Menu
2020-04-23T10:58:03-03:00
Kaype Abreu
Kaype Abreu
Formado em Jornalismo pela Universidade Federal do Paraná (UFPR). Colaborou com Estadão, Gazeta do Povo, entre outros.
contracorrente

Estapar lança IPO, em primeira oferta desde início da crise

Segundo a rede de estacionamentos, dinheiro será usado para pagar concessão da zona azul São Paulo; empresa tem processo questionado judicialmente

23 de abril de 2020
8:53 - atualizado às 10:58
estacionamento carros
Imagem: Shutterstock

A rede de estacionamentos Estapar lançou nesta quarta-feira (22) sua oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês). É a primeira operação desde o início da crise provocada pelo novo coronavírus. Até março, a bolsa brasileira passava por uma onda de estreias - que foram suspensas diante da instabilidade do mercado.

Segundo a companhia, o dinheiro levantado será destinado ao pagamento da concessão onerosa do serviço de estacionamento rotativo em vias e logradouros do município de São Paulo (Concessão Zona Azul de São Paulo).

A Estapar venceu a licitação, mas ainda não assinou o contrato porque a concorrência para a concessão é questionada judicialmente. Com a assinatura, a companhia teria direito a operar ao menos 43.521 vagas por 15 anos.

"Parte relevante de nossas operações são conduzidas por meio de concessões públicas. A perda dessas concessões pode afetar de forma negativa as nossas receitas e a capacidade de operar nosso negócio", informa a rede de estacionamentos.

A empresa também realiza uma oferta secundária, em que os recursos serão repassados aos acionistas vendedores.

A Estapar estima que o preço da ação fique entre R$10,50 e R$13,00 - a precificação está marcada para 13 de maio. Considerando o papel a R$ 11,75, a companhia pode levantar R$ 322,9 milhões na oferta primária - em que serão vendidas 28,6 milhões de novas ações. Na oferta secundária serão até 1,2 milhão de papéis.

O BTG Pactual, acionista da companhia, é o coordenador líder da oferta. Bradesco BBI, Banco do Brasil e Santander também participam.

A Estapar é líder do setor de estacionamentos: opera hoje aproximadamente 400 mil vagas em 684 operações localizadas em polos geradores de tráfego dos principais centros urbanos do Brasil. A empresa tem 38 anos - cresceu organicamente a partir da primeira base, em Curitiba, e via aquisições.

"Temos um modelo de negócios diversificado e com uma demanda estável de mercado, que combina contratos de serviços asset-light com uma plataforma de alocação de capital orientada a contratos de longo prazo e ativos de real estate", diz a companhia.

Com a crise, a Estapar diz que já identificou queda de receita, reduziu gastos e negociou rolagem de pagamento de principal e juros de dívidas contratadas. A companhia também busca novas linhas de crédito de curto prazo e relata que pode não conseguir implementar integralmente as estratégias de negócio.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

balanço do dia

Covid-19: casos sobem para 15,5 milhões e mortes, para 432,6 mil

O total de vidas perdidas durante a pandemia subiu para 432.628. Entre ontem e hoje, foram registradas 2.211 novas mortes.

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Mudaram as estações, mas nada mudou na bolsa

Quem olha para o saldo do Ibovespa na semana pode achar que os últimos dias foram um marasmo. O índice, afinal, ficou praticamente estável — uma quase desprezível queda de 0,13%. “Mas eu sei que alguma coisa aconteceu / tá tudo assim, tão diferente”, já dizia a música. E é verdade: nada mudou na bolsa, […]

Fechamento da semana

Inflação americana e minério de ferro vivem ‘dias de luta e dias de glória’, monopolizando a semana; dólar avança e bolsa recua no período

O minério de ferro puxou Vale e siderúrgicas para cima – mas depois derrubou. A inflação americana também assustou, mas conseguiu acalmar o ânimo dos investidores. Confira tudo o que movimentou a semana

Engordando o caixa

Petrobras gera US$ 2,5 bilhões com desinvestimentos em 2021; venda mais recente é para fundo árabe

E a estatal não deve parar por aí, pois o diretor financeiro da empresa já reafirmou a intenção de continuar com o programa de venda de ativos

Em evento do BofA

Presidente do BC revela preocupação com análise de autonomia no STF e planos para PIX internacional

Campos Neto e o ministro da Economia, Paulo Guedes, têm conversado com ministros da Corte sobre os questionamento acerca do tema

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies