Menu
2019-04-04T09:15:33-03:00
Estadão Conteúdo
Efeito Temer nas reformas

Marinho diz que MDB saberá separar prisão de Temer de discussão sobre Previdência

Secretário especial de Previdência reconheceu que a prisão de Temer pode ter impactos políticos e não é um fato corriqueiro

22 de março de 2019
10:10 - atualizado às 9:15
michel-temer
Michel Temer - Imagem: Shutterstock

O secretário especial de Previdência e Trabalho, Rogério Marinho, afirmou em entrevista à Rádio Bandeirantes do Rio Grande do Sul que espera que o MDB saiba separar a prisão do ex-presidente Michel Temer das discussões da reforma da Previdência.

"Estive com a bancada do MDB na Quarta-feira (20) e sei que eles vão saber separar o processo. Mesmo porque a prisão de Temer não é ação do governo, é uma ação do MPF do Rio de Janeiro, não há nenhuma interferência do governo", afirmou o secretário na entrevista.

Marinho reconheceu que a prisão de Temer "não é um fato corriqueiro" e que pode ter impactos políticos. "Certamente por ser um fato extraordinário gera uma comoção no Parlamento e na classe política como um todo", disse.

O secretário disse também que, no momento, os "ânimos estão exaltados" e que na semana que vem vai fazer uma avaliação do clima no Congresso. Segundo ele, na próxima semana ocorrerão encontros com as bancadas do Avante e do DEM para debater o tema.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

seu dinheiro na sua noite

2 milhões de mortos, 2 trilhões em estímulos e uma queda de mais de 2%

Se a primeira semana de 2021 nos mercados refletiu o otimismo geral com o novo ano que se iniciava, com perspectivas de vacinação contra o coronavírus e recuperação econômica, na segunda semana do ano, os investidores optaram pela cautela. Por ora, 2020, o ano do qual todos queríamos nos livrar, ainda não ficou para trás. […]

FECHAMENTO

Atritos políticos e covid-19 voltam para assombrar o mercado e Ibovespa recua mais de 2%; dólar sobe forte

Existe uma certa desconfiança de que o plano de US$ 1,9 trilhão apresentado por Biden encontre dificuldades de ser aprovado pelo Congresso, ainda que o democrata tenha conquistado a maioria das duas casas. No Brasil, situação do coronavírus reacende a pressão sobre o cenário fiscal

match com o mercado?

Concorrente do Tinder, Bumble pode levantar US$ 100 milhões em IPO

Ações da empresa estreiam em fevereiro na Nasdaq; companhia, que é dona do Badoo, não deu lucro no ano passado

pandemia

Itamaraty confirma que Índia atrasará entrega de vacinas

Chanceler indiano atribuiu o atraso na liberação a “problemas logísticos” decorrentes das dificuldades de conciliar o início da campanha de vacinação no país de mais de 1,3 bilhão de habitantes

DESTAQUES DA BOLSA

Localiza e Unidas caem com temores sobre Cade; JHSF é destaque após prévia do 4º trimestre

Coronavírus, Cade e dólar alto… Confira as razões por trás dos melhores (e piores) desempenhos do dia

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies