Menu
2020-05-19T19:00:22-03:00
Estadão Conteúdo
Mudança aérea

Gol amplia malha aérea em 47% em junho ante maio para 100 voos diários

A empresa informou ainda que não tem planos de reaver seus voos internacionais em junho

19 de maio de 2020
19:00
GOL
Imagem: Shutterstock

A Gol informou nesta terça-feira, 19, mudanças na sua malha para o mês de junho. Serão 100 voos diários, ante os 68 previstos na malha essencial de maio, um acréscimo de 47%. A empresa informou ainda que não tem planos de reaver seus voos internacionais em junho.

"Trata-se de um aumento sutil do número de voos e horários, mas de grande efeito para a comodidade de quem precisa se deslocar pelo País ou utilizar os serviços de transporte da empresa", afirma a aérea em nota.

A empresa destaca que comparando-se com as operações vigentes no período que antecedeu a chegada do coronavírus ao Brasil, essa centena representa uma redução ainda marcante da capacidade da companhia, de 87%. Desse total, 20 voos terão início em 10 de junho, destacando a relevância dos aeroportos de Congonhas (CGH), em São Paulo, Brasília (BSB) e Galeão (GIG), no Rio de Janeiro.

A companhia destaca que aos poucos, bases em diferentes regiões do País estão sendo reabertas. Em junho, a partir do dia 10, será a vez de Chapecó (XAP), em Santa Catarina, Ilhéus (IOS) e Porto Seguro (BPS), na Bahia, Juazeiro do Norte (JDO), no Ceará, e Petrolina (PNZ), em Pernambuco, sempre em ligação com o aeroporto internacional de São Paulo, em Guarulhos (GRU). Com exceção de Juazeiro, com quatro saídas semanais, os demais destinos têm três frequências.

O aeroporto de Congonhas, segundo a Gol, passa a complementar as ofertas do aeroporto de Guarulhos, que deixa de concentrar todas as atividades da companhia. "A empresa estabelece o retorno das decolagens do aeroporto paulista para Florianópolis (FLN), Navegantes (NVT) e Salvador (SSA), com quatro saídas na semana, e Recife (REC), com seis", informa. Além disso, a companhia retoma, também em Congonhas, horários corporativos para Belo Horizonte (CNF), Curitiba (CWB) e Porto Alegre (POA). Todos esses trechos entram em vigor no dia 10 de junho.

O aeroporto internacional de Brasília, que desde maio atende primordialmente ao Norte do País, ganha reforço com novos voos para essa região, assim como para o Sul, o Sudeste e o Nordeste. Na capital federal, a Gol resgata ainda operações para Recife (REC), com três frequências semanais de ida e volta - além do Galeão, no Rio de Janeiro, de segunda a sábado, também no dia 10 de junho.

No Galeão, por sua vez, as novidades são a rota para Aracaju - às terças, quintas e domingos - e as partidas para Curitiba e Porto Alegre (ambas de segunda a sexta e domingo), e Vitória (segunda, terça, quarta, sexta e domingo), todas com início em 10 de junho.

Segundo a Gol, as bases reabertas em maio - Navegantes, em Santa Catarina, e Foz do Iguaçu, no Paraná - mantêm-se em atividade em junho. A empresa ressalta, no entanto, que ajustes pontuais na malha aérea poderão ocorrer face a mudanças de cenários da pandemia ou exigências regulatórias.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

apesar da crise...

Mercado de startups do Brasil caminha para ter melhor ano da história em 2020

O número de aportes realizados em novatas também já tem recorde histórico de 322 cheques, superando o melhor ano do setor com folga – em 2017, foram 263 investimentos

altas expectativas

Casa Branca: Negociações por novo pacote fiscal desaceleraram, mas não terminaram

Kudlow argumentou que, embora republicanos e democratas estejam mais perto de um acordo, ainda há divergências importantes.

O que esperar dos número?

JBS, BRF ou Marfrig, quem vai apresentar o melhor resultado no 3º trimestre?

Com a proximidade das datas de divulgações, os analistas do setor de Alimentos do Credit Suisse aproveitaram para revisar as projeções para três das principais empresas do setor

NA MODA

Grupo Soma fecha acordo por marca de blogueira e ações sobem mais de 9%

Acordo prevê que montante a ser pago, parte em dinheiro e outra em ações, equivalerá a sete vezes o Ebitda da empresa de Nati Vozza

Novidade na B3

Com novo modelo, ações da Track&Field estreiam no pregão da B3 após IPO

Oferta da empresa de vestuário e calçados esportivos inaugura modelo em que as ações preferenciais terão direito econômico — incluindo os dividendos — 10 vezes maior que o das ordinárias

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies