Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-06-25T12:33:31-03:00
Estadão Conteúdo
Novo ranking

Brasil é 2º colocado em índice que avalia combate à corrupção em 8 países da América Latina

Dividindo-se por subcategorias, o Brasil lidera a referente à capacidade jurídica. País aparece em quinto lugar na que mede democracia e instituições políticas e em segundo na referente à sociedade civil, mídia e setor privado

25 de junho de 2019
12:33
América Latina
Imagem: América Latina

O Brasil ocupa a segunda colocação em um índice que mede a capacidade de combate à corrupção por parte dos países latino-americanos. A partir de 14 variáveis, oito países foram analisados pelo fórum Americas Society/Council of the Americas e a consultoria de riscos Control Risks.

É a primeira edição do índice, que tem uma pontuação de 0 a 10. Quanto mais alto é o número, maior é a probabilidade de agentes envolvidos em corrupção serem descobertos, punidos e dissuadidos.

O Chile é o país com a nota mais alta (6,66). Na sequência, vem o Brasil (6,14), Colômbia (5,36), Argentina (5,33), Peru (5,17), México (4,65), Guatemala (4,55) e Venezuela (1,71), que ocupa o último lugar.

Dividindo-se por subcategorias, o Brasil lidera a referente à capacidade jurídica, com nota 6,53. O País aparece em quinto lugar (nota 4,71) na que mede democracia e instituições políticas e em segundo (nota 6,97) na referente à sociedade civil, mídia e setor privado.

As 14 variáveis analisadas incluem fatores como a independência de instituições judiciais, a força do jornalismo investigativo e o nível de recursos disponíveis para combater o crime do colarinho branco.

O índice é baseado em bancos de dados e em um questionário exclusivo aplicado a especialistas em anticorrupção da Control Risks, do mundo acadêmico, da sociedade civil, da mídia e do setor privado.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

Podcast Mesa Pra Quatro

De corretor de investimentos a árbitro e comentarista de futebol: conheça a trajetória de Arnaldo Cézar Coelho

O ex-árbitro e ex-comentarista de futebol é o convidado do podcast Mesa Pra Quatro. Ele conta como sua mãe influenciou a investir em imóveis e fala sobre a sua trajetória no mercado financeiro, um lado que poucos conhecem – confira agora

nome limpo na praça

Boa Vista (BOAS3): Itaú BBA inicia cobertura com ‘compra’ e potencial de alta de 27%

Preço-alvo para 2022 foi estabelecido em R$ 15,50, apoiado na tese de crescimento da companhia e do mercado de serviço de informações de crédito

de olho na inovação

Bitcoin é ineficiente como moeda e bom apenas para especulação, diz ‘Papa’ do valuation

Damodaran disse que a importância que tem sido dada ao bitcoin é desproporcional em relação ao seu papel na economia e minimizou a adoção da criptomoeda por El Salvador

entrevista

Para economista-chefe do Santander Brasil, flexibilização do teto de gastos já é uma realidade

É preciso entender a dinâmica do momento para não entrar em escaladas “otimistas” ou “pessimistas”, diz Ana Paula Vescovi

pós-fusão

Ações da Hering (HGTX3) deixam de ser negociadas na B3 a partir desta segunda (20)

Transferência de papéis faz parte do acordo de fusão entre as companhias; Soma comprou a Hering em abril

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies