Menu
2020-09-09T13:41:55-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
reorganização da cosan

Compass, da Cosan, pode movimentar R$ 4,4 bilhões em IPO

Operação faz parte da grande reorganização societária da Cosan; empresa mira explorar as oportunidades do setor de gás natural e energia no Brasil

9 de setembro de 2020
13:00 - atualizado às 13:41
Gasoduto
A Compass opera no ramo de distribuição e comercialização de gás natural - Imagem: Shutterstock

O IPO (oferta pública inicial de ações) da Compass Gás e Energia, controlada pela Cosan, na B3 pode movimentar R$ 4,39 bilhões, segundo documento divulgado pela empresa.

Para chegar a tal cifra, a empresa leva em conta um eventual lote suplementar e adicional da oferta, com um preço por ação de R$ 28,50, que é o ponto médio da faixa indicativa. Apenas com a colocação total dos papéis a companhia levantaria R$ 3,2 bilhões. Hoje, o capital social da Compass é de R$ 628 milhões.

A Compass fala em usar 20% dos recursos líquidos para reforço de capital e 80% para fusões e aquisições. A empresa lembra que participa do processo de desinvestimento conduzido pela Petrobras para venda de sua participação de 51% no capital social da Gaspetro.

"Caso a companhia saia vencedora de tal processo, parte dos recursos da oferta será utilizada em tal aquisição", diz, sem citar valores. O IPO tem coordenação de Itaú BBA, Santander, Morgan Stanley, BTG Pactual, Bradesco BBI, Citi, BB Investimentos, UBS, Safra e XP.

O IPO da Compass faz parte da grande reorganização societária da Cosan, com a ideia de ser uma plataforma complementar de atividades para explorar as oportunidades do setor de gás natural e energia no Brasil. A atuação da empresa é divida em quatro segmentos:

  • Distribuição de gás natural - por meio da Comgás;
  • Infraestrutura e originação de gás - acessando a oferta de gás do pré-sal e importando GNL (gás natural liquefeito);
  • Comercialização de gás;
  • Geração térmica a gás e trading de energia elétrica - transformando gás em eletricidade.

No exercício social encerrado em 2019, a empresa distribuíu 4,5 bilhões de m³ de gás e registrou o maior volume share entre todas as distribuidoras do país com 31%, segundo o Ministério de Minas e Energia.

O Ebitda normalizado foi de R$ 2,2 bilhões, segundo a Compass. A empresa está em 88 municípios do Estado de São Paulo, incluindo a região metropolitana de São Paulo.

A oferta da Compass faz parte de uma lista de 46 IPOs na fila da B3. Até agosto, as ofertas de ações na B3 - considerando não só as estreias - somavam R$ 62,2 bilhões no ano, segundo dados da Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima).

Mercado de gás natural e energia

O IPO da Compass também acontece em um momento de mudança no mercado global de gás natural. A oferta global cresce influenciada pelo aumento de produção nos Estados Unidos e investimentos em novos projetos voltados para exportação de GNL.

No Brasil, o mercado de gás natural é concentrado pela Petrobras, que historicamente dominou a cadeia de valor, desde a exploração até o transporte, distribuição e comercialização.

O gás natural tem pouca competitividade, baixa penetração na matriz energética brasileira e uma demanda reprimida. Mas a descoberta de grandes reservas de gás no pré-sal e a regulação do Novo Mercado de Gás figuram como os principais catalisadores de uma transformação no mercado nacional.

Segundo a IHS Markit, espera-se que a produção de gás no Brasil dobre nos próximos dez anos para 95 milhões de m³/dia, aumentando significativamente a oferta de gás, e o novo marco regulatório promova a concorrência e a abertura do mercado livre de gás.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

Topo da lista

Ricardo Barros diz que reforma tributária é prioridade do governo

“É desejo do presidente uma reforma tributária que simplifique e modernize os impostos sem aumento de carga tributária”, afirma Barros.

É dia de feira?

Maia diz que meta flexível em 2021 é ‘jabuticaba brasileira’

O governo resolveu abandonar uma meta fixa de resultado primário no ano que vem.

A queridinha de Wall Street

Ações da Tesla, de Elon Musk, sobem forte após recomendação do Goldman Sachs

A forte alta anual dos papéis ganhou ainda mais força depois da inclusão da Tesla no S&P 500, a partir de 21 de dezembro.

em busca de recursos

Empresas do agronegócio se preparam para ir à Bolsa; veja candidatas

Seis empresas do segmento já entraram com o pedido na CVM; setor, que há tempos sustenta o PIB brasileiro, vinha distante das ofertas de ações

OTIMISMO

Guedes admite PIB um pouco abaixo do esperado, mas vê economia voltando

Resultado leva Ministério da Economia a defender fim dos auxílios emergenciais adotados durante a pandemia

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies