus: resultado espetacular

Fica claro que esse é um case de muito crescimento, muito dividendo e valuation muito descontado

Felipe Miranda, CIO da Empiricus

Even

Even logo

Dados operacionais

  • Lançamentos: R$ 216 milhões (+26% a/a e -70% t/t)
  • Vendas líquidas: R$ 354 milhões (+18% a/a e -40% t/t)
  • Velocidade de vendas (VSO): 16%
  • Ações Even ON (EVEN3) hoje: R$ 9,72 (-1,92%)

XP: Resultados amenos após forte primeiro trimestre

  • Recomendação: neutra
  • Preço-alvo: R$ 13,00
  • "Lembramos que os números do primeiro trimestre foram impulsionados pela venda do projeto Hotel Fasano Itaim (com VGV de R$280 milhões), o que pode distorcer a comparação trimestral"

Credit Suisse: Ligeiramente fraco

  • Recomendação: neutra
  • Preço-alvo: R$ 15,00
  • "Apesar de os números ficarem abaixo das nossas estimativas, a Even já anunciou um pipeline sólido de lançamentos em localizações premium neste ano, o que implica que a companhia deve entregar resultados mais fortes daqui para frente"

BTG Pactual: Mais fraco que o esperado

  • Recomendação: neutra
  • Preço-alvo: R$ 14,50
  • "Achamos que a ação não é atrativa na comparação com outras construtoras de maior potencial de crescimento"

Itaú BBA: Trimestre neutro

  • Recomendação: neutra
  • Preço-alvo: R$ 14,30
  • "Os distratos ficaram praticamente estáveis em relação ao primeiro trimestre, somando R$ 56 milhões, o que representa 14% das vendas brutas"

Melnick

Melnick logo

Dados operacionais

  • Lançamentos: R$ 97,8 milhões (-60% a/a e -71% t/t)
  • Vendas líquidas: R$ 140 milhões (-43% a/a e +15% t/t)
  • Velocidade de vendas (VSO): 14%
  • Ações Melnick ON (MELK3) hoje: R$ 6,04 (-1,79%)

XP: Trimestre ameno, mas em recuperação

  • Recomendação: compra
  • Preço-alvo: R$ 9,00
  • "Embora esperamos algum impacto [das restrições impostas pela Covid-19] no curto prazo, mantemos nossa visão positiva para as ações no longo prazo"

BTG Pactual: Números fracos no trimestre

  • Recomendação: compra
  • Preço-alvo: R$ 11,00
  • "A empresa teve um desempenho operacional fraco, com vendas e lançamentos abaixo da estimativa. Mas o mercado de construção continua sólido, e a Melnick deve se beneficiar da dominância em Porto Alegre"

Itaú BBA: Olho nos números

  • Recomendação: compra
  • Preço-alvo: R$ 11,40
  • "Os cancelamentos foram o ponto baixo do trimestre e subiram para R$ 41 milhões, alta de 58% na base anual e trimestral"

JHSF

JHSF logo

Dados operacionais (incorporação)

  • Vendas contratadas: R$ 556,8 milhões (+63,9% a/a)
  • Ações JHSF ON (JHSF3) hoje: R$ 7,35 (+1,24%)

XP: Mais um trimestre forte de vendas residenciais

  • Recomendação: compra
  • Preço-alvo: R$ 9,70
  • "Vemos a prévia operacional do segmento residencial da companhia como positiva"

BTG Pactual: Outro bom trimestre

  • Recomendação: compra
  • Preço-alvo: R$ 11,00
  • "A JHSF ainda não informou o desempenho dos shoppings e do aeroporto, mas esperamos que ambos mostrem uma boa recuperação no trimestre"
Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

O gigante quer mais

Buscando margem: Itaú Unibanco (ITUB4) aposta em retomada de crédito pessoal para lucro continuar em alta

Carteira de crédito tem sido impulsionada por linhas com juros mais baixos para os clientes, como financiamento de imóveis e de veículos

Na mira da lei

O que bitcoin e carro tem em comum? Para o novo diretor da CVM americana, ambos precisam de limites

O novo chefe da SEC, a CVM americana, é um entusiasta de criptomoedas e deve trazer um time de peso para sua equipe

Na agenda

Reforma administrativa deve ser votada na Câmara no fim de agosto, diz Lira

O parlamentar avaliou que ficará mais difícil avançar com reformas no ano que vem, quando os interesses políticos vão se sobrepor à agenda econômica

Negócios

Ganhando tração, área de gestão de patrimônio da Vitreo já captou R$ 520 milhões –meta é chegar a R$ 1 bi ainda em 2021

Com serviços exclusivos para clientes com patrimônio acima de R$ 10 milhões, a Vitreo Wealth tem diversos diferenciais e avança em cenário de aquecimento da economia, boom de IPOs, fusões e aquisições e de fortalecimento das startups

Coleira na competição

Aquisição estilosa: Petz compra a Zee.dog e ganha quatro patas para seguir crescendo

A Petz anunciou a compra da Zee.dog, marca premium de itens para animais de estimação, por R$ 715 milhões, pagando em caixa e ações

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies