Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-08-25T08:46:35-03:00
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo
De olho na bolsa

Esquenta dos mercados: IPCA-15, arrecadação federal e Paulo Guedes devem movimentar a bolsa hoje; exterior espera Simpósio do Fed

A expectativa com a reunião de Jackson Hole na próxima sexta-feira (27) começa a pressionar os índices pelo mundo e o Ibovespa deve digerir muitos indicadores hoje

25 de agosto de 2021
7:51 - atualizado às 8:46
moedas de real empilhadas
A inflação segue pressionando a bolsa brasileira e o bolso do consumidor - Imagem: Shutterstock

A bolsa brasileira terá um dia cheio pela frente nesta quarta-feira (25). O grande destaque vai para o IPCA-15, a participação de Paulo Guedes em coletiva sobre a arrecadação federal e outros indicadores que mexem com o Ibovespa hoje.

IPCA-15, arrecadação, Guedes e mais

O resultado das contas públicas deve injetar ainda mais tensão nas propostas do governo federal. Hoje devem ser divulgados dados da arrecadação federal de julho, conta corrente do setor externo, consumo aparente, importações, exportações e investimentos diretos no país (IDP). 

Esses indicadores podem ser uma faca de dois gumes para o Palácio do Planalto. Os dados podem indicar a necessidade de abrir mais espaço no Orçamento para 2022, o que reforça a tese do governo em cima do parcelamento dos precatórios, atualmente ocupando R$ 89,1 bilhões nas contas do próximo ano. 

Por outro lado, os mesmos indicadores expõem o descontrole das contas públicas e isso pode custar caro para o governo na eleição de 2022. Membros da equipe econômica, incluindo o próprio ministro Paulo Guedes, devem discursar após a divulgação dos dados (confira na Agenda do dia, mais abaixo).

Por falar em Guedes, o ministro já informou que está disposto a negociar uma reforma tributária mais ampla, se tiver apoio dos prefeitos. O texto encontra resistência dos entes da federação porque afeta diretamente o caixa de estados e municípios. 

Rodrigo Pacheco (DEM-MG), presidente do Senado, também já se colocou contra a proposta. Para ele, a reforma é uma colcha de retalhos que não simplifica o atual sistema tributário e pode ser barrada na Casa.

No fechamento de ontem, o Ibovespa encerrou o dia em alta de 2,33%, aos 120.210 pontos. Já o dólar à vista recuou de 2,23%, a R$ 5,2622.

Fique de olho hoje

Os dados da inflação de agosto devem ser divulgados ainda hoje pelo IBGE. A expectativa dos especialistas ouvidos pelo Broadcast é de que o índice de preços da metade do mês avance 0,84% na mediana das projeções.

É esperado que a equipe econômica também comente os dados da inflação, juntamente com os demais indicadores da economia. 

Simpósio de Jackson Hole 

O grande evento da semana, o Simpósio de Jackson Hole, já começa a colocar as bolsas pelo mundo em compasso de espera. A reunião dos Bancos Centrais não deve contar com representantes do Banco Central Europeu (BCE) e do Banco da Inglaterra (BoE, em inglês), o que coloca o Federal Reserve nos holofotes. 

A expectativa gira em torno de que o Fed defina o caminho das pedras de sua política monetária. Na ata da última reunião, o BC americano já afirmou que deve iniciar a retirada de estímulo da economia ainda este ano, movimento conhecido como tapering

Nosso colunista Matheus Spiess comentou o que esperar desse evento.

Os investidores internacionais devem sentir o impacto da falta de injeção de dinheiro na economia, com o mundo ainda sentindo a paralisação dos negócios por causa da pandemia de coronavírus. 

Fique de olho hoje

Sem maiores indicadores pela frente, os olhos ficam voltados para o número de encomendas de bens duráveis nos Estados Unidos. Ainda hoje devem ser divulgados os dados de estoques de petróleo, gasolina e destilados, bem como o número de poços em operação.

Bolsas pelo mundo

As principais bolsas asiáticas encerraram o pregão desta quarta-feira de maneira mista. Os índices colaram nas altas de Nova York e aproveitaram para aumentar o apetite de risco, mas o avanço foi limitado pela espera do Simpósio de Jackson Hole. 

De maneira semelhante, as bolsas da Europa avançam com menos força, à espera do grande evento dos banqueiros centrais nos Estados Unidos. A expectativa é de que a reunião traga indícios sobre os próximos da política monetária dos EUA. A fala mais esperada é a do presidente do Federal Reserve, Jerome Powell. 

Por fim, os futuros de Nova York seguem no campo positivo, após renovarem máximas históricas no pregão de ontem. O otimismo com a economia norte-americana, com a retomada ganhando corpo e o avanço da vacinação devem injetar bom humor nos índices hoje. 

Agenda do dia

  • FGV: Confiança do consumidor em agosto (8h)
  • IBGE: IPCA-15 de agosto (9h)
  • IBGE: Divulgação da Pesquisa Anual de Serviços referentes a 2019 (10h)
  • Banco Central: Conta corrente do setor externo (julho) e investimento direto no país (IDP) (9h30)
  • Estados Unidos: Encomenda de bens duráveis em julho (9h30)
  • Estados Unidos: Estoques de petróleo, gasolina, destilados e taxa de utilização das refinarias (11h30)
  • Receita Federal: Arrecadação federal de julho e faturamento líquido do mesmo mês (12h)
  • Ministério da Economia: Ministro da Economia, Paulo Guedes, participa de coletiva sobre o resultado da arrecadação Federal (12h15)
  • Economia: Consumo aparente, exportações, importações e nível de emprego (14h)
  • Supremo Tribunal Federal: STF inicia julgamento sobre autonomia do Banco Central (14h)
  • Tesouro Nacional: Coordenador-geral de Operações da Dívida Pública, Luis Felipe Vital, comenta RMD de julho (15h)
  • Banco Central: O presidente do BC, Roberto Campos Neto, participa da 11ª Reunião do Núcleo de Estudos Avançados de Regulação do Sistema Financeiro Nacional (NEASF), promovida pela FGV (16h)
  • Tesouro Nacional: Secretário especial do Tesouro e Orçamento, Bruno Funchal, participa da Expert XP (18h)
Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

Exile on Wall Street

O que faz as empresas falharem? Conheça as cinco “assassinas silenciosas” que podem impactar nos seus investimentos

O verdadeiro início da derrocada de uma empresa não pode ser devidamente noticiado pelas finanças ou pelas operações, mas somente dentro do núcleo de cultura corporativa

CAPTAÇÕES BILIONÁRIAS

Localiza, Unidas e Movida vão a mercado em busca de R$ 5 bilhões com emissões de debêntures

Locadoras de veículos se recuperaram rapidamente da crise da covid-19 e buscam recompor o caixa em meio à escassez de componentes no setor automotivo

De olho no dragão

Ministério da Economia eleva expectativa para inflação em 2021; veja qual a nova projeção

A pasta também atualizou as estimativas para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor, utilizado para a correção do salário mínimo

MERCADOS HOJE

Com precatórios e queda do minério de ferro no radar, Ibovespa opera em queda de 1%; dólar avança

Em Brasília, os investidores acompanham de perto as discussões em torno do pagamento dos precatórios e repercutem mais uma queda expressiva do minério de ferro

Logística

MSC quer comprar controle da Log-In (LOGN3), que tem a gestora Alaska como maior acionista; papéis disparam

A proposta da MSC Mediterranean equivale a R$ 25 por ação LOGN3 e pode chegar a R$ 1,8 bilhão; Alaska e Tarpon estão entre os principais acionistas da empresa

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies