Menu
2019-01-14T14:53:20-02:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Mudanças à vista

Governo indica almirante para a presidência do conselho da Petrobras

O governo também indicou os nomes de John Milne Albuquerque Forman e João Cox para o conselho da estatal

14 de janeiro de 2019
14:53
Eduardo Bacellar Leal Ferreira, almirante indicado para o conselho da Petrobras
Imagem: Reprodução / Twitter

O almirante Eduardo Bacellar Leal Ferreira foi indicado pelo governo Bolsonaro para ocupar a presidência do conselho de administração da Petrobras.

Leal Ferreira era comandante da Marinha até janeiro do ano passado e ocupou uma série de cargos na hierarquia militar. Não consta no currículo do almirante encaminhado pela Petrobras experiência no setor de óleo e gás.

"Leal Ferreira foi treinado e teve suas capacidades de liderança, gestão e visão estratégica testadas e aperfeiçoadas ao longo de muitos anos de experiência", informa a estatal, em comunicado.

O governo indicou outros dois nomes para compor o conselho da Petrobras: John Milne Albuquerque Forman e João Cox.

Os três membros indicados substituem Luiz Nelson Carvalho, Francisco Petros e Durval José Soledade Santos no Conselho de Administração da Petrobras. Carvalho e Petros haviam pedido para sair no dia 1º de janeiro, enquanto Soledade apresentou pedido de renúncia hoje, segundo a Petrobras.

Soledade permanece como membro externo do Comitê de Minoritários e do Comitê de Auditoria Estatutário do Conglomerado Petrobras.

A saída dos executivos ocorreu a pedido do governo, que queria nomes mais alinhados às novas diretrizes delineadas para a petroleira, segundo notícias veiculadas na imprensa.

Currículos

Dos outros conselheiros indicados, Forman é graduado em geologia e Master of Science em Geologia pela Universidade de Stanford. Foi professor da Escola de Geologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e membro do Conselho Científico e Tecnológico do Conselho Nacional do Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

Forman também atuou como presidente da Unipar e da Nuclebrás, além de ter ocupado o cargo de diretor da Agência Nacional do Petróleo, Gás e Biocombustíveis (ANP).

João Cox é economista com especialização em economia petroquímica pela Universidade de Oxford, mas fez carreira no setor de telecomunicações, como presidente da Telemig Celular e da Claro. No ano passado, ele assumiu a presidência do conselho de administração da Tim Participações.

Ainda segundo a Petrobras, a nova composição do conselho manterá o percentual mínimo de 40% de membros independentes, conforme o estatuto da companhia.

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

Retirada histórica

Saques líquidos da poupança somam R$ 5,832 bi em fevereiro, revela BC

Este é o maior volume de retiradas para meses de fevereiro desde 2016, quando as saídas somaram R$ 6,638 bilhões.

Justificativa?

Carga tributária é ‘enorme e escorchante’ e Guedes busca solução, diz Bolsonaro

Bolsonaro disse também que “herdou um país com uma dívida enorme”.

Tentando arrumar a casa

Em meio a turbulência no mercado de títulos, Powell diz que Fed não deixará inflação disparar

“Os EUA têm tido inflação baixa por décadas”, frisou.

Insights Assimétricos

Você sabe o que é financial deepening?

Para entender como o termo se aplica ao Brasil, confira o que o Matheus Spiess preparou para você.

não funciona sempre

Após frustração com “sonho grande”, Lemann deixa conselho da Kraft Heinz

Bilionário decide não buscar reeleição na companhia de alimentos, que perdeu metade do valor de mercado desde fundação

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies