Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-01-14T16:33:20-03:00
Bruna Furlani
Bruna Furlani
Jornalista formada pela Universidade de Brasília (UnB). Fez curso de jornalismo econômico oferecido pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Tem passagem pelas editorias de economia, política e negócios de veículos como O Estado de S.Paulo, SBT e Correio Braziliense.
NOVIDADES À VISTA

Azul assina oferta vinculante para adquirir TwoFlex por R$ 123 milhões

A TwoFlex possui uma frota de 17 aeronaves Cessna Caravan, além de um turboélice regional monomotor com capacidade para nove passageiros

14 de janeiro de 2020
16:33
Azul
Imagem: Divulgação

A Azul anunciou hoje (14) ao mercado que fechou uma oferta vinculante para adquirir a empresa área regional, TwoFlex pelo valor de R$ 123 milhões. Hoje, a companhia oferece o serviço regular de passageiros e cargas para 39 destinos no Brasil, sendo que apenas três desses são atendidos também pela Azul.

A TwoFlex possui uma frota de 17 aeronaves Cessna Caravan, além de um turboélice regional monomotor com capacidade para nove passageiros. A companhia também conta com 14 horários diários de partidas e chegadas na pista auxiliar do aeroporto de Congonhas.

Ela surgiu em 2013 a partir da fusão de duas empresas de táxi-aéreo especializadas no transporte de cargas, a Flex Aero e a Two Aviation.

“A aquisição da TwoFlex ajudará a Azul a aumentar a demanda de clientes, pois poderá levar o serviço aéreo a lugares onde não são servidos hoje, além de conectar cada vez mais pessoas à sua malha de voos e destinos, que é a maior da América Latina. A operação de carga da TwoFlex também será uma adição estratégica à Azul Cargo Express, pois poderá levar carga para cidades hoje não atendidas”, disse John Rodgerson, CEO da Azul.

No documento, a empresa informou ainda que a oferta permanece sujeita a algumas condições, como a conclusão da auditoria, além da negociação de um contrato de compra e venda e aprovações regulatórias.

Presença na aviação regional

A compra da TwoFlex segue o movimento feito no passado pela Azul quando a área adquiriu a Trip e com isso se tornou dona da maior malha área regional.

Na época, a fusão com a Trip deu à Azul presença em 96 cidades entre as 108 que recebiam voos regulares, o que ajudou a dar maior musculatura para a Azul competir com rivais, como Gol e antiga TAM.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

Balanço do mês

Com alívio nos juros futuros, renda fixa atrelada à inflação é o melhor investimento de novembro; bitcoin, FII e ações ficam na lanterna

Passado o pânico com o drible do teto de gastos, queda nos juros futuros deu aos títulos com alguma parcela da remuneração prefixada espaço para se recuperar; mas ativos de bolsa continuaram sofrendo

Dia Agitado

Após receber aporte bilionário, Ânima (ANIM3) compra participação em plataforma para formação de profissionais de saúde

Através de sua controlada Inspirali, a mesma a receber o aporte mais cedo, a companhia fechou um acordo para a aquisição de 51% da IBCMED

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Ômicron e Powell assustam mercados, mas criptomoedas escapam da queda; confira os destaques do dia

O fim de novembro chega carregado de expectativa para o início oficial da temporada das festas de final de ano. As tradições natalinas podem variar de família para família, mas algumas coisas são universais — como as retrospectivas pessoais e a presença do clássico “Então é Natal”, da cantora Simone, em quase 100% dos lares […]

Natal antecipado

Dividendos: Blau Farmacêutica (BLAU3) vai distribuir juros sobre o capital próprio (JCP); confira o valor por ação

A ‘data de corte’ para os proventos, que devem cair na conta dos acionistas em 15 de dezembro, é na próxima sexta-feira (3)

FECHAMENTO DOS MERCADOS

PEC dos precatórios caminha e limita queda do Ibovespa, mas índice fecha novembro no vermelho; dólar vai a R$ 5,63

A nova variante do coronavírus e o posicionamento do Fed diante das ameaças amargaram o humor dos investidores no exterior, mas o Ibovespa conseguiu se segurar nos 100 mil pontos com o noticiário político.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies