Menu
2020-04-08T15:37:29-03:00
Fuga de capitais

Fluxos de capitais para emergentes devem ter recuperação modesta, diz IIF

Emergentes devem registrar “moderada” recuperação em fluxo de capitais no segundo semestre, aponta IIF, insuficiente para compensar as perdas

8 de abril de 2020
15:37
Dólar em alta
Imagem: Shutterstock

As economias emergentes devem registrar uma "moderada" recuperação no fluxo de capitais no segundo semestre de 2020, aponta o Instituto Internacional de Finanças (IIF), não sendo suficiente para compensar as perdas recordes registradas no primeiro trimestre do ano. Para a instituição, a Ásia deve ter retomada mais rápida, enquanto os países da América Latina enfrentarão problemas por mais tempo.

Em relatório divulgado nesta quarta-feira, 8, o IIF projeta que o fluxo de capital para emergentes vai desacelerar "consideravelmente" em 2020, como resultado do impacto causado pelo coronavírus. Excluindo-se a China, o fluxo deve ficar negativo durante todo o ano, avalia o Instituto.

"Desde o início do ano, os emergentes experimentaram fuga de capital recorde, maior do que durante qualquer crise recente. Uma combinação do choque da covid-19 com a queda nos preços do petróleo provocou fuga de cerca de US$ 83 bilhões somente em março", diz o relatório.

O IFF defende que, para ajudar esses mercados, será necessário fazer uma intervenção direta mais robusta do que a verificada até aqui, como as linhas de swaps introduzidas pelo Federal Reserve (Fed, o banco central americano). "Em alguns casos, o choque da covid-19, combinado com outros desafios preexistentes, vai demandar ajuda externa adicional", ressalta.

Moedas

Em meio às disfunções provocadas pelo coronavírus, as moedas de Argentina, Índia, África do Sul e Indonésia estão supervalorizadas, avalia o Instituto Internacional de Finanças, em relatório. "Poucas moedas emergentes estão subvalorizadas de forma estatisticamente significativa. Somente o real brasileiro e o peso chileno chegam perto disso, além do won sul-coreano", destaca o documento.

Segundo a instituição, a recente alta do dólar frente às divisas emergentes reflete um movimento de fuga de capitais sem precedentes, um cenário que normalmente causaria subvalorização dessas moedas.

"No entanto, as circunstâncias estão longe do normal e o prolongado choque COVID-19 significa que os mercados podem permanecer desarticulados por algum tempo", diz o IIF.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

Número de casos do novo coronavírus no Brasil ultrapassa 510 mil

Com 480 mortes registradas nas últimas 24 horas, o número de óbitos pela covid-19 chega a 29.314

governo diante da crise

Bolsonaro atrasa promessas contra covid-19

Foram 17 compromissos sobre medidas de combate à pandemia entre 17 de março e 21 de abril. Dessas, 41% não foram cumpridas integralmente

crise em debate

Na China, preço do minério de ferro dispara 24%

Negociadores temem que a situação da pandemia por aqui provoque interrupções na cadeia de fornecimento do material

em meio à pandemia

Em Brasília, Bolsonaro vai a manifestação contra STF; São Paulo tem ato pró-democracia

Supremo tem sido alvo de ataques por parte do presidente após a Corte autorizar o cumprimento de mandados de busca e apreensão de aliados

conflito entre poderes

Ministro do STF compara Brasil à Alemanha de Hitler e diz que bolsonaristas querem ditadura

Em mensagem a ministros da corte, Celso de Melo diz que “é preciso resistir à destruição da ordem democrática”, segundo informações obtidas pela Folha de S. Paulo

histórico

SpaceX, de Elon Musk, chega à Estação Espacial; veja vídeo

Empresa finalizou primeira parte da missão espacial com astronautas da Nasa; operação deve abrir caminho para futuras viagens, inclusive turísticas

caos no país

EUA têm quinta noite seguida de protestos; ao menos 20 cidades declaram toque de recolher

Manifestações insurgiram após a morte de um homem negro de 46 anos, asfixiado por um policial branco no último dia 25; total de prisões é de 1,7 mil

DE OLHO NO LONGO PRAZO

Ouro ou imóveis: qual o melhor investimento para defender seu patrimônio?

Na hora da crise, os dois investimentos são considerados capazes de salvar seu dinheiro do derretimento dos mercados no longo prazo.

crise de saúde

Brasil tem 28.834 mortes por covid-19

Foram incluídas nas estatísticas 33.274 novas pessoas infectadas com o novo coronavírus, somando 498.440 casos confirmados

conflito entre poderes

‘Tudo aponta para uma crise’, diz Bolsonaro sobre decisões do STF e e TSE

Decisões recentes de Cortes miram a família, aliados e a sua campanha presidencial em 2018

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements