Menu
2019-11-26T15:17:32-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
o tamanho da grana

Dívida pública recua 0,84% em outubro e atinge R$ 4,1 trilhões

Correção de juros no estoque da DPF foi de R$ 19,70 bilhões no mês passado, quando houve resgate líquida de R$ 54,64 bilhões

26 de novembro de 2019
15:17
dinheiro; debênture
Imagem: Shutterstock

O estoque da Dívida Pública Federal (DPF) caiu 0,84% em outubro, quando atingiu R$ 4,120 trilhões. Os dados foram divulgados nesta terça-feira, 26, pelo Tesouro Nacional. Em setembro , o estoque estava em R$ 4,155 trilhões.

A correção de juros no estoque da DPF foi de R$ 19,70 bilhões no mês passado, quando houve resgate líquida de R$ 54,64 bilhões. A DPF inclui a dívida interna e externa. A Dívida Pública Mobiliária Federal interna (DPMFi) caiu 0,68% e fechou o mês em R$ 3,966 trilhões.

Já a Dívida Pública Federal externa (DPFe) ficou 4,79% menor, somando R$ 154,71 bilhões no mês passado.

A parcela da DPF a vencer em 12 meses caiu de 19,73% em setembro para 18,70% em outubro, segundo o Tesouro Nacional. O prazo médio da dívida aumentou de 4,06 anos em setembro para 4,08 anos em outubro. O custo médio acumulado em 12 meses da DPF permaneceu em 8,61% ao ano em outubro.

Estrangeiros

A fatia dos investidores estrangeiros na dívida pública caiu em outubro em relação a setembro. De acordo com dados do Tesouro Nacional, a participação dos investidores no Brasil no estoque da DPMFi passou de 11,42% para 11,33% em outubro, somando R$ 449,37 bilhões. Em setembro, o estoque estava em R$ 455,87 bilhões.

A categoria Previdência também apresentou recuo na participação, de 25,25 para 26,62%. As instituições financeiras também apresentaram recuo na participação do estoque da DPMFi, de 23,61% em setembro para 23,07% em outubro. Os fundos de investimentos aumentaram levemente a fatia de 26,34% para 26,48%. Já a participação das seguradores passou de 4,06% para 3,91%.

Composição

A parcela de títulos prefixados na DPF caiu de 31,75% em setembro para 30,42% em outubro. Os papéis atrelados à Selic reduziram levemente a fatia, de 38,36% para 39,38%.

Os títulos remunerados pela inflação caíram para 25,78% do estoque da DPF em outubro, ante 26,27% em setembro. Os papéis cambiais reduziram a participação na DPF de 4,11% em setembro para 3,93% em outubro.

Todos os papéis estão dentro das metas do PAF para este ano. O intervalo do objetivo perseguido pelo Tesouro para os títulos remunerados pela Selic em 2019 vai de 38% a 42%. Para os pré-fixados, o intervalo vai de 29% a 33%. No caso dos que têm índices de preço como referência, a meta é de 24% a 28% e, no de câmbio, de 3% a 7%.

*Com Estadão Conteúdo 

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

em caráter experimental

IBGE lança pesquisas para mensurar impactos da pandemia de covid em empresa

A Pesquisa Covid-19 nas Empresas, ainda em caráter experimental, está sendo realizada por telefone para avaliar a incidência e o grau de intensidade dos impactos da pandemia na performance empresarial

reviravolta na bolsa

Esta ação era patinho feio – agora é cisne!

Procurei 16 corretoras nos últimos dias para saber quais são suas três principais apostas para o mês de julho. A resposta está aqui

de olho na demanda

Consumo de combustíveis cai 23,8% em maio, diz Unica

Na comparação com os registros de abril, em contrapartida, o volume consumido no mês registrou uma alta de 8,14%, com 3,38 bilhões de litros

Segue o jogo

Caixa ignora crise e mantém prestação de mutuário de baixa renda

Procurada, a Caixa disse que “atua na qualidade de gestor operacional e que cumpre determinações do gestor do programa” – que é o Ministério do Desenvolvimento Regional

propostas do governo

Nova Carteira Verde e Amarela simplifica contratação

Ministério da Economia quer tirar os trabalhadores da informalidade – um contingente de 38 milhões de “invisíveis”

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements