Menu
Julia Wiltgen
O melhor do Seu Dinheiro
Julia Wiltgen
2020-04-06T20:34:26-03:00
Seu Dinheiro na sua noite

Balança mas não cai?

6 de abril de 2020
20:34
O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Andrei Morais/Seu Dinheiro

Caro leitor,

Embora a pandemia global de coronavírus ainda esteja longe de ser debelada - pelo menos com os dados e tratamentos que temos até o momento - o mercado começou a semana menos pessimista.

Itália, Espanha e o estado de Nova York - três localidades críticas de disseminação da doença - mostraram, no fim de semana, o que pode ser o início de uma desaceleração no número de casos e mortes pela Covid-19. Isso levou os mercados mundiais a operarem em forte alta nesta segunda-feira.

Mas por aqui, o tempo quase fechou no meio da tarde. Uma notícia dando conta de que Bolsonaro demitiria hoje o ministro da Saúde Henrique Mandetta levou o Ibovespa a desacelerar os ganhos.

Essa não foi a única tensão de Brasília a ser monitorada pelos mercados hoje, mas certamente foi a mais relevante, até porque a guerra fria entre o presidente e seu ministro já vem de algum tempo.

Enquanto Bolsonaro defende que as medidas de quarentena comecem a ser relaxadas para reduzir o impacto na economia, Mandetta se coloca a favor das orientações internacionais e defende as medidas de isolamento social.

Mas apesar do impacto negativo que essas medidas devem ter na economia, a popularidade de Mandetta está em alta, e isso parece estar incomodando o presidente. Os números de casos e óbitos causados pelo coronavírus no Brasil ainda sobem. Hoje, o país chegou a 553 mortes e pouco mais de 12 mil casos confirmados.

Até agora não houve confirmação ou desmentido oficial sobre a demissão de Mandetta. Se o ministro balança mas não cai, eu não sei. Mas quem balançou e não caiu foi mesmo o Ibovespa, que se recuperou no fim do pregão e fechou com ganho de 6,52%, aos 74.072,98 pontos, como conta o Victor Aguiar.

Antes do que você pensa

O fundo Verde, do lendário Luis Stuhlberger, teve um mês para esquecer em março. Ainda assim, a Verde Asset está otimista quanto à recuperação dos preços dos ativos. Em relatório, a gestora afirmou que a retomada será mais rápida “do que muitos imaginam”. O fundo sustenta uma posição comprada em ações americanas. O Vinícius Pinheiro te conta todos os detalhes sobre a estratégia do Verde.

Premiê na UTI

O coronavírus chegou até a cúpula do governo britânico no dia 27 de março, quando o primeiro-ministro Boris Johnson afirmou que havia testado positivo para a doença. À época, disse que havia desenvolvido sintomas leves, mas, no domingo, teve de ser internado. Hoje, Johnson deu entrada na UTI de um hospital em Londres, segundo comunicado oficial.

Abrindo a caixa de ferramentas

O Banco Central resolveu ampliar ainda mais o seu arsenal contra a crise nesta segunda. Entre as medidas anunciadas estão a restrição à distribuição de dividendos e ao aumento de salários pelos bancos e a concessão de crédito para essas instituições com cobrança de Selic + 0,6% por ano. Também estão nesse rol uma linha de crédito especial para micro e pequenas empresas e a ampliação do limite por titular da captação bancária via DPGE, um tipo de depósito coberto pelo Fundo Garantidor de Créditos (FGC).

Mais 15 dias

O governador João Doria esticou o prazo da quarentena no estado por mais 15 dias, até 22 de abril. Serviços essenciais permanecerão abertos, mas a recomendação é para que as pessoas fiquem em casa o máximo de tempo possível. Doria também anunciou uma medida para impedir as aglomerações de pessoas durante o período de isolamento. Confira os detalhes na matéria do Kaype Abreu.

Sem condições

A Anfavea, associação que reúne os fabricantes de automóveis, divulgou um dado que já mostra o peso do coronavírus na economia real: as montadoras do país registraram o menor volume de produção para um mês de março dos últimos 16 anos. O presidente da entidade disse, porém, que ainda “não há condições” de revisar as projeções de produção para 2020, mas que espera uma “queda substancial” das vendas no mês de abril.

É um bear market, entende?

Tem gente por aí doida por ver uma luz no fim do túnel, esperando que essa crise acabe logo. Ou então, batendo na tecla de que este é o momento para encher o carrinho com ativos baratos, cujos preços devem se recuperar em breve. Mas para o nosso colunista Felipe Miranda, é como se esses investidores não estivessem vendo que o comportamento dos mercados desde o fim de fevereiro não se trata de uma simples correção, mas de um bear market, e isso muda tudo. Vale a pena ler!

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

pandemia

Brasil registra 1.340 mortes por covid-19 em 24h

Resultado ficou atrás apenas do dia 7 de janeiro, quando foram confirmadas 1.524 novos falecimentos

seu dinheiro na sua noite

Tudo caiu – até o forward guidance

Os mercados domésticos ficaram hoje divididos sob a influência de acontecimentos distintos, o que resultou em um comportamento geral incomum: tudo caiu. O Ibovespa perdeu o patamar dos 120 mil pontos e fechou em queda, na contramão das bolsas americanas, animadas pela posse do novo presidente Joe Biden e a nova fornada de estímulos fiscais […]

Análise

Sem o “forward guidance”, Banco Central arranca bola de ferro dos pés

Decisão do BC de abrir mão do compromisso de não mexer com os juros foi acertada, mas a adoção do instrumento mais ajudou ou atrapalhou a economia?

sem "efeito Biden"

Vacinação e risco fiscal derrubam o Ibovespa em dia de festa em NY; dólar também recua

Euforia dos mercados internacionais com o “efeito Biden” foi barrada pelas incertezas domésticas e fez a bolsa brasileira ir na contramão de NY

taxa básica

BC mantém Selic em 2% ao ano, mas retira o ‘forward guidance’

Bolsa pode ter realização de lucros nesta quinta com derrubada de prescrição, diz especialista; decisão de hoje acontece em meio à alta dos preços das commodities e à valorização do dólar

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies