💸 Você pode receber R$ 120 para investir; veja como solicitar o depósito aqui

Cotações por TradingView
2020-06-29T12:10:13-03:00
Estadão Conteúdo
efeito coronavírus

Covid-19 leva intenção de consumo das famílias à queda recorde em junho, diz CNC

Parcela de consumidores que acreditam ser um mau momento para compra de duráveis, como eletrodomésticos, eletrônicos, carros e imóveis, atingiu 77%

29 de junho de 2020
12:09 - atualizado às 12:10
Consumidores andam em shoppings centers | brMalls, shoppings, Iguatemi, Aliansce Sonae
Imagem: Shutterstock

A Intenção de Consumo das Famílias (ICF), medida ela Confederação Nacional do Comércio (CNC), teve em junho sua pior queda da série histórica, de 14,4% em relação a maio e recuo de 24,1% contra junho de 2019, caindo para 69,3 pontos. Com a baixa, o ICF volta ao patamar de julho de 2016, informou a CNC.

A aquisição de bens duráveis segue se destacando negativamente. A parcela de consumidores que acreditam ser um mau momento para compra de duráveis, como eletrodomésticos, eletrônicos, carros e imóveis, atingiu 77%, o maior porcentual deste item desde a primeira pesquisa.

Assim como no mês passado, esse indicador registrou as maiores quedas mensal e anual entre os índices de junho: -23% e -36,4%, respectivamente. Com isso, atingiu sua pior pontuação na história (40,4), terminando como o menor subíndice da pesquisa.

A parcela de brasileiros que se sentem menos seguros com o seu emprego atingiu o nível mais elevado da série (32,6%). O subíndice Emprego Atual registrou suas quedas mais significativas, tanto no comparativo mensal (-12,6%) quanto no anual (-23,7%), caindo ao menor nível histórico (88,5 pontos).

"É a primeira vez, desde junho de 2016, que esse indicador entra na zona de pessimismo (abaixo de 100 pontos), revelando a insatisfação das famílias nesse sentido", diz a economista da CNC responsável pelo estudo, Catarina Carneiro da Silva.

As avaliações negativas sobre a renda atual também fizeram com que este indicador alcançasse o menor nível da série histórica (84 pontos) em junho, após quedas mensal (-13%) e anual (-21,8%).

Apenas o acesso ao crédito continua positivo na comparação anual, em alta de 1,1%, aos 87,5 pontos, mas cedendo 5,5% frente ao resultado de maio.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

ELITE DA BOLSA

Primeira prévia do Ibovespa indica uma ação “desclassificada” para a próxima carteira

1 de dezembro de 2022 - 9:01

Ibovespa passará a contar com 91 ações entre janeiro e abril, de acordo com a primeira prévia da carteira do índice; veja quem deve sair

CAÇADOR DE TENDÊNCIAS

Day trade na B3: Oportunidade de lucro acima de 11% com ações da Alpargatas (ALPA4); confira a recomendação

1 de dezembro de 2022 - 8:16

Identifiquei uma oportunidade de swing trade baseada na análise quant – compra dos papéis da Alpargatas (ALPA4). Veja os detalhes

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Um pouco de normalidade: De olho na Petrobras e no PIB, investimentos em novembro, Copa do Mundo e outras notícias que mexem com seu bolso

1 de dezembro de 2022 - 8:15

No campo dos indicadores, os participantes do mercado estão de olho nos números do PIB no terceiro trimestre e a balança comercial brasileira em novembro

Acumulou!

Mega-Sena acumula e prêmio vai a R$ 100 milhões; Lotofácil e Quina fazem novos milionários

1 de dezembro de 2022 - 7:07

Embora ninguém tenha acertado a Mega-Sena, a Lotofácil saiu para uma aposta em SP; Quina rendeu o maior prêmio da noite de quarta-feira

MERCADOS AGORA

Esquenta dos mercados: Fed anima mercados com possibilidade de juro menor e bolsas internacionais ampliam rali; Ibovespa aguarda nome para Fazenda

1 de dezembro de 2022 - 6:58

RESUMO DO DIA: Os investidores locais seguem de olho na escolha do futuro ministro da Economia. No entanto, o nome deve permanecer um mistério até o final desta semana. O mais cotado para o cargo é Fernando Haddad, ex-ministro da educação. Enquanto o imbróglio ministerial não se dissolve, as bolsas internacionais reagem à notícia de […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies