Menu
2020-04-15T20:21:02-03:00
Felipe Saturnino
Felipe Saturnino
Prévia operacional

Vendas líquidas da MRV sobem 28% e produção cai 20% no 1T

Do ponto de vista de geração de caixa, a empresa disse que houve queima de R$ 183,5 milhões no trimestre, dado o descasamento acumulado entre o número de unidades produzidas, vendidas e repassadas nos últimos 12 meses

15 de abril de 2020
20:21
Prédio em construção MRV Cyrela Tenda EZTec Even Direcional
Imagem: Shutterstock

A MRV divulgou a sua prévia operacional do 1º trimestre nesta quarta-feira (15), atestando um crescimento de 27,9% nas vendas líquidas na comparação com o mesmo trimestre de 2019 e evolução de 21,1% frente ao 4º trimestre do ano passado, para R$ 1,67 bilhão.

As vendas líquidas no período chegaram ao total de 10.493 unidades. Distratos registrados no trimestre caíram 27,8% frente ao mesmo trimestre do ano anterior, totalizando R$ 123 milhões no trimestre inicial de 2020.

O resultado de vendas obtido se deve "à qualidade dos lançamentos feitos no 1T20 e no 4T19, que demonstraram a assertividade na escolha do produto correto para apraça correta, bem como à bem-sucedida estratégia comercial desenvolvida", disse a MRV. Os lançamentos apresentaram redução de 1,0% no comparativo com o mesmo período do ano passado e de 54,3% frente ao último trimestre de 2019.

Segundo a empresa, como os clientes estão à procura de produtos de "qualidade reconhecida" em meio à pandemia do novo coronavírus, foi registrado um aumento na procura por imóveis, inclusive nos meses de março e abril. Ainda assim, a conversão em vendas está "exigindo a adoção de condições comerciais mais agressivas".

Enquanto isso, na produção foi registrada uma queda de 13,1% neste primeiro trimestre frente ao último do ano passado e de 19,8% no comparativo com igual trimestre de 2019. A companhia destacou que esta métrica foi afetada pela incidência de chuvas e o alastramento da pandemia, gerando paralisia em obras. A MRV diz que o número de paralisações chegou a 20% do total de obras em andamento em certos momentos.

Do ponto de vista de geração de caixa, a empresa disse que houve queima de R$ 183,5 milhões no trimestre, dado o descasamento acumulado entre o número de unidades produzidas, vendidas e repassadas nos últimos 12 meses.

O número reflete um período de instabilidades dos repasses de vendas do programa "Minha Casa Minha Vida", causado pela inconstância de aportes do governo federal nos subsídios a clientes. A instabilidade perdurou até o mês de março.

"Com isso, o volume de repasses feitos no trimestre foi extremamente baixo e correspondeu a apenas 64,3% das vendas líquidas do período", diz a MRV, no comunicado.

A construtora ressaltou, no entanto, que, no 1º trimestre, o número de vendas líquidas ficou 3.741 unidades acima do número de repasses no mesmo período.

A MRV informou que a solução para op roblema dos repasses já foi alcançada e que não vê motivos "para enfrentarmos novos entraves no decorrer de 2020" após alteração nas regras que retirou a obrigatoriedade de a União participar dos subsídios no restante do ano.

"Com a já mencionada inconstância nos repasses, observada ao longo do 1T20, o total de unidades repassadas no trimestre caiu 23,3% frente ao 4T19 e 13,6% no comparativo com o 1T19", informa a companhia.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

INSS

Como pedir concessão e prorrogação do auxílio-doença durante pandemia

Previdência seleciona perguntas mais frequentes feitas pelos segurados.

pacote de ajuda

Comissão Europeia avança para disponibilizar €11,5 bi par recuperação da crise

Comissário da UE encarregado do Orçamento, Johannes Hahn enfatizou a necessidade de que o dinheiro chegue logo às empresas e às pessoas, ainda neste ano

agenda para a crise

G-7, FMI e Banco Mundial vão rever pagamento de dívidas de países de baixa renda

Mnuchin disse que o G-7 deve se reunir regularmente para “melhorar a sustentabilidade da dívida desses países”

erros na crise

TCU vê irregularidades no pagamento do auxílio emergencial a 8,1 milhões

Por outro lado, 2,3 milhões de cidadãos que estão no Cadastro Único de programas sociais podem ter sido excluídos mesmo fazendo jus ao benefício

CPI das fake news

Governo anunciou reforma da Previdência até em canal de deputado do PT

Documento, produzido por consultores legislativos, tem como base informações da própria Secom

frente de preocupação do governo

Moraes autoriza a investigados por fake news acesso total a inquérito

Pelo fato do inquérito tramitar sob sigilo, os advogados terão de fazer agendamento junto ao gabinete de Moraes para ter acesso à cópia digitalizada dos autos

diante da crise

Pela primeira vez, UBS recomenda compra dos papéis da Vale

Especialistas do banco avaliam que a empresa deve ser beneficiada pela recuperação nos preços do petróleo, que puxam a curva nos preços do minério de ferro

exile on wall street

Cratera de Chicxulub

Acho que seria o único desastre natural com algum paralelismo pertinente, assumindo, claro, que os dinossauros também se organizassem por meio de um mercado de trabalho formal.

Títulos públicos

Veja os preços e as taxas do Tesouro Direto nesta quarta-feira

Confira os preços e taxas de todos os títulos públicos disponíveis para compra e resgate

Sem tempo ruim

A festa continua: dólar cai a R$ 5,04 e Ibovespa sobe forte com otimismo se sobrepondo à cautela

O dólar à vista segue em queda firme e já se aproxima dos R$ 5,00, enquanto o Ibovespa sobe e busca os 93 mil pontos. Novamente, os investidores mostram-se otimistas com as perspectivas para a economia global e deixam de lado os fatores de risco

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements