Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-05-11T19:22:04-03:00
Felipe Saturnino
Felipe Saturnino
Graduado em Jornalismo pela USP, passou pelas redações de Bloomberg e Estadão.
Fundo lendário

Com ‘neblina de incertezas’, é difícil alocar capital no Brasil, diz Verde Asset

Fundo reduziu posição na bolsa de valores americana, apesar de “ganhos significativos”. Visão de médio prazo é bastante construtiva, segundo carta

11 de maio de 2020
16:16 - atualizado às 19:22
Luis Stuhlberger fundo verde
Luis Stuhlberger, gestor do fundo Verde - Imagem: Leo Martins

O fundo Verde, do lendário gestor Luis Stuhlberger, terminou abril aliviado. Após um primeiro trimestre difícil nos mercados, obteve rentabilidade de 8,61% no período, pegando carona na recuperação das bolsas no mês passado, principalmente a americana.

De outro lado, mantém uma postura cautelosa em relação ao cenário local, como mostra carta aos investidores divulgada nesta segunda-feira (11).

A gestora vê uma série de motivos para embasar sua reserva sobre o mercado brasileiro. Entre elas, estão a baixa capacidade de testagem para o novo coronavírus, que complica a tomada de decisão de investidores, a "confusão política" e o desgaste do cenário das contas públicas.

"Nessa neblina de incertezas, fica mais difícil alocar mais capital", diz o documento do Verde, que cita a alta do dólar, a inclinação recorde da curva de juros e a fraqueza do mercado acionário como reflexos desse quadro.

Parte significativa dos ganhos do fundo veio em ações americanas, sendo apenas uma minoria em juros e em dólar. Embora tenha uma visão bastante construtiva sobre o médio prazo, ao fim do mês o Verde reduziu marginalmente a sua posição na bolsa americana.

"A pergunta agora é se os mercados não andaram muito na frente da economia real", questiona a carta, em referência à forte alta de S&P 500 e Nasdaq. O movimento, segundo o fundo, foi subsidiado pela injeção de liquidez propiciada por bancos centrais pelo mundo para salvar as suas economias.

Coronavírus

No texto, a gestora ainda apontou que a principal boa notícia de abril quanto ao tratamento de pacientes infectados com o vírus veio dos Estados Unidos, com avanço na condição de pacientes tratados com o remdesivir.

O fundo acredita que será montado um arsenal ao longo dos próximos meses para atacar a doença de diversas maneiras, permitindo a obtenção de uma (ou mais) vacinas.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

RAIO-X DO ORÇAMENTO

Fundo eleitoral, emendas do relator e reajuste dos servidores: 3 pontos do Orçamento para 2022 que mexem com a bolsa esta semana

Entre emendas parlamentares superavitárias e reajuste dos policiais federais, o Orçamento deve ser publicado no Diário Oficial na segunda-feira (24)

PEC DOS COMBUSTÍVEIS

Tesouro pode perder até R$ 240 bilhões com PEC dos Combustíveis e inflação pode ir para 1% — mas gasolina ficará só R$ 0,20 mais barata; confira análise

Se todos os estados aderirem à desoneração, a perda seria de cifras bilionárias aos cofres públicos, de acordo com a XP Investimentos

Seu Dinheiro no Sábado

E a bolsa ainda pulsa: os grandões do Ibovespa brilham e puxam o índice — mas e as demais empresas?

Além do ciclo aquecido das commodities e da entrada de recursos estrangeiros, também vale lembrar o desconto nos ativos domésticos

BITCOIN (BTC) HOJE

Bitcoin (BTC) aprofunda queda da semana e é negociado aos US$ 35 mil hoje pela primeira vez em seis meses; criptomoeda já caiu 17% em sete dias

Especialista dá dicas de como sobreviver ao momento de “sangria” do mercado de criptomoedas — e o que não fazer no desespero

Dê o play!

A bolsa ainda pulsa, mas será um último suspiro? O podcast Touros e Ursos discute o cenário para o Ibovespa

No programa desta semana, a equipe do Seu Dinheiro discute o cenário para o Ibovespa e os motivos que fazem a bolsa brasileira subir

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies