Menu
2019-10-19T18:46:15-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Ações para uma vida

Conheça os 5 maiores investimentos da carteira do bilionário Warren Buffett

Em junho deste ano, a holding de Warren Buffett detinha na carteira ações de 47 companhias. Mas cinco delas representavam 69% do total em valor de mercado. Confira quais são as queridinhas do “oráculo de Omaha”

19 de outubro de 2019
18:46
Warren Buffett
O megainvestidor Warren Buffett - Imagem: Wikimedia Commons

Você com certeza já leu muito sobre a lenda das finanças Warren Buffett, que se tornou um dos homens mais ricos do mundo investindo no mercado de ações. Mas você sabe quais são hoje as principais apostas do bilionário norte-americano?

Buffett é um ferrenho defensor do chamado “value investing”, que significa investir em empresas com base no valor intrínseco delas, e não (apenas) nas cotações da bolsa.

A própria Berkshire Hathaway, holding que concentra os investimentos de Buffett, é listada na bolsa de Nova York e divulga resultados trimestrais. Em junho deste ano, a Berkshire detinha na carteira ações de 47 companhias. Mas cinco delas representavam 69% do total em valor de mercado.

Conheça a seguir os cinco maiores investimentos na carteira de Buffett:

5 - American Express

Cartão American Express

Para você ter uma ideia de como Warren Buffett leva a sério a estratégia de “buy and hold”, ou seja, comprar as ações de uma empresa sem compromisso ou data para venda, ele começou a investir na American Express em 1963! Em junho, a posição da Berkshire Hathaway na empresa de cartões de crédito era de US$ 18,7 bilhões.

4 - Coca-cola

Coca-cola

De todas as empresas da carteira da Buffett, a Coca-cola talvez seja a que mais reflita os ensinamentos do “oráculo de Omaha”. A fabricante de refrigerantes tem um produto consolidado, líder de mercado e gera resultados consistentes. Ainda que nos últimos tempos a empresa venha tentando se reinventar para se adaptar à mudança nos hábitos de consumo. O investidor detém ações da Coca-cola desde 1987. A posição vale US$ 20,4 bilhões.

3 - Wells Fargo

Wells Fargo

Warren Buffett passou maus bocados com um de seus maiores investimentos em 2016, quando o banco Wells Fargo foi acusado de abrir milhões de contas sem o consentimento dos clientes e adulterar contratos de financiamento imobiliário. O bilionário até reduziu no começo do ano a participação, mas a instituição financeira ainda representa uma posição importante da carteira da Berkshire Hathaway, com US$ 20,5 bilhões.

2 - Bank of America

Bank of America

O avanço das novas empresas de tecnologia financeira (fintechs) parece não amedrontar Warren Buffett. Das cinco maiores posições da Berkshire Hathaway, duas são de bancos. O investimento traz mais uma lição do bilionário. Ele comprou US$ 5 bilhões em ações do Bank of America em 2011, quando a instituição ainda sofria com as consequências da crise financeira. A participação é avaliada agora em US$ 27,6 bilhões.

1 - Apple

A compra das ações da Apple por Warren Buffett, em 2016, foi vista quase um “escândalo” para os seguidores do investidor. Afinal, ele nunca foi um grande fã de empresas de tecnologia justamente pelo fato de os papéis não serem uma barganha. Mas Buffett não só se rendeu à dona do iPhone como hoje a participação é a maior da Berkshire Hathaway, com US$ 50,5 bilhões.

Saiba mais sobre Warren Buffett e como os homens mais ricos do mundo chegaram lá na nossa série especial Rota do Bilhão.

*Com informações do site Kiplinger

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

Conselhos do bilionário

Warren Buffett está otimista com o mercado de ações — e continua em busca de uma grande aquisição

Warren Buffett, um dos homens mais ricos do mundo, divulgou sua carta anual aos acionistas da Berkshire Hathaway, seu conglomerado de investimentos

Impactos no Brasil

Coronavírus faz empresas exportadoras perderem R$ 48 bilhões em valor de mercado

Os temores de que o surto de coronavírus possam afetar a economia global trouxeram impactos às ações de exportadoras de commodities no Brasil

China em foco

BC da China considera mais medidas para aliviar o impacto do coronavírus na economia

A China considera medidas adicionais de flexibilização de políticas para ajudar a aliviar o impacto do novo coronavírus em sua economia, incluindo um ajuste das taxas de depósito de referência, disse Liu Guoqiang, vice-presidente do Banco do Povo da China (PBoC, na sigla em inglês). A China planeja liberar mais liquidez para o sistema financeiro, […]

Recuperação mitológica

Para o Credit Suisse, a Via Varejo é a fênix que renasce das cinzas

O Credit Suisse ainda vê espaço para que as ações ON da Via Varejo (VVAR3) continuem subindo, mesmo após a forte valorização dos últimos meses. Segundo o banco, a reformulação na estratégia e os ganhos de eficiência no e-commerce colocam a companhia à beira de uma virada

O melhor do Seu Dinheiro

MAIS LIDAS: Cuidado com a ‘perda fixa’

A matéria a respeito da queda da rentabilidade das aplicações mais conservadoras com o novo corte da Selic, jogando-as ao campo da ‘perda fixa’, foi o destaque desta semana no Seu Dinheiro

LIÇÕES DO PAI RICO

Existem quatro tipos de inteligência – e uma delas é a mais importante para ser Dono e Investidor

Uma lição de um curso de fim de semana mudou a minha vida e me ajudou a me preparar para ser dono e investidor – em vez de empregado ou autônomo.

O cliente voltou

EUA retomam importação de carne in natura do Brasil

Até o momento, os americanos vinham comprando apenas carne enlatada do Brasil

Mudou de vez

Grupo Pão de Açúcar conclui migração para o Novo Mercado da B3 e ações PN deixarão de ser negociadas

Empresa anunciou ainda o início da negociação de ADRs na Bolsa de Valores de Nova York

Enfim, a decisão

Azul fecha acordo para a compra da TwoFlex por R$ 123 milhões

Proposta já havia sido comunicada ao mercado em 14 de janeiro deste ano, mas só agora foi definida

Seu Dinheiro na sua noite

Mamãe eu quero, mamãe eu quero dólar…

Quem me acompanha há algum tempo aqui na newsletter já deve me conhecer o suficiente para não se chocar com a revelação que vou fazer a seguir: eu não sou um grande fã de Carnaval. Mas se você curte sair nos blocos que vão invadir as ruas da cidade e fazer outras estripulias nos próximos […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements