Menu
2019-12-02T08:24:15-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Novidades à vista?

Magazine Luiza está de olho em adquirir Estante Virtual

O jornal diz ainda que a Cultura teria a intenção de vender a companhia por um valor entre R$ 40 milhões e R$ 50 milhões

2 de dezembro de 2019
8:05 - atualizado às 8:24
Magazine Luiza
Imagem: Divulgação

Depois de adquirir a Netshoes no meio do ano, o Magazine Luiza está de olho em fazer mais uma aquisição. Dessa vez, o interesse está na loja on-line especializada em livros usados e novos, Estante Virtual, que é controlada pela Livraria Cultura. As informações são do jornal Valor Econômico.

De acordo com uma fonte ouvida pelo periódico, a varejista teria informado a companhia sobre a intenção de compra e a transação deve ocorrer por meio de um leilão até o começo do ano que vem.

O jornal diz ainda que a Cultura teria a intenção de vender a companhia por um valor entre R$ 40 milhões e R$ 50 milhões. A venda seria uma forma de reunir recursos para pagar credores, já que a rede de livrarias possui cerca de R$ 285,4 milhões em dívidas e pediu recuperação judicial para evitar a falência.

O Magazine Luiza foi procurado pela reportagem, mas ainda não retornou. No ano, as ações da companhia (MGLU3) sobem 100,28% e fecharam a última sexta-feira em R$ 45,03. A possível aquisição pode ajudar o Magalu a aumentar o market share na área de livros para concorrer com gigantes do setor como Amazon e até mesmo a própria Cultura.

Um pouco mais sobre a Estante Virtual

A Livraria Cultura adquiriu a Estante Virtual no fim de 2017. Na época, a ideia fazia parte do projeto de expansão da companhia e que incorporou até mesmo a antiga Fnac.

Mas, diante da grave crise pela qual passa a Cultura, a assembleia geral de credores da Livraria Cultura aprovou em setembro deste ano a venda da Estante Virtual por R$ 44 milhões, além da venda de créditos tributários no valor de R$ 31,7 milhões, de acordo com advogados da companhia.

Apenas para ter uma ideia, a Estante Virtual vendeu no ano passado cerca de 20 milhões de livros.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

país em crise

Concorrente do Uber, Cabify encerra operações no Brasil por conta da pandemia

Fundada há 10 anos em Madri, empresa enfrentou um mercado altamente competitivo no Brasil, mas crise recente foi decisiva para startup deixar o país

TIM Brasil poderá emitir até R$ 5,7 bilhões em debêntures incentivadas

O projeto da operadora para melhorias nas redes fixas e móveis de 21 unidades da federação entrou na lista de autorizações do Ministério das Comunicações

quem vai levar?

Tem ação fresquinha vindo aí, minha amiga, com o IPO da Hortifruti Natural da Terra

Com tese de investimento sendo que ela é o melhor do supermercado e da feira, companhia busca recursos para expandir operações

Ligando na tomada

Renault traz a nova geração de carros elétricos ao Brasil — e Weg e EDP garantem a recarga

A Renault firmou parceria com EDP e WEG para o fornecimento de infraestrutura do novo Zoe, veículo 100% elétrico da montadora francesa

Estreia na segunda

Hashdex capta R$ 615 milhões para o primeiro ETF de criptomoedas

O ETF replicará um índice desenvolvido pela Nasdaq com a própria gestora Hashdex e estreia na bolsa brasileira na seugnda-feira (26)

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies