Menu
2020-07-29T17:45:05-03:00
Felipe Saturnino
Felipe Saturnino
Graduado em Jornalismo pela USP, passou pelas redações de Bloomberg e Estadão.
Parcelamento em 15 anos

BR Distribuidora fará aporte de R$ 150 milhões no fundo de pensão Petros

A companhia também anunciou o cumprimento da exigência do novo plano de equacionamento de débito do fundo de pensão

29 de julho de 2020
9:55 - atualizado às 17:45
BR distribuidora
BR distribuidora - Imagem: Divulgação

A BR Distribuidora disse nesta quarta-feira (29) que assinou negociação com o fundo de pensão Petros para fazer um aporte de R$ 150,1 milhões, parcelado em 15 anos, com carência até 31 de dezembro de 2020.

Além disso, anunciou a celebração de um instrumento de garantia no valor de R$ 342,2 milhões para cumprir exigência do novo plano de equacionamento de débito.

O valor será corrigido pela meta atuarial, calculada anualmente segundo premissas dos Plano Petros, adicionado de juros e opção de pré-pagamento, informou a companhia.

Além disso, o plano de equacionamento de débito do Plano Petros (que reúne os Planos Petros do Sistema Petrobras Repactuados e Não Repactuados) exige a constituição de garantia às obrigações da empresa, resultando na emissão de notas promissórias em R$ 342,2 milhões.

"Ressaltamos que as alterações ocorridas nos regulamentos dos Planos ensejarão uma reavaliação atuarial intermediária, cujos resultados ainda não previstos serão registrados no 2T20", disse a BR Distribuidora.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

Embarque imediato

Depois de incorporação, acionistas da Smiles aprovam saída do Novo Mercado

Além disso, assembleia votou a destituição do conselho de administração e a eleição de novos membros, inclusive do presidente

Procuram-se semicondutores

Falta de chips adia recuperação da indústria automobilística

O setor deve perder a chance de recuperar mercado no segundo semestre, período em que tradicionalmente se vendem mais carros

Mais uma na bolsa

Investindo no banco de investimentos: BR Partners sobe forte na estreia na bolsa

A BR Partners, banco de investimentos independente, concluiu seu IPO e estreou na bolsa nesta segunda — e a recepção do mercado foi boa

Tela azul

O “selo Buffett” no Nubank, a falha da Coca-Cola com CR7 e uma fraude no setor de tecnologia; confira os destaques da edição #37 do Tela Azul

Richard Camargo, André Franco e Vinícius Bazan comentam os principais assuntos no mundo das techs em papo descontraído e reforçam o convite para o evento que vai revelar as ações de tecnologia mais promissoras do momento

Bola rebola

Show das poderosas: Nubank estreia dueto com Anitta e cala os críticos com primeiro lucro

Fintech que já vale US$ 30 bilhões tem primeiro resultado positivo na história e anuncia contratação da cantora para compor o conselho de administração

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies