Menu
2019-04-20T16:00:31-03:00
Estadão Conteúdo
Custo Alto

Aumento no frete deve achatar lucros no comércio, prevê CNC

Empresas terão dificuldade para repassar custos ao consumidor, “achatando” suas margens de lucro

18 de setembro de 2018
7:47 - atualizado às 16:00
Comércio
Reajuste irá custar R$ 1,09 bilhão ao comércio brasileiro.Imagem: Fotos Públicas

O reajuste médio de 5,5% na tabela do frete, anunciado há duas semanas, irá custar R$ 1,09 bilhão ao varejo brasileiro até o fim do ano. Isso é o que prevê a Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), de acordo com o jornal "O Estado de S. Paulo".

Até o fim do ano, o resultado deve impactar no lucro dos negócios. Diante da economia desaquecida, as empresas devem ter dificuldades para repassar os novos custos aos consumidores. "Isso vai afetar a recuperação, a abertura de lojas e geração de vagas. Tudo fica mais lento com esse gatilho de custo do comércio", avalia Fabio Bentes, chefe da Divisão Econômica da CNC.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

Radiocash

“Quando comecei a criar o Me Poupe, eu queria transformar finanças em mainstream”, conta Nathalia Arcuri

A plataforma de conteúdo e educação financeira tem uma CEO com uma jornada polêmica e impactante; confira no RadioCash

Economia na defesa

Privatização da Eletrobrás é ‘entrega elevadíssima’, afirma secretário de Guedes

Segundo associações do setor, o texto aprovado vai aumentar o custo da energia para consumidores em R$ 84 bilhões nas próximas décadas

Entre a cruz e a espada

Bitcoin se aproxima da “Cruz da Morte”: O que isso significa para a criptomoeda?

O bitcoin tocou essa linha imaginária no último final de semana, o que deve determinar o futuro da moeda para os próximos meses

Buscando confiança

Números de abril revelam melhora do IRB, mas queda da ação mostra que desconfiança persiste

Estratégia de rever contratos, principalmente no exterior, diminuiu as receitas fora do Brasil, mas ajudou sinistralidade e resultado final

Economia dos eua

Dirigente do Fed admite inflação alta, mas defende contínuo apoio monetário

Presidente da distrital do banco admitiu que as leituras recentes de inflação estão “altas” e devem ser monitoradas de perto

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies