Menu
2020-09-16T17:57:08-03:00
nas graças do investidor

Snowflake atrai Warren Buffett e dispara 110% após maior IPO do ano nos EUA

Startup de armazenamento de dados em nuvem, a Snowflake estreou caindo nas graças dos investidores na Nasdaq e conseguiu atrair Warren Buffett a um raro investimento

16 de setembro de 2020
15:46 - atualizado às 17:57
Fachada de escritório da Snowflake
Imagem: Shutterstock

As empresas de tecnologia enfrentaram poucas e boas nas últimas semanas. Hoje, no entanto, uma em particular brilhou: a Snowflake, startup de armazenamento de dados em nuvem, que saltou na sua primeira sessão na Nasdaq.

Os papéis registraram uma alta de 111%, o que significa que as ações acabaram o dia sendo negociadas a mais que o dobro do preço a que saíram no IPO (oferta pública inicial de ações, da sigla em inglês) — que foi, inclusive, o maior do ano nos Estados Unidos.

A companhia levantou US$ 3,4 bilhões de dólares na operação realizada ontem, quando a sua ação foi precificada em US$ 120, acima da faixa indicativa, que variava de US$ 100 a US$ 110.

A faixa já havia sido "esticada", uma vez que os parâmetros iniciais eram entre US$ 75 e US$ 85.

As ações da empresa terminaram o dia cotadas ao preço de US$ 253,93. Na máxima, bateu o preço de US$ 319. A Nasdaq fechou o dia subia em queda de 1,25%. Leia a cobertura completa de mercados do Seu Dinheiro.

A Snowflake exerceu um poder de atração sobre Warren Buffett, que realizou um raro investimento em um IPO.

A Berkshire Hathaway, conglomerado de Buffett, se comprometeu a comprar US$ 250 milhões em ações ordinárias Classe A da empresa. Foi o mesmo que fez a Salesforce Ventures, braço da Salesforce.com Inc.

Além disso, a Berkshire também concordou em comprar 4 milhões de ações em uma transação secundária, segundo comunicado da Snowflake.

Com a disparada das ações da Snowflake, a Berkshire já lucrou aproximadamente US$ 1 bilhão: sua posição na companhia passou de US$ 730 milhões (baseando-se no preço da ação no IPO, de US$ 120) para US$ 1,7 bilhão.

Valor de mercado

As ações da Snowflake foram precificadas a US$ 120 no IPO. Uma vez que foram oferecidas 277,3 milhões de ações, a operação avaliou a empresa em US$ 33 bilhões.

Agora, a situação é outra: já que a Snowflake caiu nas graças dos investidores, o valor de mercado cresceu significativamente, acompanhando a alta expressiva do papel.

Só no preço de abertura, de US$ 230, a companhia atingiu uma capitalização de mercado de incríveis US$ 64 bilhões.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

Teste de fé

Segredos da bolsa: Powell e Campos Neto testam a fé dos investidores nos banqueiros centrais

Testemunhos do presidente do Fed perante a Câmara e o Senado dos EUA e coletiva de Campos Neto tendem a inspirar cautela entre os investidores

dinheiro estrangeiro

Sem reformas, fim da pandemia pode não trazer investimentos

Desde 2015, a participação de estrangeiros nos títulos de dívida pública caiu de 20,8% para 9%; quadro fiscal piorou com a pandemia

coronavírus

Doria anuncia que São Paulo receberá 5 milhões de doses de CoronaVac

Segundo o governador de São Paulo, previsão é de que haja 46 milhões de doses até dezembro

o app dos jovens

TikTok banido dos EUA? Entenda a polêmica em torno do aplicativo

Trump prometeu tirar o aplicativo chinês do país neste domingo, mas medida não deve ser colocada em prática; entenda as razões por trás da ofensiva americana

entrevista

‘Não se pode esperar para cortar privilégio’, diz ex-secretário do Ministério da Economia

Paulo Uebel defende que o Congresso aprove uma regra de transição na proposta da reforma administrativa para incluir o fim dos privilégios que grupo de servidores atuais ainda goza

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements