Menu
Marina Gazzoni
O melhor do Seu Dinheiro
Marina Gazzoni
2020-02-06T09:09:46-03:00
Tudo que vai mexer com seu dinheiro hoje

12 notícias para começar o dia bem informado

6 de fevereiro de 2020
9:09
O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Andrei Morais/Seu Dinheiro

O mercado ainda digere hoje a decisão do Copom de reduzir o juro para 4,25% ao ano. É, de novo, o mínimo já registrado no Brasil. O juro baixo força o investidor brasileiro a assumir risco para buscar retornos altos. 

Se você é leitor antigo do Seu Dinheiro, já está careca de saber isso. Para te ajudar a arregaçar as mangas e partir para a ação, a Jasmine Olga traz hoje um compilado das melhores ações indicadas pelas corretoras para fevereiro.

O que você precisa saber hoje:

INVESTIMENTOS

O Banco Central cortou a taxa básica de juros para 4,25% ao ano e sinalizou o fim do ciclo de quedas. A Julia Wiltgen fez as contas e mostra aqui como ficam seus investimentos com a Selic ainda mais baixa. 

 Dos cinco fundos mais rentáveis de 2019, três eram especializados em small caps - um deles é o 4UM Small Caps FIA, da gestora paranaense 4UM. O foco deles é buscar retornos de 100% com apostas fora do óbvio. A Julia conversou com o gestor do fundo e explica a estratégia dele nesta matéria.

SEU DINHEIRO PREMIUM

• Está procurando ações para comprar na bolsa? A Jasmine Olga consultou 13 corretoras sobre quais são suas três ações preferidas. A grande vencedora é uma ação indicada por quatro corretoras. Essa empresa é uma das companhias que se dá bem no cenário de juros baixo. A indicação está disponível nesta matéria, que é exclusiva para os leitores Premium. Para virar Premium, basta clicar neste link.

MERCADOS

O Ibovespa fechou em alta de 0,41%, aos 116.028,27 pontos — foi a terceira sessão consecutiva no azul. O dólar à vista recuou 0,45%, a R$ 4,2390. 

O que mexe com os mercados hoje? A atuação do governo chinês para conter os estragos causados pelo surto de coronavírus no país parece surtir efeito e as bolsas asiáticas embalam o terceiro dia de alta consecutivo. As bolsas americanas zeraram as perdas acumuladas nas últimas semanas e amanhecem no azul.

EMPRESAS

O BNDES levantou R$ 22 bilhões com a venda de suas ações da Petrobras. Nos últimos meses, o banco também deixou de ser acionista da Light e da Marfrig.

O Banco Pan lucrou R$ 515,9 milhões em 2019, um crescimento de 133% em relação ao ano anterior. A empresa agora espera atrair parte dos clientes para sua recém-lançada conta digital, com foco nas classes C, D e E. 

O Cade rejeitou mais um recurso do Itaú e da Rede contra a decisão do órgão que suspendeu uma promoção da empresa de maquininhas. 

A Localiza aprovou sua 8ª emissão de debêntures, ao valor total de R$ 1 bilhão na data de emissão. Os títulos têm prazo de 12 de fevereiro de 2025.

POLÍTICA

O presidente dos EUA, Donald Trump, foi absolvido no Senado das duas acusações no processo de impeachment.

No Brasil, a Câmara dos Deputados barrou a decisão do STF de afastar o deputado Wilson Santiago (PTB-PB). O parlamentar é investigado na Operação Pés de Barro por pagamento de propinas em obra de uma adutora na Paraíba.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

Recuperação da estatal

Lucro da Petrobras salta 55,7% em 2019 e chega a R$ 40,1 bilhões, impulsionado pela venda de ativos

A Petrobras fechou 2019 com o maior lucro líquido anual de sua história, sustentada pelos fortes desinvestimentos e ganhos de eficiência na extração de petróleo — fatores que compensaram os menores preços da commodity no exterior

De olho no balanço

Marfrig reverte prejuízo e registra lucro líquido de R$ 27 milhões no 4º trimestre de 2019

No acumulado do ano, o lucro líquido caiu para R$ 218 milhões, ante R$ 1,4 bilhão no ano anterior

Confira os números

Petrobras, Ultrapar, Marfrig, RaiaDrogasil e GPA: os balanços que vão mexer com a bolsa nesta quinta-feira

O dia começa recheado de balanços anuais das companhias listadas no Ibovespa

Recurso da estatal

TRF-4 nega recurso da Petrobras e mantém Odebrecht fora de ação da Lava Jato

No recurso, a estatal buscava o prosseguimento dos réus na ação cível e a manutenção do bloqueio de bens dos executivos

Seu Dinheiro na sua noite

Guedes fora, alta do dólar

Você se lembra de quando o dólar a R$ 4,20 era o grande “patamar psicológico” da moeda americana? Não faz tanto tempo assim, mas esse nível de cotação ficou para trás, e agora parece até um pouco distante. Hoje, o dólar à vista bateu um novo recorde de fechamento. Eu sei que você já leu […]

Mais um recorde: dólar à vista sobe a R$ 4,36 e renova a máxima nominal de fechamento

O dólar à vista subiu mais um degrau nesta quarta-feira (19): pela primeira vez, terminou uma sessão acima dos R$ 4,36, cravando um novo recorde nominal. É a oitava vez em 2020 que a moeda renova as máximas de fechamento

Ainda na liderança

Vitor Hugo crê que permanece como líder do governo; Terra diz não receber convite

O deputado disse que não recebeu sinalizações do presidente Jair Bolsonaro de que poderá ser substituído pelo ex-ministro Osmar Terra

O impasse continua

Após TRT suspender demissões, Petrobras quer negociar desligamentos em fábrica

Encerramento da operação da Ansa é o principal motivo da greve dos petroleiros

Ponto polêmico

Relator mantém trabalho aos domingos na MP do contrato verde e amarelo

Deputado Áureo manteve a permissão para que todos os trabalhadores sejam convocados para trabalhar aos domingos e feriados

Novidade no IR

Programa do IR virá sem dedução da contribuição patronal sobre domésticos

Fim da dedução é a principal novidade para as declarações de IR em 2020

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu