Menu
2019-10-14T16:23:43-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Serviço

Governo inicia pagamento de R$ 23 bilhões do PIS/Pasesp. Veja se você tem algo a receber

Correntistas da Caixa e do Banco do Brasil terão recursos creditados em suas contas. Não há prazo final para retirada. Herdeiros também podem sacar

19 de agosto de 2019
5:12 - atualizado às 16:23
Dinheiro
Imagem: Shutterstock

A Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil iniciam nesta segunda-feira o pagamento dos recursos do PIS/Pasep. Os primeiros a receber serão os correntistas desses bancos. As demais pessoas que tiverem direito ao benefício devem observar os calendários de pagamento (abaixo). Desta vez, não há prazo final para o saque.

A liberação desses fundos foi feita junto com os saques das contas ativas e inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), que começarão no próximo mês.

Serão disponibilizados para saque R$ 18,3 bilhões, referentes a 10,4 milhões de trabalhadores que possuem cotas do PIS. Dentro do Pasep são outros R$ 4,5 bilhões para cerca de 1,52 milhão de cotistas.

Não sabe o que fazer com o dinheiro? Seque aqui o link para nosso e-book sobre perspectivas do segundo semestre. Também deixo como sugestão as matérias da Julia Wiltgen. Temos essa sobre investimentos até R$ 500 e outras duas sobre como fazer o investimento de acordo com seu perfil. Conservador ou arrojado.

Quem pode sacar?

Têm direito ao saque todos os cotistas da iniciativa privada cadastrados no PIS (Programa de Integração Social) e servidores públicos cadastrados no Pasep (Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público) até 4 de outubro de 1988.

Ambos constituem um fundo único, cujo saldo pode ser sacado pelo trabalhador cadastrado entre 1971 e 4 de outubro de 1988 e que ainda não tenha retirado o valor total das cotas na conta individual de participação.

Como sacar o PIS

Para os cotistas que possuem conta corrente ou poupança na Caixa, os créditos serão realizados de forma automática a partir desta segunda-feira, 19, independentemente da idade.

O cotista que não é correntista da Caixa e tem idade a partir de 60 anos poderá realizar o saque a partir do dia 26 de agosto. Já os cotistas com até 59 anos e que não possuem conta no banco podem receber o benefício a partir do dia 2 de setembro.

Saques com valor até R$ 3 mil podem ser feitos com o Cartão do Cidadão e a Senha Cidadão nos terminais de autoatendimento, nas unidades lotéricas e correspondentes Caixa Aqui, com documento de identificação oficial com foto.

Os valores acima de R$ 3 mil e de cotistas que não possuem Cartão do Cidadão e Senha devem ser sacados nas agências, mediante apresentação de documento oficial de identificação com foto.

O beneficiário legal, na condição de herdeiro, pode comparecer a qualquer agência da Caixa portando documento oficial de identificação com foto e outro que comprove sua condição de sucessor para realizar o saque.

O representante legal do cotista está apto a retirar o saldo, mediante procuração particular, com firma reconhecida, ou por instrumento público que contenha outorga de poderes para solicitação e saque das Cotas do PIS.

Para atender aos trabalhadores com direito a cotas do PIS, a Caixa disponibilizou o site exclusivo www.caixa.gov.br/cotaspis, onde é possível consultar o direito às cotas, além de valores, cronograma e locais mais convenientes para o saque.

O cotista também pode acessar as informações pelo aplicativo Caixa Trabalhador, pelo telefone 0800 726 0207, terminais de Autoatendimento, por meio do Cartão do Cidadão e agências da Caixa. Os correntistas do banco podem utilizar o Internet banking Caixa, na opção “Serviços ao Cidadão”.

Como sacar o Pasep

Cerca de 30 mil cotistas do Pasep que possuem conta corrente ou poupança no Banco do Brasil terão o depósito feito automaticamente nesta segunda-feira, 19, à noite, e não precisarão realizar qualquer procedimento para receber o dinheiro.

Clientes de outras instituições financeiras, com saldo de até R$ 5 mil, poderão transferir o saldo da cota via Transferência Eletrônica Disponível (TED), sem nenhum custo, a partir do dia 20 de agosto, terça-feira. A opção de TED pode ser realizada tanto via internet, pelo endereço eletrônico www.bb.com.br/pasep, quanto pelos terminais de autoatendimento.

Demais cotistas, assim como herdeiros e portadores de procuração legal, poderão realizar os saques diretamente nas agências do BB, a partir do dia 22 de agosto, quinta-feira.

O beneficiário legal, na condição de herdeiro, pode comparecer a qualquer agência do Banco do Brasil portando documento oficial de identificação e outro que comprove sua condição de sucessor para realizar o saque.

Representante legal do cotista também pode fazer o saque mediante procuração particular, com firma reconhecida, ou por instrumento público que contenha outorga de poderes para solicitação e saque de valores.

Para saber se você tem direito às cotas, basta acessar o portal www.bb.com.br/pasep.  As soluções de consulta e saque da cota para envio de TED também estão disponíveis nos terminais de autoatendimento do BB. O cotista ainda pode obter informações por meio da Central de Atendimento BB pelos telefones 4004 0001 (capitais e regiões metropolitanas) ou 0800 729 0001 (demais localidades).

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

é hoje!

Nasa e SpaceX, do bilionário Elon Musk, enviam missão tripulada ao espaço nesta quarta

Última decolagem de um veículo norte-americano em direção à Estação Espacial Internacional foi em 2011, ano em que o ônibus espacial Atlantis foi aposentado

em meio à pandemia

Shoppings e centros comerciais reabrem no Distrito Federal nesta quarta

De acordo com o decreto do governador Ibaneis Rocha, publicado na última sexta-feira (22), esses estabelecimentos reabrirão em horário restrito, das 13h às 21h

crise

Lagarde diz que BCE prevê contração econômica entre cenários ‘médio’ e ‘severo’

Presidente do BCE diz que é muito difícil avaliar o quanto a economia foi afetada pela covid-19

ainda vai?

Estamos contratando estudos para privatização dos correios, diz secretário

Governo não abandonou seus planos de concessões e privatizações, disse o secretário-executivo do Ministério da Economia, Marcelo Guaranys

atualização

Câmara aprova MP que aumenta salário mínimo para R$ 1.045

MP 916/19, editada no final do ano passado, acrescentou ao salário mínimo um reajuste de 4,1%; como a inflação de dezembro de 2019 foi divulgada em janeiro deste ano, o índice anual do INPC do ano passado foi de 4,48%

Entrevista exclusiva

O presidente da Mastercard diz como você vai pagar suas compras após a pandemia

Além do aumento do uso de meios eletrônicos nas compras, João Pedro Paro Neto aposta na consolidação dos pagamentos por aproximação e menor uso do dinheiro de papel

Exclusivo SD Premium

“Ground Stop”: É hora de se aventurar nas ações do setor aéreo?

Imagine, caro amigo leitor, o quanto não está custando a atual paralisação provocada pelo surto da Covid-19 para os setores aeronáutico e aeroportuário em todo o mundo. Cem bilhões? Duzentos bilhões? Trezentos bilhões? Um trilhão?

Reflexos da pandemia

Com coronavírus, lucro do Iguatemi cai 77,5% no 1º tri, para R$ 12,5 milhões

Operadora de shopping centers viu queda nas vendas, na receita líquida e no Ebitda com fechamento da maioria das lojas no fim de março por conta da pandemia

Atualização do Ministério da Saúde

Brasil tem 391.222 casos confirmados e 24.512 mortes pelo coronavírus

Segundo Ministério da Saúde, 158.593 pacientes foram recuperados

Projeto de ajuda a Estados

Bolsonaro diz não poder mais socorrer Estados e insiste na reabertura da economia

“Nós não podemos continuar socorrendo Estados e municípios que devem no meu entender de forma racional começar a abrir o mercado”, afirmou

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements