Menu
2020-09-23T16:00:58-03:00
Felipe Saturnino
Felipe Saturnino
Graduado em Jornalismo pela USP, passou pelas redações de Bloomberg e Estadão.
aquisição à vista

Stone vai lançar BDRs na bolsa brasileira e pretende usar papéis na compra da Linx

Aprovação pelos acionistas da Linx e da Stone e prévia autorização do CADE (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) estão entre as condições para finalizar a operação

22 de setembro de 2020
20:30 - atualizado às 16:00
sede da Linx
Imagem: Divulgação

A Stone irá emitir BDRs — certificados de depósitos que representam ações negociadas fora do Brasil — na B3 que serão usados como parte do pagamento aos acionistas da Linx, no âmbito da operação de aquisição da empresa.

As informações constam de comunicado enviado à SEC (Security Exchange Commission, o órgão regulador do mercado de capitais dos Estados Unidos).

O negócio depende do aval da SEC em relação à emissão de ações Classe A da Stone para os acionistas da Linx.

A aprovação pelos acionistas da Linx e da Stone e a prévia autorização do CADE (Conselho Administrativo de Defesa Econômica) também estão entre as condições para finalizar a operação.

"Não esperamos que a transação gere preocupações antitruste", diz a Stone, no comunicado.

Além deles, será necessária a autorização para a Stone não ser listada no Novo Mercado e a dispensa para que a empresa realize oferta pública de aquisição (OPA) da totalidade dos papéis da Linx.

A OPA está prevista no estatuto da empresa no caso de um acionista adquirir titularidade de 25% ou mais de suas ações e deve ser realizada em até 60 dias desde a data das aquisições.

Disputa pela Linx

Ontem, foi a vez de outra empresa na briga pela Linx se manifestar: a Totvs subiu o tom contra os conselheiros da companhia.

O comitê formado pelos conselheiros independentes da empresa de tecnologia para o varejo, responsável por analisar a oferta, se recusou a assinar a minuta do protocolo de incorporação apresentada pela Totvs.

A Totvs alegou que recebeu como justificativa dos conselheiros o entendimento de que a assinatura do protocolo poderia ferir o acordo fechado com a empresa de maquininhas de cartão e meios de pagamento Stone.

“Essa situação, após mais de 5 semanas de acesso à Proposta, reforça a percepção de que a maximização de valor para os acionistas da Linx não tem sido o compromisso, de forma objetiva, do comitê especial”, criticou a Totvs.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

seu dinheiro na sua noite

Fidelidade em baixa com a pandemia

Não, não estou falando da fidelidade entre casais. Até porque, por mais que a convivência excessiva em família na quarentena tenha abalado alguns casamentos, o momento não anda muito propício às puladas de cerca. Estou falando do setor de fidelidade, que abarca as empresas de programas de pontos e milhagem, sobretudo aqueles ligados às companhias […]

Empresa ligada à Vale

Justiça aprova pedido de Recuperação Judicial da Samarco

RJ não terá impacto nas atividades operacionais da mineradora, nem nas ações de reparação e compensação pela tragédia de Mariana

FECHAMENTO

Ibovespa ignora tensão em Brasília e NY no vermelho e avança 1%; dólar também sobe

Enquanto as blue chips garantiram o bom desempenho do Ibovespa, o dólar avançou 0,84%, pressionado pelo noticiário em Brasília

Exaltou integração

Presidente do Banco Central não enxerga competição entre bancos e fintechs

Segundo Campos Neto, a integração entre as mídias sociais e o sistema financeiro é maior inovação que existe no momento

Menos pontos e milhas

Setor de empresas de fidelidade encolhe quase 30% em 2020

O segmento de fidelidade movimentou R$ 5,3 bilhões em 2020, segundo a Associação Brasileira das Empresas do Mercado de Fidelização (ABEMF)

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies