Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-08-25T18:42:21-03:00
Felipe Saturnino
Felipe Saturnino
Graduado em Jornalismo pela USP, passou pelas redações de Bloomberg e Estadão.
otimismo de investidores

Eletrobras dispara em dia de cautela na bolsa com notícia sobre privatização

Ações preferenciais da companhia têm maior alta percentual do Ibovespa. O ministro da Economia, Paulo Guedes, pretende anunciar oficialmente que a empresa está na lista de privatizações para os próximos meses, segundo a Broadcast

25 de agosto de 2020
15:34 - atualizado às 18:42
Eletrobras
Imagem: Shutterstock

As ações da Eletrobras chegaram a subir mais de 4% nesta terça-feira (25), reagindo à notícia de que a privatização da companhia será encaminhada pelo governo federal nos próximos meses.

Apesar da forte alta mais cedo, os papéis ordinários fecharam com ganho mais modesto, de 1,74%, aos R$ 38,04, enquanto os preferenciais (ELET6) fecharam em alta de 2,65%, aos R$ 38,29. Mesmo assim, um avanço considerável diante do desempenho do Ibovespa, que caiu 0,18% no dia.

Não é de hoje que as ações da estatal sobem e descem conforme a expectativa para o processo de privatização, que se arrasta desde 2018. A tendência é que os papéis devolvam parte dessa alta se o anúncio do governo não se converter num avanço concreto no Congresso.

A privatização deve ser realizada por meio de uma capitalização, com uma oferta de ações na bolsa que dilua a participação do governo para menos de 50% do capital votante.

Na segunda, o Broadcast, serviço de notícias em tempo real do Estadão, disse que o ministro da Economia, Paulo Guedes, incluirá a Eletrobras na lista de empresas a terem a privatização encaminhada nos próximos meses, citando pessoas a par do assunto.

De acordo com a notícia, o governo costura com o Congresso Nacional mudanças no projeto de lei enviado em 2019 que dispõe sobre a desestatização da companhia elétrica.

Entre os ajustes, estariam o retorno de uma golden share — participação acionária detida pelo Estado em companhias privatizadas que garantem direitos ordinários e poder de veto em determinadas situações.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

Contornando o teto

Economistas veem ‘contabilidade criativa’ em negociação do Auxílio Brasil

Parte do benefício, com parcelas de R$ 400, deve ficar de fora da regra que comanda o avanço das despesas públicas brasileiras

De onde vem o dinheiro?

Governo confirma Auxílio Brasil em R$ 400, mas sem revelar de onde vai tirar o dinheiro para bancar o benefício

O ministro da Cidadania não respondeu às perguntas da imprensa nem confirmou a fonte de renda para o novo programa social, o que é a grande preocupação dos mercados

O que vem depois da lua?

Depois do recorde: até onde vai a alta do bitcoin? Especialista em criptomoedas responde

Depois da aprovação do primeiro ETF em criptomoedas, o bitcoin (BTC) não para de subir e as estimativas são otimistas — mas os EUA podem mudar o jogo

Analistas respondem

Ações da Vale aprofundam queda com sinais ruins do relatório de produção e vendas no 3º trimestre. Hora de comprar VALE3?

Analistas apontam que, enquanto a produção foi sólida, a venda de minério de ferro veio abaixo do esperado até pelas estimativas mais conservadoras

Puxando os ETFS

Chove bitcoin, molha ETF: fundos de índice brasileiros sobem até 19% em dia de recorde do BTC

Enquanto o primeiro ETF de criptomoeda dos Estados Unidos avança tímidos 3%, na B3, o avanço é de até 19,78%

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies