Menu
2021-01-14T14:39:35-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
joint venture

CCP e SPX Capital vão criar gestora de fundos imobiliários

Ambas assinaram um memorando de entendimentos para formação de uma joint venture de controle compartilhado; iniciativa será comandada pelo atual diretor presidente da CCP

12 de janeiro de 2021
19:30 - atualizado às 14:39
Imóveis
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

A Cyrela Commercial Properties (CCP) e a gestora SPX Capital estão formando uma nova gestora de fundos de investimentos destinados exclusivamente à aplicação de recursos em ativos imobiliários.

Ambas assinaram nesta terça-feira (12) um memorando de entendimentos para formação de uma joint venture de controle compartilhado. A implementação da iniciativa está sujeita à obtenção de autorizações regulatórias.

A nova gestora será liderada por Pedro Marcio Daltro dos Santos, que apresentou pedido de renúncia ao cargo de Diretor Presidente da CCP. O executivo segue no cargo até 12 de fevereiro de 2021.

Thiago Kiyoshi Vieira Muramatsu, atual Diretor Financeiro e de Relações com Investidores da CCP, vai acumular o cargo de Diretor Presidente, conforme decisão do conselho da empresa.

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

Educação

Ações da Cogna avançam, mesmo com prejuízo líquido de R$ 90,975 milhões no 1º trimestre

Confira outros destaques do balanço da empresa, que viu uma queda de 18,1% nos investimentos

Exile on Wall Street

As bolsas deixaram os fundamentos de lado esta semana — mas você não deve!

A semana é de resultados, mas não se fala em outra coisa a não ser na alta de juros, após reunião do Copom que levou a Selic para 3,5% ao ano. Além disso, a inflação americana, que veio acima da expectativa, elevou as estimativas de juros futuros nos Estados Unidos.  Com isso, mesmo empresas com […]

esg

BTG e consórcio de investidores compram ativos florestais da Arauco no Chile por US$ 385,5 milhões

Segundo o banco, a transação do TIG envolve cerca de 80,5 mil hectares de áreas florestais de “alta qualidade e com manejo sustentável”, nas regiões do Centro e Sul do país

No Velho Continente

Amplo apoio monetário é essencial para garantir volta da inflação à meta, diz Banco Central Europeu

A avaliação, consensual entre os dirigentes, é justificada por incertezas sobre a pandemia e o ritmo de vacinação contra o coronavírus

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies