Menu
2020-10-30T19:17:20-03:00
Ivan Ryngelblum
Ivan Ryngelblum
Jornalista formado pela PUC-SP, com pós-graduação em Economia Brasileira e Globalização pela Fipe. Trabalhou como repórter no Valor Econômico, IstoÉ Dinheiro e Agência CMA.
DESTAQUE DO DIA

Apesar do prejuízo, Suzano tem balanço bem avaliado por analistas

Analistas destacam que Ebitda superou estimativas e elogiam fluxo de caixa livre e desalavancagem

30 de outubro de 2020
14:14 - atualizado às 19:17
papel e celulose Klabin Suzano
Imagem: Shutterstock

Em uma sexta-feira de queda de mais de 2% do Ibovespa, as ações da Suzano (SUZB3) fecharam em baixa de 0,24%, a R$ 50,05, um dia após a empresa divulgar os resultados do terceiro trimestre - considerados muito positivo pelos analistas.

A Suzano teve um bom desempenho operacional no terceiro trimestre, com crescimento de 13,2% da receita líquida em relação ao mesmo período de 2019, para R$ 7,4 bilhões, e de 58% do lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda, na sigla em inglês), para R$ 3,8 bilhões.

Apesar disso, a empresa apresentou prejuízo líquido de R$ 1,1 bilhão, com o dólar prejudicando a parcela da dívida em moeda estrangeira e a linha financeira do balanço.

Os analistas Caio Ribeiro e Gabriel Galvão, do Credit Suisse, afirmaram que a Suzano apresentou “mais um conjunto impressionante de resultados”, mesmo em um período geralmente fraco para a companhia. O Ebitda superou suas projeções em 21% porque o preço da celulose no período também ficou acima do que estimavam, em 8%.

Eles destacaram ainda que o volume de papel vendido foi 24% superior ao esperado. E junto com a valorização do dólar e a redução de 11% do custo por tonelada, além do preço da celulose, resultou em um Ebitda maior em base anual.

“Por último, a Suzano foi capaz de preservar os atuais níveis dos estoques, agora abaixo dos patamares normalizados, o que acreditamos ser positivo porque deve ajudar a companhia a alcançar taxas operacionais maiores no futuro e, assim, gerar maior diluição dos custos fixos”, diz trecho do relatório.

O banco manteve a recomendação de compra para as ações, com preço-alvo de R$ 65,00.

Fluxo de caixa e dívida

O analista George Staphos, do Bank of America (Bofa), também elogiou o desempenho da Suzano no terceiro trimestre, afirmando que o Ebitda superou suas projeções em 12%, também citando a valorização da celulose no mercado internacional.

Ele destacou ainda o fluxo de caixa livre ajustado de R$ 2,3 bilhões. Apesar de ter crescido apenas 5% em base anual, ajudou a reduzir a alavancagem financeira da companhia de 5,6 vezes no segundo trimestre para 5,1 vezes no terceiro trimestre. Em dólar, ela recuou de 4,7 vezes para 4,4 vezes.

Por conta do bom desempenho operacional, e das consequências das positivas sobre a parte financeira, o analista do BofA informou que vai revisar sua tese de investimento para a Suzano, esperando apenas a teleconferência da companhia.

“Nos permanecemos [com recomendação] em compra devido ao atrativo potencial de alta de nosso preço-alvo, a boa geração de fluxo de caixa e nossa visão de que a Suzano deve passar por reajustes em uma série de dimensões, incluindo a desalavancagem”, diz trecho do relatório. “A geração de caixa e a desalavancagem no terceiro trimestre, atingidos enquanto os preços da celulose permanecem baixos, suportam nossa tese.”

O preço-alvo do BofA para as ações da Suzano é de R$ 61,00.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

seu dinheiro na sua noite

Free Solo: Ibovespa escala para perto da marca histórica

Com imagens de tirar o fôlego, o extraordinário documentário Free Solo conta a preparação do alpinista Alex Honnold para chegar ao topo do El Capitan, uma parede rochosa com quase 1000 metros de altura. Detalhe: a escalada é feita sem equipamentos de segurança. O filme vencedor do Oscar está disponível no Disney Plus. Mas quem não é […]

Respiro

E-commerce fatura R$ 7,72 bilhões com Black Friday e Cyber Monday em 2020

O valor representa aumento de 27,7% em relação ao mesmo período do ano passado.

fechamento dos mercados

Ibovespa engata 5ª semana seguida de alta com Petrobras, Vale e aéreas

Índice local de ações não tinha sequência tão longa de ganhos semanais desde dezembro de 2019; dólar mantém trajetória de queda e juros longos se descomprimem de novo

duas semanas depois

Carrefour anuncia que vai deixar de usar seguranças terceirizados

Anúncio é uma resposta ao assassinato de João Alberto de Freitas – homem negro que foi espancado por seguranças de uma unidade do Carrefour em Porto Alegre

Desde 2015

CVM faz comunicação recorde de indícios de crimes ao Ministério Público

De janeiro a setembro deste ano, a CVM enviou 260 comunicados de indícios de crimes financeiros ao Ministério Público.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies