Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-12-07T12:44:48-03:00
Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @RenanSSousa1
bitcoin (BTC) hoje

Bitcoin (BTC) dispara mais de 8% e retoma o patamar dos US$ 51 mil; demais criptomoedas chegam a avançar quase 20% só hoje

A queda ainda é de mais de 10% na semana, mas o alívio momentâneo do mercado é um bom sinal para os investidores

7 de dezembro de 2021
9:40 - atualizado às 12:44
bitcoin atinge os US$ 55 mil em mais de um mês
As maiores altcoins do mundo também disparam hoje. - Imagem: Freepik

A alta volatilidade do mercado de criptomoedas não é brincadeira. Depois de uma queda de mais de 20% no sábado (04), o bitcoin (BTC) perdeu o patamar de resistência de US$ 50 mil e afundou até a mínima de US$ 42 mil no final de semana. 

O início do “bear market” com o aumento da tensão envolvendo a variante ômicron da covid-19 e o avanço regulatório dos Estados Unidos foi um banho de água fria no mercado, que esperava o bitcoin em US$ 100 mil até o final do ano

A esperança desse grupo, contudo, foi renovada com a recuperação do mercado. O bitcoin opera em alta de 8,14% nesta manhã, cotado a US$ 51.381,50 (R$ 291.614,33), o que impulsiona as demais moedas digitais nesta terça-feira (07):

#NamePrice24h %7d %
1Bitcoin (BTC)US$ 51.381,508,14%-10,47%
2Ethereum (ETH)US$ 4.401,3410,91%-2,96%
3Binance Coin (BNB)US$ 587,477,99%-5,58%
4Tether (USDT)US$ 10,08%0,07%
5Solana (SOL)US$ 201,8712,04%-1,76%
6Cardano (ADA)US$ 1,4413,19%-8,62%
7USD Coin (USDC)US$ 10,04%-0,13%
8XRP (XRP)US$ 0,838610,26%-15,40%
9Polkadot (DOT)US$ 29,4616,52%-19,06%
10Terra (LUNA)US$ 73,9319,87%32,78%
Fonte: Coin Market Cap

Recuperação 

Um dos indicadores que animaram o mercado no início da semana foi a retomada da taxa de mineração do bitcoin, o chamado “hashrate”. Você pode entender mais sobre mineração de criptomoedas e hashrate na nossa matéria especial

A China proibiu a mineração de criptomoedas em todo seu território em maio deste ano, o que reduziu drasticamente a taxa de mineração da rede e tornou as transações mais lentas. Contudo, o gráfico de hashrate mostra que a taxa voltou aos mesmos patamares daquela época.

Altcoins: ethereum, solana e polkadot

A alta do bitcoin é como um fertilizante para as moedas alternativas ao BTC, as chamadas altcoins, que tendem a ter movimentos de correção mais intensos. 

O destaque especial fica para três das dez maiores criptomoedas do mundo. O ethereum (ETH) sobe 10,91%, aos US$ 4.401,34 (R$ 25.114,97) após o anúncio do roadmap de atualização do éter.

Vitalik Buterin, co-fundador do ethereum, divulgou em seu blog os próximos passos para a atualização do ethereum, que deve influenciar diretamente na dinâmica da rede e trazer ainda mais possibilidades dentro da blockchain do EHT além dos NFTs e DeFis

O avanço do ethereum favorece outras criptomoedas que estão abrigadas dentro da rede (blockchain) do éter. É o caso da solana (SOL) e polkadot (DOT), dois projetos que animam o mercado e são chamados de ethereum killers, moedas que nasceram para substituir o ethereum. 

A polkadot (DOT) é um projeto que desenvolve parachains, um ecossistema que permite a criação de projetos que se comunicam com outras blockchains e podem se adequar a cada uma delas. 

A solana (SOL) é outra ethereum killer que vem animando os investidores. Essa criptomoeda consegue vencer o problema da escalabilidade do ether ao mesmo tempo que consegue manter as taxas baixas e com segurança.

ETFs de bitcoin e criptomoedas na B3

Você pode clicar aqui para saber mais sobre cada um dos ETFs da bolsa brasileira. Confira o preço dos principais ativos negociados na B3 (fechamento de ontem):

TickerGestoraPreçoVariação (24h%)
HASH11HashdexR$ 54,01-5,90%
ETHE11HashdexR$ 73,50+2,27%
BITH11HashdexR$ 66,90-8,48%
QBTC11QR CapitalR$ 18,00-4,40%
QETH11QR CapitalR$ 17,42+2,47%
Fonte: TradeMap
Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

O respiro da bolsa brasileira, o tropeço do bitcoin e o vazamento de dados do PIX: confira as principais notícias do dia

Para quem não aguentava mais ver a bolsa brasileira apanhando enquanto Wall Street renovava recordes, este início de ano está sendo o momento da revanche. Ou melhor, de o Ibovespa “correr atrás do prejuízo”. Nesta terceira semana de janeiro, o principal índice da B3 mais uma vez contrariou o exterior e enfileirou altas, enquanto as […]

Fechamento da semana

Ibovespa tem dia morno com exterior negativo, mas termina semana com ganho de 1,88%; dólar fecha em alta, mas acumula queda de 1,05% no período

Bolsa terminou o dia em baixa, com dólar e juros em alta, com piora no exterior e preocupações fiscais

CASOS DE FAMÍLIA

Elon Musk pega pesa pesado com o Twitter após integração de NFTs; veja o que o bilionário falou

Rede social passou a permitir que usuários do iOS, sistema da Apple, utilizassem os chamados tokens não fungíveis como fotos de seus perfis

Renda fixa

Nubank lança fundo para reserva de emergência que busca retorno entre 100% e 105% do CDI – mas tem uma pimentinha

Nu Reserva Imediata é o primeiro fundo de renda fixa da família Nu Reserva; embora seja de baixo risco, ele tem opção de investir em títulos privados

FIQUE DE OLHO

Agenda de indicadores: Inflação domina semana recheada de balanços de empresas de tecnologia em Wall Street; saiba o que esperar

Depois de uma semana em que o Ibovespa caminhou na contramão do mundo, inflação volta ao centro da agenda local na semana em que os EUA divulgam prévia do PIB de 2021

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies