Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-12-10T14:18:50-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
momento de tensão

Ações da Oi e da Vivo caem após nova fase da Lava Jato

Por volta das 12h desta terça-feira, os papeis ON da Oi (OIBR3) recuavam 2,15%, enquanto os papéis PN da Vivo (VIVT4) caíam 1,09%

10 de dezembro de 2019
12:14 - atualizado às 14:18
Logo da empresa de telefonia Vivo.
Vivo - Imagem: Shutterstock

As ações da Oi e da Vivo caem na manhã desta terça-feira (10) após as empresas terem seus nomes envolvidos na mais recente fase da operação Lava Jato.

Por volta das 12h, as ações ON da Oi (OIBR3) recuavam 2,15%, enquanto os papéis PN da Vivo (VIVT4) caíam 1,09% - ambos são os mais líquidos. No ano, a desvalorização dos ativos da Oi é da ordem de 27%. Já as ações da Vivo têm alta de 28%.

A 69ª fase da Operação Lava Jato investiga supostos repasses financeiros que teriam sido realizados pela Oi / Telemar em favor de empresas do grupo Gamecorp/Gol. Segundo o Ministério Público Federal, os pagamentos foram efetuados entre 2004 e 2016 e são superiores a R$ 132 milhões.

'Indícios de irregularidades no relacionamento" entre a Gamecorp/Gol e a Vivo/Telefônica no âmbito do projeto "Nuvem de Livros" também são investigados. A Procuradoria identificou movimentação de R$ 40 milhões entre a Movile Internet Móvel e a Editora Gol entre 15 de janeiro de 2014 e 18 de janeiro de 2016.

O que dizem Oi, Vivo e Movile

Em comunicado, "a Oi informa que atua de forma transparente e tem prestado todas as informações e esclarecimentos que vêm sendo solicitados pelas autoridades, assegurando total e plena colaboração com as autoridades competentes", disse a empresa por meio de nota.

A Telefônica, dona da marca Vivo, informou que está fornecendo todas as informações solicitadas e continuará contribuindo com as autoridades. A empresa reiterou seu "compromisso com elevados padrões éticos de conduta em toda a sua gestão e procedimentos".

"O Grupo Movile preza pela transparência em sua atuação e está cooperando com as investigações do MPF-PR, fornecendo todas as informações solicitadas. A empresa não é o alvo principal da investigação e trabalha em total colaboração com as autoridades", dia a Movile.

"A Movile esclarece ainda que, diferentemente do citado no primeiro comunicado oficial emitido pelo MPF-PR, não pertence ao grupo Telefônica/Vivo. Somos um ecossistema brasileiro de empresas de tecnologia, com atuação global."

*Com Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Petrobras privatizada vira possibilidade, Itaú revisa projeções para o Brasil e outros destaques

A proximidade do ano eleitoral não aprofunda apenas as discussões sobre o aumento de gastos do governo com medidas assistencialistas, como o Auxílio Brasil e o auxílio aos caminhoneiros, confirmados na semana passada após uma manobra no teto de gastos. Com outubro engatando a reta final, restam poucas folhas no calendário de 2021 e oportunidades […]

privatização no radar

Petrobras (PETR4) pede que governo explique estudo para venda de ações; papéis dispararam mais de 6% com rumores sobre privatização

Mais cedo, Bolsonaro reafirmou que a privatização “entrou no radar” do governo, mas destacou que o processo é uma “complicação enorme” e não deve sair tão cedo

FECHAMENTO DO DIA

Petrobras na mira da privatização ajuda Ibovespa a recuperar parte das perdas recentes e bolsa sobe 2%; dólar cai a R$ 5,56

Os investidores começam a semana ainda digerindo a confirmação do rompimento do teto de gastos, mas como a situação deixou de ser especulativa, abriu espaço para uma recuperação puxada pela Petrobras

FINANCIAL PAPERS

Polêmica com vazamentos não afeta balanço do Facebook (FBOK34) e ações avançam em NY

Mais cedo, o noticiário sobre a empresa era dominado por notícias menos favoráveis com a divulgação dos “The Facebook Papers”

Vídeo

All time high do Bitcoin: como fica o mercado de criptos com a principal moeda em alta?

Analista de criptomercado comenta sobre a situação atual desse cenário

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies