Menu
Ruy Hungria
Sextou com o Ruy
Ruy Hungria
É formado em Física e especialista em bolsa e opções na Empiricus
Dados da Bolsa por TradingView
2020-12-11T15:10:35-03:00
NEGÓCIOS DIGITAIS

Seguidores ou consumidores? Por que o grupo Soma gastou R$ 210 milhões para comprar grife que bomba no Instagram

Com avanço do e-commerce, empresas estão interessadas em estratégias de engajamento em redes sociais

11 de dezembro de 2020
6:37 - atualizado às 15:10
Imagem conceitual traz ícones de likes em redes sociais
O valor das redes sociais - Imagem: Shutterstock

Eu vou te confessar uma coisa – e entendo perfeitamente se você me disser que sou antiquado e obsoleto: eu não tenho perfil no Instagram. Aliás, nem no Instagram, nem no Twitter, nem no Facebook, nem em qualquer outra rede social.

Nada contra quem passa horas nessas plataformas, mas essa definitivamente não é uma maneira que eu gostaria de gastar os poucos minutos livres que sobram do meu dia.

Exceção

Mas a verdade é que eu sou uma exceção. As pessoas gastam cada vez mais tempo em redes sociais, e os brasileiros e brasileiras estão entre os campeões quando o assunto é tempo acumulado nessas plataformas, com uma média de quase 4 horas por dia. 

Elaboração: Seu Dinheiro. Fonte: GlobalWebIndex

Tão surpreendente quanto o número de horas dedicadas é o número de brasileiros que as utilizam: são mais de 70 milhões de perfis no Instagram, e mais de 90 milhões no Facebook e no Youtube.

Elaboração: Seu Dinheiro. Fonte: Comscore

Você pode amar ou odiar as redes sociais. No entanto, com tanta gente utilizando essas plataformas e durante tantas horas por dia, o que você não pode é ignorar o poder que elas exercem na vida das pessoas.

E já tem muita gente e muitas empresas se aproveitando disso para ganhar uma grana.

Seguidores ou consumidores?

Se você acompanha minimamente o setor de moda, já deve ter ouvido falar nas varejistas Arezzo, Lojas Renner, Hering, Levi's, entre tantas outras redes famosas.

No entanto, a não ser que você acompanhe assiduamente postagens de blogueiras de moda, é bem provável que nunca tenha ouvido falar na byNV.

Criada pela blogueira Nati Vozza em 2012, a marca de roupas com DNA 100% digital simplesmente explodiu nos últimos anos. E não foi baseada em métodos tradicionais, como abertura de lojas ou comercial na televisão, por exemplo.

A estratégia foi monetizar o potencial de consumo do público mais engajado e disposto a comprar os seus produtos: seus mais de um milhão de seguidores fiéis do Instagram.

Estratégia que surtiu ótimos resultados.

Faturamento da byNV. Fonte: Relação com investidores do Grupo Soma

Vendas + know-how

Menos de dez anos depois de ser criada, a byNV acabou de ser vendida ao Grupo Soma (SOMA3) – dono de marcas importantes como Farm e Animale – por nada menos do que R$ 210 milhões.

Mas se engana quem pensa que o Grupo Soma desembolsou essa grana apenas pela marca e pelas roupas da byNV.

Mais do que isso, o Soma está trazendo para dentro do grupo um know-how que vai ficando cada vez mais importante à medida que a utilização das redes sociais aumenta: como utilizar essas plataformas de modo a atrair mais seguidores, conseguir engajar e monetizar esse grande público sem a necessidade de gastar rios de dinheiro com marketing – exatamente como a Nati Vozza conseguiu fazer com a sua própria marca.

Dado que caminhamos para uma digitalização cada vez maior do varejo, a aquisição mostrou uma capacidade diferenciada dos executivos do Grupo Soma em enxergar e aproveitar mudanças de tendência que não apenas carregam boas oportunidades, como podem fazer a diferença entre as marcas que vão conseguir triunfar lá na frente.

Por essa capacidade diferenciada de gestão somada a marcas de grande qualidade é que eu recomendei aos assinantes da Empiricus participarem do IPO de SOMA3, e continuo enxergando valor nos papéis mesmo depois de cerca de 30% de valorização desde então.

Fonte: Google

 O próximo Instagram milionário

O interessante dessa história toda é que, enquanto milhões de pessoas usam a rede social para ficar matando horas e horas dos seus dias, muita gente está começando a entender que essas plataformas representam uma enorme oportunidade de criação de valor.

Seja para divulgar os produtos da sua loja e turbinar as vendas do final do ano, ou para angariar milhares (milhões?) de followers e engajá-los de tal modo que eles consumam tudo aquilo que você indique, o Instagram passou a ser uma ferramenta importantíssima nas mãos de quem souber utilizá-lo – não é, Grupo Soma?

Diante dessa oportunidade que as redes abrem para qualquer negócio, a Empiricus está lançando um curso inédito que ensina como transformar o Instagram em uma verdadeira máquina de vendas.

Se você tem interesse ou conhece alguém que possa se interessar, deixo aqui o convite para saber mais.

Um grande abraço e até a próxima!

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

Casamento legal

Cade mantém aprovação de compra de fatia da BRF (BRFS3) pela Marfrig (MRFG3)

A conselheira que havia pedido a reabertura da análise da operação mudou de posição e desistiu da reavaliação

SEGURADORA EM APUROS

Vítima de ataque cibernético, Porto Seguro (PSSA3) diz ter restabelecido canais após quase uma semana de instabilidade

Corretores ouvidos pela reportagem disseram que, nos últimos dias, os sistemas da seguradora apresentaram problemas

CRYPTO NEWS

Cotação do bitcoin (BTC) bate recorde histórico — o que fazer com a criptomoeda a partir de agora?

Depois de alguns meses sendo um investimento “ruim”, porque teve 50% de queda, o bitcoin volta a ganhar os holofotes do mercado e as manchetes da mídia especializada

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Auxílio Brasil, recorde do bitcoin, balanço da Tesla e produção da Vale: confira as principais notícias do dia

Com a temporada de balanços americana trazendo resultados animadores, o empurrãozinho em direção a um dia de ganhos poderia ter sido maior, mas não tem como negar que a grande pedra no sapato do investidor brasileiro é o novo programa social pretendido pelo governo federal. O saldo final do pregão de hoje foi positivo, mas […]

Problemas nas refinarias?

Com ameaça de desabastecimento no radar, produção da Petrobras (PETR4) recua 4,1% no 3º trimestre

Antes da divulgação do relatório, a petroleira já havia informado que não teria capacidade para atender, em sua totalidade, os pedidos por fornecimento de combustível em novembro

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies