Você pode ter uma renda semanal de até 500 dólares na sua conta; descubra como aqui

Cotações por TradingView
2021-11-10T16:19:36-03:00
Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Formado em jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @RenanSSousa1
Fim da relação

Parceria entre C&A (CEAB3) e Bradesco (BBDC4) chega ao fim — e as ações disparam mais de 7% hoje; entenda

Entretanto, o maior impacto deve ser sentido no longo prazo porque o acordo deve acontecer de forma gradual até janeiro de 2023

10 de novembro de 2021
16:19
Fachada de loja da C&A (CEAB3). Uma mulher vestida de preto caminha no primeiro plano; o logo da empresa, nas cores vermelho, azul e branco, aparece ao fundo
C&A (CEAB3) - Imagem: Shutterstock

Nem todo fim deve ser triste, e a reação do mercado com o encerramento do acordo entre Bradesco (BBDC4) e C&A (CEAB3) para concessão de serviços e produtos financeiros é um desses casos.

Enquanto as ações da C&A avançavam 6,19%, cotadas a R$ 7,72, os papéis do bancão subiam 7,46% no mesmo horário, a R$ 20,74, em um dia positivo para os papéis do setor financeiro. 

A varejista de moda anunciou que fará uma recompra de serviços financeiros no valor de R$ 415 milhões, corrigidos a partir de janeiro de 2022 a 112,5% do CDI. O anúncio foi visto como positivo pelo mercado, tendo em vista que a oferta de crédito proprietária como um diferencial competitivo para varejistas, especialmente com um público-alvo de classes mais baixas, segundo relatório da XP Investimentos.

Apesar disso, a casa de análise mantém a recomendação neutra para as ações da C&A, em especial porque o acordo deve acontecer de forma gradual até o começo de 2023 e os benefícios devem demorar a vir. 

Mesmo assim, os papéis estão abaixo do preço esperado pelo mercado, segundo dados do Trade Map. O menor preço-alvo mais baixo que os analistas esperam para os papéis CEAB3 é R$ 8,50, o que representa uma valorização de 10,10% em relação à cotação atual, e 232,16% em relação ao mais alto, a R$ 18,00. 

Em dezembro deste ano, a C&A pretende lançar o C&A Pay, a solução de oferta de crédito para substituir a parceria com o Bradesco. Os clientes mais antigos podem ficar tranquilos: o serviço de cartões será mantido até janeiro de 2024 enquanto o C&A Pay é instaurado no sistema. 

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

Jogando para frente

Ultraleve: Gol (GOLL4) renegocia dívidas de curto prazo e tira um peso das asas; ações sobem

7 de fevereiro de 2023 - 15:01

A Gol vai trocar títulos de dívida com vencimento até 2026 por outros mais longos, com prazo para 2028, numa operação com o Grupo Abra

A CAMPEÃ

Na corrida do atacarejo, quem leva a melhor: Assaí (ASAI3) ou Carrefour (CRFB3)? Saiba qual ação é a medalha de ouro de Bradesco BBI e JP Morgan

7 de fevereiro de 2023 - 14:31

Resultado da disputa muda dependendo da estratégia — curto ou longo prazo. As recomendações para os papéis também não são as mesmas, e em um dos casos o potencial de valorização chega a 70%

DE OLHO NAS REDES

Como ganhar um salário de R$ 7.500 na aposentadoria: este investimento pode te garantir essa renda — não é a previdência privada; descubra detalhes

7 de fevereiro de 2023 - 14:09

Se aposentar com um salário de R$ 7.507,49 — o teto do INSS atualmente — está cada dia mais difícil, em especial depois da Reforma da Previdência. A verdade é que, se você depender exclusivamente do INSS na hora da sua aposentadoria, é bem provável que você se dê mal.  Pensando nisso, existe um novo […]

RECALCULANDO A ROTA

MRV (MRVE3) corta operações e reduz metas de crescimento para recuperar rentabilidade; confira os planos da companhia para os próximos três anos

7 de fevereiro de 2023 - 13:47

A mudança de foco da companhia foi anunciada pelo copresidente Rafael Menin durante um encontro com investidores e analistas promovido nesta terça-feira

FAVORITISMO

Saiba o que está fazendo os olhos dos analistas do Credit Suisse brilharem quando falam sobre Nubank

7 de fevereiro de 2023 - 13:12

Para a equipe do banco, o Nubank é menos afetado pelos problemas que atingem as grandes instituições, como a inadimplência corporativa

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies