Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-02-25T18:44:47-03:00
Fernando Pivetti
Fernando Pivetti
Jornalista formado pela Universidade de São Paulo (USP). Foi repórter setorista de Banco Central no Poder360, em Brasília, redator no site EXAME e colaborou com o blog de investimentos Arena do Pavini.
Mais um para a lista da B3

IPO da Moura Dubeux levanta R$ 1,25 bilhão e ação sai precificada por R$ 19

De acordo com a empresa, os valores arrecadados no IPO irão para o caixa da construtora

11 de fevereiro de 2020
19:59 - atualizado às 18:44
B3 - Bolsa
Imagem: Shutterstock

Na onda dos IPOs da bolsa em 2020, a construtora pernambucana Moura Dubeux levantou nesta terça-feira (11) R$ 1,25 bilhão em sua oferta inicial de ações (IPO, na sigla em inglês). Como a empresa realizou apenas oferta primária, os valores arrecadados irão totalmente para o caixa da construtora.

De acordo com informações divulgadas ao mercado, o preço das ações da Moura Dubeux ficou definido em R$ 19, valor no centro da faixa indicativa de preço, que ia de R$ 17 a R$ 21 por papel. No total, os investidores compraram 65.823.529 ações.

Foram coordenadores da oferta os bancos Itaú BBA, Bradesco BBI, Credit Suisse, BB Investimentos e Caixa.

De olho na dívida

A Moura Dubeux deve utilizar a receita do IPO para promover a redução do nível de seu endividamento. Além disso, também está previsto um reforço de caixa.

Vale lembrar que, em termos financeiros, a Moura Dubeux vem entregando números constantes. Dados apresentados pelo Broadcast/Estadão mostram que, nos três primeiros trimestres de 2019, a receita líquida da construtora foi de R$ 311,097 milhões, um pouco abaixo da receita de R$ 315,998 milhões do mesmo período de 2018.

Já a geração de caixa medida pelo Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) ajustado foi de R$ 95,866 milhões de janeiro a setembro de 2019. Um ano antes, esse valor havia sido de R$ 12,541 milhões no mesmo intervalo.

E fique de olho, investidor: a ação da Moura Dubeux estreia na B3 no dia 13 de fevereiro, sob o código "MDNE3".

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

Crise dos chips

Sem carro zero no mercado, preço de usados sobe até 20% e vendas disparam – carro usado chega a custar mais que um novo

Mercado enfrenta escassez de semicondutores, demanda alta por veículos e prazos longos para a entrega

sem escassez

Fábrica da Tesla em Xangai deve terminar setembro com 300 mil carros produzidos em 2021

Marca será atingida mesmo em meio a uma escassez global de semicondutores, disseram duas fontes da montadora à Reuters

Fim da pandemia

CEO da Pfizer prevê que voltaremos à vida normal dentro de um ano, mesmo com novas variantes do coronavírus

Albert Bourla acredita que vacinação contra a covid-19 se tornarão anuais, para cobrir novas variantes, e que vacinas durarão um ano

ainda não acabou

Controladores da Alliar (AALR3) contratam XP para vender o negócio, diz jornal

Empresa de diagnósticos foi alvo, recentemente, de disputa pelo controle pela Rede D’Or e fundos ligados ao empresário Nelson Tanure

Mais recursos

Democratas aprovam pacote de US$ 3,5 tri no Comitê de Orçamento da Câmara dos EUA

Recursos serão destinados à rede de segurança social e programas relacionados a mudanças climáticas. Obtenção de quase unanimidade para aprovação no Congresso é desafio

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies