O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2021-06-30T16:33:41-03:00
Jasmine Olga
Jasmine Olga
É repórter do Seu Dinheiro. Formada em jornalismo pela Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
mercados hoje

Na contramão de NY, Ibovespa recua com pressão de riscos internos; dólar avança mais de 1%

Importantes dados do emprego aqui e nos EUA foram divulgados agora cedo, o que desanimou os índices pelo mundo. Pressões políticas locais também pressionam os negócios no Brasil

30 de junho de 2021
10:32 - atualizado às 16:33
Montagem do Congresso Nacional com desenhos de um touro e um urso, sinalizando as instabilidades geradas pelo risco político ao desempenho da bolsa
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

Dados dos mercados de trabalho brasileiro e americano disputam espaço com a crise política aos olhos dos investidores nesta quarta-feira (30), no último pregão do semestre. 

As bolsas americanas operam sem forças, mas no azul. O Ibovespa, no entanto, não consegue acompanhar o ritmo. No cenário interno, as denúncias de corrupção envolvendo membros importantes do governo federal trazem incertezas, se somando ao já difícil cenário de recuperação econômica. 

Por volta das 16h30, o Ibovespa operava em queda de 0,31%, aos 126.929 pontos. O dólar à vista também fica pressionado pela formação da última taxa Ptax de junho, retornando a casa dos R$ 5,00 na primeira etapa do pregão. No mesmo horário, a moeda americana avançava 0,87%, a R$ 4,9855. No mercado de juros, o dia é de leve alta. Confira:

  • Janeiro/22: de 5,60% para 5,63%
  • Janeiro/23: de 6,96% para 7,00%
  • Janeiro/25: de 7,95% para 8,02%
  • Janeiro/27: de 8,40% para 8,47%

A cautela não é uma exclusividade do mercado brasileiro. Lá fora, a variante delta segue preocupando e segurando o fôlego dos investidores. 

Ruídos doméstico

Pela manhã, o IBGE divulgou a PNAD Contínua, que mostrou uma taxa de desemprego em linha com o esperado pelo mercado, na marca de 14,7%. O cenário interno também fica pressionado pela denúncia feita ontem pelo jornal Folha de São Paulo. Segundo o veículo, o responsável pela negociação dos contratos de vacina cobrou cerca de US$ 1 por dose como propina. A CPI da Covid deve ouvir os envolvidos no caso na semana que vem.

Ainda que o governo consiga contornar o caso, a situação piora o clima no Congresso Nacional, dificultando não só o andamento de reformas como também as negociações dentro do Congresso Nacional. 

A crise política não é a única no radar. A crise hídrica também pressiona os negócios, já que a elevação da tarifa de energia deve ter um impacto negativo no IPCA, acelerando ainda mais o aumento dos preços,

Ainda engasgado

Falando em reformas, o projeto de reforma tributária segue trazendo um clima extra de cautela. Ainda que a Petrobras apare parte das perdas com o seu bom desempenho no pregão de hoje, os bancos pesam na bolsa brasileira. O que mais incomoda os investidores é a proposta de tributar dividendos em até 20% e a extinção de distribuição de juros sobre capital próprio (JCP). 

Aquecimento 

O grande evento da semana será na sexta-feira (2), com a divulgação do payroll, o relatório de emprego que é um dos principais termômetros para a recuperação econômica americana. Hoje, no entanto, os investidores tiveram uma ‘prévia’ do que pode vir por aí. 

Os dados da geração de empregos privados (ADP, em inglês) vieram acima do esperado. Em junho, foram criados 692 mil postos de trabalho, acima da expectativa de 550 mil. Contudo, o Departamento de Trabalho dos EUA revisou a geração de empregos em maio, de 978 mil para 886 mil. 

Sobe e desce

O Banco Inter segue colhendo os frutos da sua oferta de ações bem-sucedida e segue na ponta do índice. Na sequência, temos as ações de PetroRio e Petrobras, que acompanham o movimento do petróleo no mercado internacional. No caso da Embraer, a companhia repercute a entrega do primeiro jato em parceria com a Porsche. Confira as maiores altas do dia:

CÓDIGONOMEULTVAR
BIDI11Banco Inter unitR$ 76,753,96%
PRIO3PetroRio ONR$ 19,603,27%
PETR3Petrobras ONR$ 30,151,58%
IGTA3Iguatemi ONR$ 39,951,40%
EMBR3Embraer ONR$ 18,861,34%

Confira também as maiores quedas:

CÓDIGONOMEULTVAR
BTOW3B2W ONR$ 66,40-3,60%
LAME4Lojas Americanas PNR$ 21,52-3,15%
LWSA3Locaweb ONR$ 26,80-3,07%
WEGE3Weg ONR$ 33,67-2,97%
MGLU3Magazine Luiza ONR$ 21,03-2,95%
Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

PERSONA NON GRATA

A lista de Putin: veja quem são as pessoas proibidas de entrar na Rússia — Trump escapa, mas Zuckerberg não

Essa lista está sendo considerada um movimento simbólico em resposta às duras sanções impostas pelos países ocidentais pela invasão da Ucrânia, em fevereiro

MADE IN CHINA

Shopee, Shein e AliExpress livre de taxas? Bolsonaro diz que sim e Guedes diz que não!

Chefe do Executivo volta a contrariar o ministro da Economia, Paulo Guedes, que na última semana defendeu o digitax — um imposto que seria aplicado em compras online de fornecedores estrangeiros

BYE BYE GOVERNO!

Privatização vem aí: conselho do PPI altera regras da capitalização da Eletrobras (ELET3); saiba por que mudou

O TCU aprovou na sessão de quarta-feira (18) o processo de privatização da companhia — a proposta do relator venceu por 7 votos a favor e 1 contra

NOVO SHAPE

Da academia pra carteira: Smart Fit (SMFT3) tem potencial de alta de 34%, diz Itaú BBA — saiba se é hora de comprar

Depois do confinamento provocado pela covid-19, a indústria fitness enfrenta agora um cenário desafiador, com inflação alta, segundo o banco de investimentos

SEM LIMITE

STF nega impor prazo a Lira para análise de pedidos de impeachment de Bolsonaro

O chefe do Executivo é alvo de mais de 140 solicitações de impedimento; entenda a decisão da corte máxima

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies