Menu
2020-01-13T17:40:10-03:00
Bruna Furlani
Bruna Furlani
Jornalista formada pela Universidade de Brasília (UnB). Fez curso de jornalismo econômico oferecido pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Tem passagem pelas editorias de economia, política e negócios de veículos como O Estado de S.Paulo, SBT e Correio Braziliense.
MAIS UMA PARCERIA

Linx anuncia parceria com startup colombiana Rappi

Vendedores da Rappi que forem clientes da Linx poderão contar com seu sistema de entrega ao venderem pela startup colombiana

13 de janeiro de 2020
10:36 - atualizado às 17:40
linx
Imagem: Divulgação YouTube

A empresa do setor de tecnologia e informação Linx (LINX3) anunciou hoje (13) uma parceria com a empresa colombiana Rappi, que vai integrar a plataforma omnichannel da Linx ao marketplace criado pela startup de entregas.

A parceria vai expandir a oferta de produtos da Rappi. A Linx explicou que, agora, quando um cliente comprar um produto de um vendedor na plataforma da startup colombiana, ele poderá contar com o seu já conhecido sistema de entrega.

Para ter acesso a essa funcionalidade, o vendedor da Rappi precisa ser usuário do Linx OMNI OMS (Order Management System, na sigla em inglês).

Hoje, empresas como Nike, Centauro, O Boticário, Drogaria São Paulo, Hering, Alpargatas, Vivara, Lojas Marisa, Tok&Stok, RiHappy, Inbrands e Restoque já estão entre os usuários que podem utilizar essa solução. 

Mais uma parceria

Esse é apenas mais um dos acordos fechados recentemente pela Linx. Na última quinta-feira (10), a companhia anunciou uma parceria com o PicPay, carteira digital que pertence à família Batista, dona da JBS.

Segundo a Linx, o objetivo é fazer uma integração melhor com o QR Linx, que funciona como um hub de carteiras digitais que busca centralizar todas as plataformas de meios de pagamento em uma única ferramenta.

Dessa forma, o varejista tem acesso à conciliação integrada e aos processos financeiros em apenas uma interface sem precisar de um QR Code.

A Linx também fechou parcerias recentemente com Mercado Pago, AME (fintech e plataforma de negócios mobile de Lojas Americanas e B2W) e Elo.

Os acordos têm como foco aumentar o mercado-alvo da Linx Pay Hub e da Linx Pay, especificamente, que é focada em fazer a captação, gerenciamento e liquidação de transações, além de emissão de cupons fiscais por meio de maquininhas de companhias parceiras.

Olho nas ações

Nos últimos 12 meses, as ações da Linx apresentaram valorização de 16,32%. Já em janeiro, os papéis da companhia têm desempenho negativo de 2,60%.

De acordo com as recomendações de analistas compiladas pelo serviço da Bloomberg, a companhia apresenta oito recomendações de compra, três de manutenção e uma de venda.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

MERCADOS HOJE

Dólar fica abaixo dos R$ 5 pela primeira vez em um ano; confira as razões para a queda da moeda

Entrada de fluxo estrangeiro no país é acompanhada de alguns critérios técnicos e uma melhora na percepção de risco.

Ampliando investimentos

GM amplia em 75% investimentos em carros elétricos e automáticos até 2025

A projeção da empresa é de que seu Ebit fique entre US$ 8,5 bilhões e US$ 9,5 bilhões na primeira metade do ano

Análise do presidente

Para Bolsonaro, derrubada ou perda da validade da MP da Eletrobras provocará caos

A MP não tem consenso entre líderes e corre o risco de ser derrubada ou ter a votação adiada

Banco mais verde

Itaú anuncia investimento de R$ 400 bilhões em iniciativas ESG até 2025

O Itaú destaca no comunicado que esses títulos têm sido bastante demandados pelo mercado e fazem parte de um segmento em que o Itaú se tornou referência em 2021

MP da eletrobras

Aeel protocola denúncia no TCU contra venda da Eletrobras por ferir Constituição

Em 28 páginas, a Aeel explica ao TCU cada artigo da Constituição que estaria sendo afrontado, e questiona a falta de transparência do processo

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies