Menu
2020-11-27T17:00:52-03:00
Jasmine Olga
Jasmine Olga
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
Felipe Saturnino
Felipe Saturnino
Graduado em Jornalismo pela USP, passou pelas redações de Bloomberg e Estadão.
MERCADOS HOJE

Ibovespa opera acima de 111 mil com força de Itaú e Vale; dólar e juros caem com fluxo e panos quentes entre Guedes e Campos Neto

Bolsas americanas fecham em alta em sessão de feriado prolongado nos Estados Unidos. Por aqui, duas blue chips vão sustentando a alta do principal índice da B3 — Petrobras tem apenas leve alta

27 de novembro de 2020
10:41 - atualizado às 17:00
Itaú
Fachada de agência do Itaú - Imagem: Shutterstock

Com Wall Street operando por apenas meio período por conta do feriado do Dia de Ação de Graças, os mercados acionários globais atuam com fôlego mais limitado nesta sexta-feira (27). Mas a liquidez limitada não é impeditivo para mais uma alta firme do Ibovespa.

Por volta das 16h50, o principal índice acionário da B3 mostrava vigor, não apenas acompanhando o movimento de alta observado nos índices de Nova York, como também aproveitando para subir ainda mais, em avanço de 0,9%, aos 111.170 pontos.

Os papéis de empresas do setor de papel e celulose voltam a se valorizar hoje — Suzano ON e Klabin units mantêm o ritmo de alta de ontem, após queda nos estoques de celulose em portos da Europa.

Papel do Itaú é o único entre os bancos que sobe forte hoje, com mais de 2% de alta. O bancão aprovou a criação da Newco, empresa que deve centralizar a participação de 41,05% que o banco detém na XP Investimentos. O Itaú também anunciou o pagamento de juros sobre capital no valor de R$ 0,0639 por ação.

Vale ON também avança na esteira da alta do minério de ferro na China — juntos Itaú e Vale têm participação de 20% no índice. Ações da Petrobras viraram para alta, passando a seguir o preço do barril do petróleo Brent no mercado internacional, após iniciarem o dia em queda, mas têm movimentos pequenos de valorização.

As maiores altas percentuais do Ibovespa vão ficando para as construtoras EZTEC e Cyrela, em meio à queda dos juros futuros. Veja as maiores altas:

CÓDIGOEMPRESAPREÇO (R$)VARIAÇÃO
EZTC3EZTEC ON           42,60 5,60%
KLBN11Klabin units           25,01 4,43%
SUZB3Suzano ON           55,54 4,01%
PRIO3PetroRio ON           52,25 3,51%
CYRE3Cyrela ON           27,30 3,41%

Como maiores pressões de baixa estão as ações de e-commerce, como Magazine Luiza ON. Ações da NotreDame Intermédica lideram quedas, após a empresa admitir que avalia um follow-on.

Outra ação do setor de saúde, Fleury ON anunciou um programa de recompra de ações. Com duração de um ano, o programa pode adquirir até 1% das ações ON em circulação. Os papéis operam perto da estabilidade. Confira as maiores baixas agora:

CÓDIGOEMPRESAPREÇO (R$)VARIAÇÃO
IRBR3IRB ON             6,84 -3,25%
COGN3Cogna ON             4,93 -3,14%
VVAR3Via Varejo ON           18,66 -2,86%
CSAN3Cosan ON           82,58 -2,24%
CIEL3Cielo ON             3,79 -1,81%

Bolsas americanas fecham em alta

Nos Estados Unidos, as bolsas apenas abriram para meia sessão e fecharam às 15h, o que seguiu limitando a liquidez disponível nos mercados.

Os índices à vista em Wall Street encerraram em alta — o maior avanço foi observado no índice de ações de tecnologia, o Nasdaq, de 0,9%. Nos EUA, as internações pela covid-19 superaram 90 mil pela primeira vez desde o início da pandemia. No momento, no entanto, os investidores adotam uma postura otimista com a esperança por uma vacina suplantando o temor pelo aumento do número de casos.

A sinalização de que o presidente Donald Trump deixará a Casa Branca se os delegados eleitorais decidirem pela vitória de Joe Biden também aliviou os investidores e instigou o movimento positivo.

No plano macro, as negociações entre União Europeia e o Reino Unido em torno do Brexit serão retomadas e o continente segue apresentando um número alarmante de novos infectados com o novo coronavírus. Os índices DAX, em Frankfurt, CAC 40, em Paris, e FTSE 100, em Londres, fecharam em alta de ao menos 0,1%.

Dólar e juros caem com sinais políticos e "panos quentes" entre Guedes e Campos Neto

No mercado de câmbio, o dólar vai tentando manter a sua trajetória de queda mensal a poucos minutos do fim da sessão. A divisa americana opera em leve queda, de 0,2%, cotado a R$ 5,3251.

Mais cedo, na máxima, chegou a subir 0,8%, alcançando R$ 5,3794. No mês, o dólar acumula queda de 7%, refletindo a entrada de recursos estrangeiros no país.

Do ponto de vista local, a fala do deputado Baleia Rossi, autor da proposta de reforma tributária que tramita na Câmara dos Deputados, trouxe uma novidade positiva para o radar.

O legislador disse ao Estadão que está próximo de um acerto com o governo Jair Bolsonaro para aprovar a proposta ainda em 2020.“É verdade que estamos próximos de um acordo”, afirmou ele.

Os juros, por sua vez, continuam a se descomprimir, em meio à limitação de liquidez nos mercados e à declaração do ministro da Economia, Paulo Guedes, de que "não existe eu na Economia e Campos Neto não estar no BC".

Mais cedo, a Fundação Getulio Vargas divulgou o Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M), que acelerou entre outubro e novembro, vindo acima das estimativas dos analistas e acumulando alta de 21,97% no ano e de 24,52% em 12 meses. O indicador, referência para reajuste de contratos de aluguel, subiu 3,28% no mês.

Outro dado importante divulgado nesta manhã foi a taxa de desemprego. Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a taxa de desocupação alcançou 14,6% no trimestre encerrado em setembro, o maior patamar de desemprego da história da pesquisa.

Confira as taxas dos principais vencimentos agora:

  • Janeiro/2021: de 1,933% para 1,923%
  • Janeiro/2022: de 3,32% para 3,27%
  • Janeiro/2023: de 5,01% para 4,93%
  • Janeiro/2025: de 6,81% para 6,70%
Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

Negócio fechado

Petrobras assina venda de sua fatia de 50% no campo terrestre de Rabo Branco

O campo teve produção média em 2020 de 131 barris de petróleo por dia (bpd).

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

O Fundo Verde e a tragédia grega do Brasil

Ao despertar a fúria de Zeus por ter entregue o fogo do Olimpo aos mortais, Prometeu foi acorrentado e punido: durante o dia, uma águia devorava seu fígado; durante a noite, o órgão se regenerava — um ciclo de tormento eterno. Tragédias gregas, infelizmente, costumam ser úteis ao falarmos sobre o Brasil. Reformas econômicas demandam […]

FECHAMENTO

Commodities amenizam a queda da bolsa, mas exterior negativo e nova crise em Brasília falam mais alto

As commodities mais uma vez tentaram salvar a bolsa brasileira de um dia no vermelho, mas o exterior negativo e a cautela em Brasília falaram mais alto

Presidente otimista

EUA devem ter retomada econômica mais rápida em quase 40 anos, diz Biden

Segundo o democrata, o foco de seu governo se manterá em criar empregos e combater a pandemia de covid-19

Gestão na crise

Brasil vive uma espécie trágica de dia da marmota, diz Verde Asset

Navegar os mercados locais vem sendo uma odisseia extremamente complexa e nada indica que vai melhorar, diz a gestora de Luis Stuhlberger

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies