Menu
2020-04-22T16:41:32-03:00
Julia Wiltgen
Julia Wiltgen
Jornalista formada pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) com pós-graduação em Finanças Corporativas e Investment Banking pela Fundação Instituto de Administração (FIA). Trabalhou com produção de reportagem na TV Globo e foi editora de finanças pessoais de Exame.com, na Editora Abril.
Queda livre

Petróleo fecha com fortes perdas e cai aos menores valores em cerca de 20 anos

Commodity continuou em queda nesta terça, em razão da fraca demanda; WTI caiu mais de 40% e Brent fechou abaixo dos US$ 20 pela primeira vez em 18 anos

21 de abril de 2020
16:44 - atualizado às 16:41
Bear market petróleo
Imagem: Shutterstock

O petróleo passou por mais um dia de fortes desvalorizações, com seus preços atingindo novos patamares históricos.

O contrato futuro para junho do WTI, negociado nos EUA, fechou em queda de 43,37%, a US$ 10,61, a menor cotação desde 1999 para os contratos mais líquidos.

Já o contrato para junho do Brent, negociado em Londres, caiu 24,40%, a US$ 19,33 o barril. Trata-se do menor valor para o Brent desde 2002, também considerando-se os contratos mais líquidos.

Ontem, o WTI para maio, com menos liquidez, caiu mais de 300% e encerrou o pregão com preço negativo, situação inédita no mercado futuro de petróleo. O contrato venceu hoje.

Mais cedo, os preços da commodity chegaram a ter certo alívio em meio às notícias de que a Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) vai fazer hoje uma teleconferência extra para debater a crise, embora sem a perspectiva de já sair alguma decisão.

Outra reunião, marcada para 10 de maio, estaria sendo articulada para debater novos cortes na produção. Mesmo assim, as perdas voltaram a se aprofundar na parte da tarde. O WTI para junho chegou a perder mais de 60%, sendo negociado a US$ 8 o barril.

A queda nos preços da commodity no mercado futuro reflete a expectativa de uma demanda muito menor que a oferta em razão das paralisações para combate à pandemia do coronavírus no mundo. Com isso, os estoques dos consumidores estão cheios, e o custo da armazenagem, que está quase no limite, está ultrapassando os preços praticados no mercado.

A forte queda nos preços dos Brent pode impactar as ações da Petrobras, uma vez que a estatal usa como referência o petróleo negociado em Londres. Nesta terça, a bolsa brasileira permanece fechada em razão do feriado de Tiradentes, mas os recibos de ações da Petrobras (ADR) negociados na bolsa de Nova York recuaram 3,51%. Já o EWZ, fundo de índice (ETF) de ações brasileiras, fechou em queda de 3,21%.

O desempenho dos preços do petróleo contribuiu para as bolsas asiáticas e europeias fecharem em queda nesta terça, e também pesa nas bolsas americanas. Acompanhe a nossa cobertura completa de mercados.

*Com Estadão Conteúdo.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

Proteção

Governo de SP coloca estado na fase vermelha da quarentena a partir do dia 25

Nos dias úteis, a fase vermelha valerá das 20h às 6h.

insatisfação

Empresários pressionam por vacinas, oferecem ajuda e criticam governo

Eles cobram do presidente Bolsonaro pressa na imunização, criticam a politização por causa das eleições de 2022, se colocam à disposição para ajudar e pedem ação do governo

esg

Ambev fecha compra de mil veículos elétricos

Produção será feita em área exclusiva na fábrica da Agrale em Caxias do Sul (RS), com quem a empresa tem contrato de cooperação técnica

Exile on Wall Street

Tempo: o investimento mais importante da sua vida

Tempo é o recurso mais valioso e escasso do mundo, cada pessoa tem uma quantidade limitada, mas indeterminada, dele. Como você tem usado o seu?

Recuperando lentamente

Volkswagen prevê lucro operacional ajustado mais baixo em 2020

A montadora projeta fluxo de caixa líquido de cerca de 6 bilhões de euros.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies