Menu
2021-01-14T16:09:27-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Buscando recuperação

Ações do Banco do Brasil buscam recuperação após sinalização de que Brandão fica no cargo

Funcionários do banco já teriam recebido sinalizações de que o atual CEO deve se manter no cargo.

14 de janeiro de 2021
15:23 - atualizado às 16:09
Jair Bolsonaro e o presidente do Banco do Brasil, André Brandão
Jair Bolsonaro e o presidente do Banco do Brasil, André Brandão - Imagem: Alan Santos/PR

A notícia de que o presidente Jair Bolsonaro estaria insatisfeito com André Brandão, presidente do Banco do Brasil, fechou o tempo nos mercados e fez as ações ordinárias do BB (BBSA3) recuarem quase 5% na tarde de ontem.

Mas parece que as coisas estão caminhando para um desfecho favorável ao mercado. Segundo informações do Estadão, a equipe econômica e o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, tentam dissuadir Bolsonaro da ideia de demitir Brandão. Funcionários do banco já teriam recebido sinalizações de que o atual CEO deve se manter no cargo.

A notícia foi bem recebida pelos investidores. Por volta das 15h15, as ações do banco estatal apresentavam apresentavam alta de 1,17%, a R$ 37,96.

Entenda o caso

Segundo o blog da jornalista Andréia Sadi, do G1, o presidente Bolsonaro estaria insatisfeito com os "efeitos políticos" da gestão de André Brandão, presidente da instituição. Bolsonaro não gostou do anúncio de fechamento de agências do Banco do Brasil.

A medida faz parte de um projeto de reestruturação do banco, mas o presidente teme o desgaste político em véspera de ano eleitoral, diz o blog - que informa que a equipe econômica tenta reverter a irritação do presidente.

A expectativa é de que a reestruturação resulte em uma economia líquida anual de R$ 2,7 bilhões até 2025 com despesas administrativas, sendo R$ 353 milhões apenas em 2021.

Mais cedo, Bolsonaro não respondeu questionamentos sobre o assunto.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

Possível bolha?

Como a GameStop, que era tida como um fracasso em potencial, virou a ação mais quente (e perigosa) de Wall Street?

A companhia de 37 anos virou o foco de uma batalha estilo Davi e Golias (ou na “gíria gamer”, estilo Kratos e Cronos, da franquia God Of War) entre um exército de pequenos investidores e Wall Street.

dia de cão

Boeing cai mais de 4% após resultados do 4º trimestre

Desempenho financeiro abaixo do esperado ofusca notícia de liberação de voos com o avião 737 Max pelas autoridades europeias

Exile on Wall Street

O ano das microcaps?

Podemos ter outro pacote fiscal nos EUA, enfraquecendo o dólar e liberando mais recursos para os mercados emergentes

Títulos públicos

Veja os preços e as taxas do Tesouro Direto nesta quarta-feira

Confira os preços e taxas de todos os títulos públicos disponíveis para compra e resgate

esclarecendo

Decisão de privatizar Eletrobras é do Legislativo, diz Ferreira Junior

Executivo, que está de partida, afirmou que o governo federal tem interesse no processo, mas Congresso tem ritmo próprio

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies