Menu
2020-02-24T14:32:09-03:00
Bruna Furlani
Bruna Furlani
Jornalista formada pela Universidade de Brasília (UnB). Fez curso de jornalismo econômico oferecido pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Tem passagem pelas editorias de economia, política e negócios de veículos como O Estado de S.Paulo, SBT e Correio Braziliense.
AVIAÇÃO

Empresa americana ExpressJet Airlines compra 36 aviões da Embraer

A companhia anunciou também que vai diminuir gradualmente a sua frota de aeronaves E175 para acelerar o crescimento e se tornar uma companhia mais eficiente

24 de fevereiro de 2020
14:32
united
Imagem: YouTube

A ExpressJet Airlines, que opera como United Express pela companhia aérea americana United Airlines, anunciou hoje (24) a compra de 36 aeronaves Embraer ERJ145. Com isso, a empresa se torna a maior operadora do mundo a utilizar esse modelo, com mais de 125 aviões - que devem ser adicionados à sua frota durante os próximos 12 meses.

A companhia anunciou também que vai diminuir gradualmente a sua frota de aeronaves E175 para acelerar o crescimento e se tornar uma companhia mais eficiente.

De acordo com o comunicado, o acordo estabelecido ainda prevê o investimento significativo em "remodelar" o interior das aeronaves com novos painéis, assentos para torná-la cada vez melhor aos passageiros.

"Nós fizemos um acordo de longo prazo com o Embraer ERJ145 e também realizamos o design das cabines, assentos, além de melhorarmos o sistema de entretenimento para oferecer uma experiência mais contemporânea aos nossos usuários", destacou Sarah Murphy, vice presidente sênior da United Express, que é como opera a ExpressJet.

Hoje, a ExpressJet possui operação em mais de 100 aeroportos ao redor dos Estados Unidos, Canada, México, com mais de 3.300 voos semanais das bases de Chicago, Houston e Newark. A companhia é subsidiária da ManaAir que é controlada em parte pela aérea americana United Airlines.

Mais acordos

E não é apenas a United Express que deve passar por mudanças. Na última quarta-feira (19), o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) rejeitou recurso do Ministério Público Federa (MPF) e manteve a aprovação da compra da Embraer pela Boeing.

A aprovação pela superintendência é terminativa, porém pode ser analisada outra vez se um conselheiro encaminhar o processo para julgamento no tribunal do Cade. Outra forma de retomar o caso é se uma empresa terceira interessada e inscrita previamente no processo pedir a análise do tribunal.

Ao longo dos últimos doze meses, os papéis da Embraer (EMBR3) acumulam ligeira valorização de 0,15%. Na última sexta-feira (21), as ações ordinárias da companhia fecharam em R$ 19,54.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

escolha da CEO

Criptomeme bilionário, $moda$ de Hering e Arezzo, aposta contra o BC… veja o que bombou na semana no Seu Dinheiro

Você apostaria contra o Banco Central do Brasil?  Não falo de apostas mequetrefes com a turma do escritório, do tipo “quem perder paga uma rodada”.  Estou falando de colocar o seu patrimônio em investimentos que podem dar retornos altos se o BC estiver errado. Pois é justamente o que defende Rogério Xavier, da SPX Capital, um […]

empresa de porto alegre

Startup Zenvia entra com pedido de IPO na Nasdaq

Empresa quer levantar até US$ 100 milhões; oferta terá seus recursos destinados para pagar o montante utilizado na aquisição da startup D1, entre outros

LDO

LDO de 2022 prevê ‘vacinas’ contra manobras do Orçamento

Proposta exclui a possibilidade de indicação das emendas de relator e proíbe o Congresso de subestimar despesas obrigatórias sem aval do Executivo

negociações no varejo

Negociação de venda da Hering à Arezzo envolve questões de negócio e familiares

Alta cúpula da Arezzo passou os últimos dias em reuniões e deverá formar um grupo de trabalho para tratar sobre a proposta para a Hering, afirmou uma fonte

fique de olho

Itaú anuncia pagamento de juros sobre capital próprio

Serão R$ 0,05648 por ação, com retenção de 15% de imposto de renda na fonte; pagamento é uma antecipação aos aos dividendos e JPC do resultado de 2021

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies