Menu
2019-05-30T11:53:01-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
abaixo das estimativas

Inflação do aluguel desacelera a 0,45% em maio, diz FGV

IGP-M também perdeu força em 12 meses, de 8,64% em abril para 7,64% em maio

30 de maio de 2019
11:50 - atualizado às 11:53
Prédios em São Paulo
Imagem: Shutterstock

O Índice Geral de Preços - Mercado (IGP-M) desacelerou a 0,45% em maio, após 0,92% em abril, informou a Fundação Getulio Vargas (FGV) nesta quinta-feira, 30.

O indicador mede o movimento dos preços de forma geral e funciona como indexador de contratos de aluguel, tarifas públicas, seguros etc.

Em 12 meses, o IGP-M também perdeu força, de 8,64% em abril para 7,64% em maio. Esse resultado também ficou aquém da mediana de 7,75%. No ano, o indicador acumula alta de 3,56%.

Entre abril e maio, o arrefecimento do IGP-M foi novamente encabeçado pelo comportamento menos pressionado dos produtos no atacado no período. O Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA-M) desacelerou de 1,07% no quarto mês do ano para 0,54% neste mês.

Da mesma forma, o Índice de Preços ao Consumidor (IPC-M) cedeu no período, de 0,69% para 0,35%, assim como o Índice Nacional de Custo da Construção (INCC-M), que variou de 0,49% para 0,09%, conforme informado na segunda-feira (27) pela FGV.

IPAs

O alívio no IGP-M entre abril e maio foi bastante influenciado pela queda dos produtos agropecuários no período. O Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA) agropecuário registrou deflação de 2,12% contra alta de 0,45% no mês anterior. Já os itens industriais, medidos pelo IPA Industrial, avançaram, de 1,28% para 1,43% em maio.

Por estágios de produção, contribuíram para o alívio no índice os Bens Finais, que registraram ligeira alta de 0,01% este mês, de 1,25% em abril. A principal influência para essa desaceleração partiu do subgrupo alimentos in natura, cuja taxa de variação passou de elevação de 0,97% para recuo de 7,77%, no mesmo período.

Na mesma direção, as Matérias-Primas Brutas arrefeceram de 1,57% para 0,67%. Já os Bens Intermediários avançaram entre abril e maio, de 0,47% para 0,95%.

*Com Estadão Conteúdo 

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

Dragão gringo

Bolsas têm alívio após divulgação de dados de inflação e gastos nos EUA

Logo após a divulgação dos dados, os índices futuros do S&P500 e o Nasdaq aceleraram a alta em Nova York. Por aqui, o Ibovespa também passou a operar firme no azul

Exile on Wall Street

Comprar ou vender Petro?

Sou uma pessoa muito mais “humanas” do que “exatas”. Na escola, tinha especial curiosidade sobre como seria ter aulas de Filosofia, o que só foi acontecer no segundo ano do colegial. Lembro bem da minha ansiedade ao abrir o livro “Convite à Filosofia”, de Marilena Chaui, aquele que seria meu passaporte para finalmente descobrir do […]

Abertura

Na contramão do mundo, Ibovespa abre com leves ganhos puxado por bons resultados de empresas

A Vale registrou lucro líquido no quarto trimestre e ao longo da semana, as companhias têm dado sinais de recuperação mesmo durante a pandemia

O melhor do Seu Dinheiro

Os atalhos do campo financeiro

Se você gosta de futebol (se não, peço desculpas, o texto já já vai chegar no ponto), sabe que a crônica esportiva é cheia de jargões, metáforas e frases prontas para explicar o jogo e a atuação dos jogadores.  Uma metáfora que vira e mexe aparece nos textos é o tal “atalhos do campo”. Essa […]

débito ou crédito?

Lucro do PagSeguro soma R$ 430 mi no trimestre; maior da história da companhia

O recorde, contudo, não foi suficiente para evitar que o PagSeguro terminasse 2020 em queda. O lucro líquido ajustado da empresa caiu 2,4% em comparação a 2019, ao alcançar R$ 1,434 bilhão

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies