Menu
2019-10-14T14:10:16-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Mais vendas no horizonte?

Ações da Petrobras passam a subir forte com notícia sobre privatização da estatal

Segundo o Valor Econômico, a equipe econômica planeja privatizar a Petrobras até o fim da atual gestão, o que deu um forte impulso às ações da empresa

21 de agosto de 2019
16:28 - atualizado às 14:10
Letreiro da Petrobras em frente a prédio
Letreiro da Petrobras em frente a prédio - Imagem: Shutterstock

A possibilidade de privatização da Petrobras animou os mercados na tarde desta quarta-feira (20). Segundo uma matéria publicada pelo Valor Econômico, a venda da estatal faz parte dos planos da equipe econômica do governo — a ideia é concluir esse processo até o fim da gestão Bolsonaro.

Citando fontes, o jornal afirma que mesmo que a Petrobras não esteja entre as 17 estatais que serão incluídas na lista de companhias que poderão ser privatizadas — o anúncio oficial deve ser feito no fim da tarde de hoje —, a equipe econômica prevê que a petroleira terá o mesmo destino até 2022.

A notícia provocou uma reação imediata nos mercados: as ações PN da Petrobras (PETR4), que exibiam ganhos moderados, ganharam força e encerraram em alta de 5,95%, a R$ 25,20. Os papéis ON (PETR3) também passaram a subir forte e avançaram 5,32%, a R$ 27,90.

O impulso nos ativos da Petrobras puxou o Ibovespa como um todo — as ações da estatal possuem um peso relevante na composição da carteira. O principal índice da bolsa brasileira terminou o pregão com ganhos de 2%, aos 101.201,90 pontos. Confira aqui a cobertura completa dos mercados nesta quarta-feira.

De acordo com o site Poder360, o anúncio a ser feito pelo governo nesta tarde inclui companhias como a Eletrobras, a Telebras, a EBC, a Casa da Moeda, os Correios e a Ceagesp (Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo) — a Petrobras não faz parte da lista, segundo o site.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

gestão segue independente

Holding do BTG Pactual compra consultoria de energia PSR

Um dos principais objetivos da parceria é propiciar a expansão da companhia no mercado global de energia

recursos contra a doença

Câmara aprova liberação de R$ 1,9 bilhão para compra de vacinas contra Covid-19

Dinheiro vai custear contrato entre a Fiocruz, vinculada ao Ministério da Saúde, e o laboratório AstraZeneca; recursos virão da emissão de títulos públicos

permissão especial

Anvisa divulga regras para autorização emergencial de vacina contra covid-19

Modo simplificado terá menos exigências do que os registros de outros medicamentos e tratamentos, mas a agência declarou que serão garantidos requisitos de segurança

seu dinheiro na sua noite

Uma previsão (conservadora) para a bolsa em 2021

Depois de tudo que passamos em 2020 (e o ano ainda não acabou), eu admiro a coragem de quem se arrisca a fazer previsões para o desempenho dos investimentos. As estimativas podem parecer mero chute — e às vezes são mesmo — mas no geral têm fundamento. Com algum trabalho, é possível calcular o fluxo […]

emissão de dívida em dólar

Tesouro capta US$ 2,5 bilhões no exterior com títulos de 5, 10 e 30 anos

Houve forte demanda pelos títulos de dívida externa, que superou a oferta em mais de 3 vezes, diz instituição; volume emitido com bônus de 10 anos foi o maior, de US$ 1,25 bi

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies