Menu
Vinícius Pinheiro
O melhor do Seu Dinheiro
Vinícius Pinheiro
2019-09-26T19:31:59-03:00
Seu Dinheiro na sua noite

Tudo o que é sólido pode derreter

26 de setembro de 2019
19:31
O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Andrei Morais/Seu Dinheiro

Woody Allen diz que a vantagem de ser inteligente é que se pode fingir que é idiota, mas o contrário é impossível. Creio que o diretor de cinema (e um de meus ídolos) revisaria esse conceito se trabalhasse no mercado financeiro.

Afinal, em todos os ciclos de alta das bolsas – como o que vivemos atualmente – o que não faltam são pessoas que se fingem de inteligentes falando para você o que fazer.

Eu me lembro que, na véspera da quebra do banco norte-americano Lehman Brothers, um analista me disse que a tendência do dólar – na época na casa de R$ 1,60 – era de queda.

Logo depois que estourou a crise financeira de 2008, especialistas do mesmo tipo pipocaram nas manchetes de jornais e na TV apontando todos os sinais da bolha que se formara no mercado. Informações muito úteis, mas que seriam de muito mais valia antes da crise, é claro.

Ainda não inventaram nenhuma máquina capaz de prever o futuro. Mas as sucessivas crises nos ensinam que tudo o que é sólido pode derreter.

Por tudo isso, acredito que a melhor vacina contra os bobos em pele de espertos seja o conhecimento. Aqui no Seu Dinheiro procuramos ajudá-lo nessa missão levando conteúdo de qualidade e descomplicado sobre economia e finanças.

Como você sabe, para celebrar nosso primeiro aniversário, fomos além e convencemos o Fausto Botelho a lançar a sua primeira imersão online em mais de quatro décadas de carreira.

Hoje a Julia Wiltgen conduziu uma entrevista ao vivo na nossa página no YouTube com o Fausto para falar mais sobre o curso. Mas, como sempre, ele foi além e conduziu uma pequena aula sobre os principais elementos da análise técnica, perspectivas para as bolsas e criptomoedas. Vale muito a pena conferir.

Eterno enquanto dure

Em outro exemplo de que toda solidez só dura até derreter, na semana passada uma empresa fundada há 178 anos sumiu do mapa. A operadora britânica de turismo Thomas Cook não conseguiu recursos para superar uma grande crise financeira e entrou em colapso. A derrocada promoveu uma espécie de Dunquerque moderno ao deixar 150 mil turistas fora do Reino Unido a mercê do governo britânico. O mestre Ivan Sant’Anna, em sua coluna mais recente, recupera esse episódio para dizer uma verdade que pode soar inconveniente para muito investidor.

Nadador de ponta

Enquanto isso, a bolsa brasileira continua mostrando vigor. A maré bem que tentou derrubar o Ibovespa, mas o apetite pelo risco dos investidores trouxe gás extra para a bolsa nesta quinta-feira. Se lá fora o clima era tenso, por aqui o otimismo reinava com o Congresso sinalizando votos pela pauta econômica do governo Bolsonaro. No fechamento do dia, o principal índice da B3 superou os 105 mil pontos, marca que não era vista desde o começo de julho. Confira com o Victor Aguiar todas as informações do pregão.

Alívio de Brasília

Muito do otimismo visto no mercado local se deve a Brasília. O Congresso aprovou parte de uma PEC que permite ao governo fazer o megaleilão do pré-sal em novembro. A medida, que deve garantir o pagamento de R$ 33 bilhões da dívida da União com a Petrobras, é mais um sinal de avanço nas contas públicas. Além disso, a garantia do leilão neste ano soa como música para os investidores. Entenda o que mais está em jogo nesta matéria.

Vem aí uma estatal

Sim, você não leu errado! Enquanto o ministro da Economia, Paulo Guedes, e sua equipe trabalham desde a época do governo de transição para se livrar de tudo quanto é ativo não essencial, o Senado aprovou uma MP que cria uma nova companhia controlada pela União. A medida ainda precisa ser aprovada pelo presidente Jair Bolsonaro. Saiba nesta matéria qual será a função da nova empresa pública.

Um clássico não tão clássico assim

A febre dos hambúrgueres veganos veio mesmo para ficar e a partir de hoje vai contar com um aliado de peso. Depois do Burger King, foi vez do McDonald’s lançar sua versão vegana de lanches. A ideia é dar uma repaginada na clássica receita “dois hambúrgueres, alface, queijo, molho especial” e agradar a um novo tipo de público. O interessante é que há quatro meses a rede de fast food havia descartado adaptar seu famoso menu. Saiba nesta matéria o que fez a empresa mudar de ideia.

Este artigo foi publicado primeiramente no "Seu Dinheiro na sua noite", a newsletter diária do Seu Dinheiro. Para receber esse conteúdo no seu e-mail, cadastre-se gratuitamente neste link.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

CHATEADO

Guedes rebate críticas e diz que governo manteve o rumo mesmo no caos

Ministro também respondeu ao presidente do BC, que disse que é preciso plano para lidar com trajetória da dívida

NÚMEROS DA PANDEMIA

Covid-19: Brasil tem 6,16 milhões de casos acumulados e 170 mil mortes

Nas últimas 24 horas, número de novos infectados sobe 54% e mortes avançam 4%, diz Ministério da Saúde

Que bolsa é essa?

Vacina ou vírus? Ganhe nos dois cenários com este IPO na bolsa

Uma das maiores gestoras do setor imobiliário está lançando um fundo a um preço bem interessante e com potencial para pagar proventos na casa de 7% ao ano

seu dinheiro na sua noite

E essa Black Friday em ano de crise, vai dar bom?

Estamos prestes a viver uma Black Friday num ano de forte crise, em que as pessoas ficaram confinadas em casa. Definitivamente não é o melhor dos cenários para uma data tão voltada para o consumo. Por outro lado, foi na internet que a Black Friday ganhou força no Brasil, e o e-commerce deu um enorme […]

alta de 32% no ano

Parte da desvalorização maior do real se deve à dívida, diz presidente do BC

Roberto Campos Neto lembrou que o encerramento do ano é, tradicionalmente, um período de mais remessas de recursos ao exterior

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies