2020-04-15T20:21:02-03:00
Felipe Saturnino
Felipe Saturnino
Graduado em Jornalismo pela USP, passou pelas redações de Bloomberg e Estadão.
Prévia operacional

Vendas líquidas da MRV sobem 28% e produção cai 20% no 1T

Do ponto de vista de geração de caixa, a empresa disse que houve queima de R$ 183,5 milhões no trimestre, dado o descasamento acumulado entre o número de unidades produzidas, vendidas e repassadas nos últimos 12 meses

15 de abril de 2020
20:21
O setor de construção civil tem um longo caminho pela frente e o credit Suisse não vê motivo para otimismo (ainda) - Imagem: Shutterstock

A MRV divulgou a sua prévia operacional do 1º trimestre nesta quarta-feira (15), atestando um crescimento de 27,9% nas vendas líquidas na comparação com o mesmo trimestre de 2019 e evolução de 21,1% frente ao 4º trimestre do ano passado, para R$ 1,67 bilhão.

As vendas líquidas no período chegaram ao total de 10.493 unidades. Distratos registrados no trimestre caíram 27,8% frente ao mesmo trimestre do ano anterior, totalizando R$ 123 milhões no trimestre inicial de 2020.

O resultado de vendas obtido se deve "à qualidade dos lançamentos feitos no 1T20 e no 4T19, que demonstraram a assertividade na escolha do produto correto para apraça correta, bem como à bem-sucedida estratégia comercial desenvolvida", disse a MRV. Os lançamentos apresentaram redução de 1,0% no comparativo com o mesmo período do ano passado e de 54,3% frente ao último trimestre de 2019.

Segundo a empresa, como os clientes estão à procura de produtos de "qualidade reconhecida" em meio à pandemia do novo coronavírus, foi registrado um aumento na procura por imóveis, inclusive nos meses de março e abril. Ainda assim, a conversão em vendas está "exigindo a adoção de condições comerciais mais agressivas".

Enquanto isso, na produção foi registrada uma queda de 13,1% neste primeiro trimestre frente ao último do ano passado e de 19,8% no comparativo com igual trimestre de 2019. A companhia destacou que esta métrica foi afetada pela incidência de chuvas e o alastramento da pandemia, gerando paralisia em obras. A MRV diz que o número de paralisações chegou a 20% do total de obras em andamento em certos momentos.

Do ponto de vista de geração de caixa, a empresa disse que houve queima de R$ 183,5 milhões no trimestre, dado o descasamento acumulado entre o número de unidades produzidas, vendidas e repassadas nos últimos 12 meses.

O número reflete um período de instabilidades dos repasses de vendas do programa "Minha Casa Minha Vida", causado pela inconstância de aportes do governo federal nos subsídios a clientes. A instabilidade perdurou até o mês de março.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente

"Com isso, o volume de repasses feitos no trimestre foi extremamente baixo e correspondeu a apenas 64,3% das vendas líquidas do período", diz a MRV, no comunicado.

A construtora ressaltou, no entanto, que, no 1º trimestre, o número de vendas líquidas ficou 3.741 unidades acima do número de repasses no mesmo período.

A MRV informou que a solução para op roblema dos repasses já foi alcançada e que não vê motivos "para enfrentarmos novos entraves no decorrer de 2020" após alteração nas regras que retirou a obrigatoriedade de a União participar dos subsídios no restante do ano.

"Com a já mencionada inconstância nos repasses, observada ao longo do 1T20, o total de unidades repassadas no trimestre caiu 23,3% frente ao 4T19 e 13,6% no comparativo com o 1T19", informa a companhia.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente
Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

Resultados

João Doria vence prévias e será candidato à presidência pelo PSDB; Em discurso, manda recado à Lula e Bolsonaro e faz aceno para 3ª via

“Ninguém faz nada sozinho. Precisamos da ajuda de todos. Da união do Brasil. Da união do PSDB. Da união com outros líderes e partidos”, afirmou

Décimo Andar

O mercado imobiliário americano segue vencedor: confira uma nova opção na B3 para investir na área

Mesmo com a perspectiva de aumento dos juros no exterior, o mercado imobiliário americano segue forte na alta dos preços; veja um ativo para investir sem sair da B3

NOVATA NA FINAL

Não estranhe: patrocinadora da final entre Palmeiras e Flamengo é a nova corretora de criptomoedas do Brasil; conheça Crypto.bom

A exchange resolveu investir no segmento de esportes e patrocina Fórmula 1, NBA e até o campeonato europeu

Raio-X

Análise: Por que a alta da inflação pode ameaçar o pacote de infraestrutura de Joe Biden?

O presidente americano tem ambiciosos planos pela frente, mas a alta da inflação e gargalos estruturais da economia podem alterar o rumo

A SEMANA EM GRÁFICOS

Covid-19 pressiona aéreas, turismo, Ibovespa e bitcoin, mas inflação avança no mundo: entenda a última semana com estes gráficos

As companhias aéreas sofreram perdas significativas na bolsa esta semana e nem o bitcoin (BTC) conseguiu se salvar