Menu
Vinícius Pinheiro
O melhor do Seu Dinheiro
Vinícius Pinheiro
2019-05-29T19:01:03-03:00
Seu Dinheiro na sua noite

Até a última curva

29 de maio de 2019
19:01
Selo O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

A Fórmula 1 já não era mais a mesma em 2008, quando Felipe Massa quase se sagrou campeão do mundo, e ainda por cima no GP do Brasil.

O piloto brasileiro disputava o título com o inglês Lewis Hamilton e venceu a prova, condição necessária para conquistar o título. Mas foi campeão por menos de 20 segundos.

Hamilton precisava chegar em quinto lugar, e estava na sexta posição quando Massa cruzou a linha de chegada. Só que ele conseguiu uma ultrapassagem pouco antes da reta principal de Interlagos e encerrou o campeonato um ponto à frente do brasileiro.

No mundo dos negócios, as disputas podem ser quase tão emocionantes quanto as das pistas de corrida. Neste momento, Magazine Luiza e Centauro travam uma batalha de preços para ver quem vai ficar com a Netshoes.

O Magalu era o grande favorito para ficar com a varejista online de produtos esportivos. A empresa anunciou acordo com os principais acionistas e já teve, inclusive, o aval do Cade, o órgão de defesa da concorrência.

Só não contava com a ultrapassagem da Centauro, que agora está na frente da disputa. Só que, embora tenha oferecido o maior preço, a empresa pode acabar não levando a Netshoes, assim como aconteceu com Massa no título de 2008.

O Victor Aguiar, que também gosta de uma boa corrida (mas sem motores envolvidos), traz para você todos os lances e explica as nuances dessa briga que tem feito a alegria dos acionistas da Netshoes.

Dólares na conta

Toda vez que a cotação do dólar sobe, como ocorreu durante o “tsunami” de duas semanas atrás, recebo uma série de perguntas sobre como investir na moeda americana. Aqui no Seu Dinheiro nós já publicamos uma reportagem que traz pelo menos três opções de investimentos para você. Mas e se você pudesse simplesmente ter uma conta corrente com dólares depositados? O Banco Central já anunciou que vem trabalhando nessa possibilidade. Quer saber mais sobre como (e quando) vai funcionar essa conta dolarizada? O Edu Campos esteve em uma entrevista com o presidente do BC, Roberto Campos Neto, e conta nesta matéria.

Os otimistas estão chegando

Na verdade eles já chegaram e tomaram conta da bolsa. Parece que os investidores fizeram as pazes com o cenário financeiro brasileiro e resolveram largar a proteção do dólar rumo ao risco da renda variável. O Ibovespa acumula uma boa alta nas últimas sessões e hoje fechou novamente no azul. Mas o destaque ficou mesmo com o dólar, que voltou a ficar abaixo dos R$ 4. Os detalhes sobre o dia nos mercados você confere na nossa cobertura.

Na cola dos líderes

Quem acompanha o Campeonato Brasileiro sabe: somente as seis primeiras posições na classificação dão direito a uma vaga na Taça Libertadores. Apesar dos tropeços recentes, o meu São Paulo segue dentro desse grupo seleto, mas confesso que não boto muita fé na permanência da equipe até o fim do campeonato. No mundo dos bancões , a situação é ainda mais difícil: com BB, Itaú, Caixa, Bradesco e Santander nas cinco primeiras posições, sobram poucas vagas na elite financeira. Mas uma instituição está vindo com tudo para ocupar a sexta posição e ir direto para a “Libertadores dos bancos”, como você confere nesta matéria que eu preparei.

De tijolo ou de papel

Mesmo que você seja um novato nos investimentos, deve saber que esse universo é quase infinito. Até mesmo dentro de uma única modalidade pode haver uma série de opções disponíveis. Aqui no Seu Dinheiro você fica sabendo o melhor que o mercado oferece, e hoje a Julia Wiltgen traz uma matéria especial sobre o que e quais são os cinco principais tipos de fundos imobiliários comercializados hoje. Vale muito a pena conhecer mais essa alternativa!

Sartre, Twitter e bolsa

A ausência de notícias (e de tuítes) pode ser uma boa notícia? A melhora da bolsa e a queda do dólar nesta semana deram a deixa e mostraram que sim. Os sinais de que a reforma da Previdência está ganhando força e o cenário político se acalmou animam muita gente, inclusive nosso colunista Felipe Miranda. Com o seu texto sempre repleto de referências (e boas dicas), ele diz o que esperar para os seus investimentos no caso da agenda de reformas (muito além da Previdência, é claro) passar pelo Congresso.

Check-list do sucesso

Reuniões de trabalho, lista de afazeres, tempo para relaxar com um cafezinho… esqueça tudo isso se você quiser ter sucesso como Richard Branson ou Warren Buffett. A rotina das pessoas bem sucedidas é muito diferente do que a maioria de nós imagina. Mas quais são os hábitos em comum entre eles? Confira nesta lista o que fazer e, principalmente, o que não fazer para seguir os passos dos magnatas.

Este artigo foi publicado primeiramente no "Seu Dinheiro na sua noite", a newsletter diária do Seu Dinheiro. Para receber esse conteúdo no seu e-mail, cadastre-se gratuitamente neste link.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

seu dinheiro na sua noite

No mundo corporativo, quem não diversifica, se trumbica

De uns tempos para cá, uma antiga fala de Warren Buffett tem pipocado nas minhas redes. Nela, o megainvestidor diz que “diversificação não faz sentido para quem sabe o que está fazendo” — e ele, naturalmente, se coloca como um sábio. Longe de mim querer contrariar o oráculo do mercado financeiro, mas é preciso tomar […]

nos ares

Boeing realiza 1º voo do maior avião da família 737 MAX e inicia fase de testes

Empresa vem trabalhando para superar acidentes aéreos envolvendo a família de aviões 737 MAX. No Brasil, a Gol tem um pedido firme do 737-10

pix questionado

Procon-SP notifica bancos por brechas exploradas por ladrões de celulares

São requisitados esclarecimentos sobre dispositivos de segurança, bloqueio, exclusão de dados de forma remota e rastreamento de operações financeiras disponibilizados aos clientes vítimas de furto ou roubo

FECHAMENTO DA SEMANA

Juros futuros são grandes protagonistas da semana e ainda prometem mais emoção; dólar recua 1% e bolsa fica no vermelho

Com Copom duro e a sinalização de uma possível elevação nas taxas de juros nos EUA, os principais contratos de DI dispararam. Na semana, o dólar recuou com o forte fluxo estrangeiro e a bolsa seguiu o ritmo das commodities (mais uma vez)

Calendário completo

Banco Central: veja as datas das reuniões do Copom em 2022

O Copom é o órgão do BC responsável por definir, a cada 45 dias, a taxa básica de juros da economia brasileira

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies