Menu
2020-06-26T19:28:02-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Ex-assessor de Flávio Bolsonaro

Fabrício Queiroz negocia delação com Ministério Público, diz CNN Brasil

Ex-assessor de Flávio Bolsonaro considera a colaboração como uma forma de garantir a proteção da família, segundo reportagem

26 de junho de 2020
19:17 - atualizado às 19:28
Flavio Bolsonaro e Fabrício Queiroz
Flavio Bolsonaro e Fabrício Queiroz - Imagem: Divulgação

A defesa de Fabrício Queiroz, ex-assessor parlamentar do atualmente senador Flávio Bolsonaro, está negociando um acordo de delação premiada com o Ministério Público do Rio de Janeiro. A informação é da CNN Brasil.

A reportagem da emissora cita fontes envolvidas na investigação que apontam o interesse de Queiroz na colaboração. A maior preocupação de Queiroz, segundo relatos dessas fontes, é com a sua família.

A delação seria um caminho para encontrar garantias de proteções no processo para a mulher, Márcia Aguiar de Oliveira, foragida, e para as filhas, Nathalia Mello e Evelyn Mello, todas investigadas no esquema de "rachadinha", na época em que Queiroz era assessor de Flávio na Alerj, a assembleia legislativa do Rio de Janeiro.

Além disso, Queiroz também pede para que cumpra prisão domiciliar, diz a CNN. A negociação para a colaboração está arrastada, no entanto, já que promotores querem saber se Queiroz possui informações novas para apresentar.

A notícia foi publicada após o encerramento dos negócios na B3, mas deve ser acompanhada de perto pelos investidores na segunda-feira (29) a depender da evolução dos fatos no fim de semana.

Nesta sexta, o Ibovespa fechou em queda de 2,24%, aos 93.834,49 pontos, e o dólar, em alta de 2,11%, para R$ 5,47. Confira nossa cobertura completa de mercados.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

Decisão cautelar

TCU proíbe governo Bolsonaro de anunciar em sites que exerçam atividades ilegais

Indícios de irregularidades na veiculação de propagandas do governo federal levaram o TCU a tomar a decisão cautelar, concedida pelo ministro Vital do Rêgo

PGR

Aras recomenda a Guedes mais transparência em gastos no combate à pandemia

A pedido de procuradores do MPF-PE, o procurador-geral da República, Augusto Aras, enviou recomendações para Guedes dar transparência aos gastos federais

Setor em destaque

Estatais de saneamento querem flexibilizar regras para contratar empréstimos

Com regras mais fáceis para a entrada do setor privado, as estatais de saneamento querem que a concessão de empréstimos ao segmento seja menos rigorosa

Preocupação ambiental

Para empresários, discurso do governo sobre desmatamento mudou

Após reunião com o vice-presidente Hamilton Mourão, empresários parecem satisfeitos quanto aos compromissos firmados pelo governo a respeito do desmatamento

O melhor do Seu Dinheiro

MAIS LIDAS: O canto da sereia

Uma matéria alertando para os riscos do day trade foi a mais lida desta semana no Seu Dinheiro

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements