🔴 [EVENTO GRATUITO] COMPRAR OU VENDER VALE3? INSCREVA-SE AQUI

O bolo de Paulo Guedes

Em meio à trégua entre Rodrigo Maia e Jair Bolsonaro, o ministro da Economia resolveu faltar à reunião da CCJ da Câmara

26 de março de 2019
19:29
Selo O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

Esses dias eu conheci um fulano num pub e fiquei toda apaixonadinha. Trocamos mensagens e marcamos um jantar depois do expediente. Fiz a unha, escolhi a minha melhor roupa e adiantei o trabalho para tentar sair mais cedo. Até que recebo uma mensagem no Whatsapp uma hora antes do horário marcado: “blá blá blá (desculpa esfarrapada), sinto muito, mas não vou conseguir ir”.

Eu acho deselegante desmarcar um compromisso de última hora, mas, infelizmente, levar um bolo do paquera/peguete/crush (como quiser chamar) é bem frequente. É um dos sinais de que o fulano não está tão interessado assim em você. Respondi “ok, sem problemas”, engoli seco e fui para casa jantar sozinha. Faz parte...

Pior foi o Paulo Guedes que deu o bolo nos deputados da CCJ hoje à tarde e saiu em todos os sites de notícias. Simplesmente avisou em cima da hora que não iria aparecer na comissão para explicar a “nova Previdência”. Qual foi a desculpa? Não tem relator ainda. Bem, ontem também não tinha. Precisava esperar até hoje de manhã para avisar que não ia? Pareceu uma estratégia para não ser "convocado".

A desistência do ministro da Economia irritou os deputados, que não pouparam críticas ao “ausente” durante a reunião com seus assessores técnicos, como conta o Eduardo Campos, que também levou o bolo de Guedes e acompanhou a reunião. Dizem as más línguas que o ministro não apareceu justamente para fugir do ataque dos parlamentares em meio à maré de insatisfação com o governo.

Seja como for, os investidores ficaram sentidos. A bolsa, que estava em alta, perdeu força quando Guedes confirmou sua ausência. Eles esperavam pela fala do ministro mais do eu que aguardava o meu “date”. Engole o bolo, mercado…

Levanta a cabeça

A bolsa até chegou a balançar depois que Guedes anunciou que não iria à CCJ, mas horas depois deu a volta por cima e foi subindo. O resultado disso: alta de 1,76% e a volta ao patamar dos 95 mil pontos. Quer saber o que está por trás de tanto otimismo? O Victor Aguiar te conta.

“De bem” e preocupado

Depois dos afagos de Bolsonaro na noite de ontem, Rodrigo Maia parece estar disposto a colocar panos quentes na crise entre o Executivo e o Legislativo. Adotando um tom conciliador, ele minimizou a falta de Guedes na CCJ e voltou a fazer forte propaganda pela reforma da Previdência. Será que a tempestade política vai passar e os bons ventos estão chegando?

Dia 85 de Bolsonaro - Matou a reforma e foi ao cinema?

O noticiário de parte do dia foi dominado por duas informações. O presidente Jair Bolsonaro foi ao cinema, no que seria um gesto de desprendimento diante das dificuldades da articulação política, enquanto seu ministro da Economia, Paulo Guedes, desistiu de ir à CCJ debater a reforma da Previdência. A justificativa oficial é... (leia mais)

Ladeira abaixo?

Que a queda de mais de 5% no Ibovespa na semana passada deu aquele susto em muito investidor, disso ninguém tem dúvida. Inclusive tem gente no mercado que acredita que essa onda negativa na bolsa está só começando. O colunista Fausto Botelho fez uma análise gráfica neste vídeo e corrobora a tese de que a bolsa deve cair mais. A culpa é de um fenômeno do mercado chamado “bull trap”. Vale a pena conferir!

Reflexos do desastre

A Vale fez seu primeiro balanço de produção após o rompimento da barragem em Brumadinho e os números não são nada animadores. Para se ter uma noção, a empresa deixará de produzir quase 93 milhões de toneladas de minério de ferro neste ano. Somente na região da mina que se rompeu, serão 40 milhões de toneladas a menos. Separamos para você os detalhes desse tombo.

Ninguém segura

Depois da onda da “taxa zero” que atingiu os bancos, o Tesouro Direto está voando cada vez mais alto. Dados divulgados hoje mostraram que mais de 50 mil pessoas embarcaram no bonde dos títulos públicos em fevereiro. Se somarmos com o recorde de 59 mil cientes de janeiro, já são mais de 110 mil novos investidores neste ano, um números para lá de expressivo se compararmos com os 15 mil novatos registrados no primeiro bimestre do ano passado. O Edu te conta tudo nesta matéria.

Este artigo foi publicado primeiramente no "Seu Dinheiro na sua noite", a newsletter diária do Seu Dinheiro. Para receber esse conteúdo no seu e-mail, cadastre-se gratuitamente neste link.

Compartilhe

efeito pandemia

Após ‘onda’ de devoluções, total de escritórios disponíveis em SP sobe 50%

15 de fevereiro de 2021 - 16:04

Situação tende a se agravar neste ano, tanto pela adoção massiva do home office quanto pela contínua inauguração de novos edifícios em São Paulo

perspectivas

Cresce a dependência comercial do Brasil para a China

14 de fevereiro de 2021 - 17:37

Com a pandemia, a participação chinesa nas exportações explodiu, avançando 4 pontos porcentuais: de pouco mais de um quarto para um terço das exportações, batendo em 32,3% em 2020

saída da ford

Governos e indústria buscam saída para Troller

14 de fevereiro de 2021 - 17:30

Há um esforço para salvar a marca brasileira que produz, no Ceará, o Troller T4, jipe que tem frota total em circulação de cerca de 20 mil unidades

estreias na b3

Novatas levantam R$ 3,5 bilhões na Bolsa nesta semana

10 de fevereiro de 2021 - 19:36

Em fevereiro, somente em IPOs foram levantados R$ 8,7 bilhões em ofertas primárias e secundárias

Paralisação

Funcionários do Banco do Brasil iniciam greve de 24h a partir desta quarta-feira

10 de fevereiro de 2021 - 12:59

A greve foi acordada durante assembleia virtual do sindicato e contou com a adesão de 87% dos trabalhadores, informa o sindicato

ICMS IRREGULAR

Aneel propõe devolver R$ 50,1 bi a consumidores em até cinco anos

10 de fevereiro de 2021 - 8:53

Após processos judiciais que se arrastaram por mais de dez anos, a Justiça entendeu que a cobrança dos encargos era feita de forma irregular

esquenta dos mercados

Debate sobre autonomia do BC e auxílio emergencial são destaques do dia para o mercado

10 de fevereiro de 2021 - 8:36

Auxílio emergencial, interferência na Petrobras e pacote de ajuda trilionário: o que você precisa saber hoje para estar preparado para o mercado

dinheiro no caixa

Petrobras conclui venda de participação na BSBios e recebe R$ 253 milhões

9 de fevereiro de 2021 - 20:51

Além deste montante, serão mantidos mais R$ 67 milhões em conta vinculada para indenização de eventuais contingências e liberados conforme o previsto em contrato

balanço da tech

Twitter registra alta de 87% em lucro do 4º trimestre; ação sobe

9 de fevereiro de 2021 - 19:23

Número de usuários ativos diários monetizáveis do Twitter entre outubro e dezembro de 2020 subiu 27% e chegou a 192 milhões

resultados do 4º tri

Neoenergia tem lucro aos controladores de R$ 996 milhões, alta de 61%

9 de fevereiro de 2021 - 19:12

No acumulado de 2020, o lucro atingiu R$ 2,809 bilhões, 26% superior em relação ao R$ 2,229 bilhões anotados no exercício anterior

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar