Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-11-04T16:28:27-03:00
Bruna Furlani
Bruna Furlani
Jornalista formada pela Universidade de Brasília (UnB). Fez curso de jornalismo econômico oferecido pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Tem passagem pelas editorias de economia, política e negócios de veículos como O Estado de S.Paulo, SBT e Correio Braziliense.
Reação do mercado

Ações do McDonald’s caem, após demissão de CEO por conta de relação com funcionário

A decisão foi informada após uma reunião do conselho que votou pela saída de Easterbrook na última sexta-feira (1). As informações são da Bloomberg

4 de novembro de 2019
10:41 - atualizado às 16:28
McDonald's
Imagem: shutterstock

As ações do McDonald's Corporation (MCD) começaram a segunda-feira (4) com o pé esquerdo com uma queda de 2% na pré-abertura do mercado e aprofundaram as perdas ao longo do dia. Por volta das 16h17 no horário de Brasília, os papéis da companhia apresentavam contração de 3%, cotados em US$ 188,08.

A queda é uma reação do mercado diante da demissão do CEO da companhia, Steve Easterbrook. Isso porque ele teria descumprido as políticas internas da empresa que dizem que o presidente não pode se relacionar com funcionários.

Por conta da situação, Chris Kempczinski, que era o responsável pelas operações nos Estados Unidos, foi promovido a presidente e CEO. A decisão foi tomada após uma reunião do conselho que votou pela saída de Easterbrook na última sexta-feira (1). Na ocasião, os conselheiros não deram mais detalhes sobre o suposto funcionário ou funcionária. As informações são da Bloomberg.

Em e-mail enviado a funcionários, o antigo CEO destacou que "aquilo foi um erro" e que "diante dos valores da companhia, ele tinha aceitado a posição do conselho e que era hora de seguir em frente".

As ações mais do que dobraram desde que Easterbrook assumiu o cargo em março de 2015, o que seria mais do que o ganho do índice S&P 500 durante o período, considerando que a companhia possui uma capitalização de mercado de US$ 147 bilhões.

Easterbrook foi visto como implacável em seu esforço para capturar uma nova geração de clientes que estariam dispostos a fazer pedidos por meio de aplicativos para smartphones e receber a comida em casa ou no trabalho, em vez de ir até a lojas.

Ele também ficou conhecido por ter vinculado a remuneração dos executivos à velocidade e amplitude com que a distribuição de entregas era feita, além do que trabalhou com fornecedores como o UberEats.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

Bilionário X Bitcoin

“Eu realmente não ligo para o bitcoin (BTC)”, afirma CEO do JP Morgan, que vê potencial de crescimento de até dez vezes para o preço da criptomoeda

Em entrevista ao jornal Times of India, Jamie Dimon mostrou que segue com ceticismo em torno do mercado de criptomoedas

Federal reserve

Dirigente do Fed vê economia próxima de atingir nível para início de tapering

Evans disse a instituição irá concentrar esforços no sentido de gerar inflação sustentável que seja consistente com sua meta oficial

Exile on Wall Street

Felipe Miranda: uma recomendação simples e direta para comprar agora; confira

Às vezes, a gente conta história, se mete a falar de filosofia, apresenta uma teoria com o intuito de demonstrar um ponto. E, às vezes, não tem nada disso. Seguimos a via mais direta nesta segunda-feira. Se aparecer uma oportunidade simples e eficiente, você deve aproveitá-la sem tergiversar.  Difícil entender a preferência de algumas pessoas […]

Mercados Hoje

Recuperação do petróleo e do minério de ferro puxam Ibovespa para o campo positivo, mas NY limita os ganhos

A semana está recheada de números importantes para o mercado, mas a segunda-feira começa no vermelho para o Ibovespa

Bitcoin (BTC) hoje

O que mexe com o preço do bitcoin (BTC) hoje: criptomoedas se recuperam após susto com China e analista da Bloomberg ajusta expectativas para o mercado até o final do ano

Assim como ó gosto duvidoso em sequências de filmes, a história da China contra o bitcoin não anima mais os fãs

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies